Pular para o conteúdo principal

Destaques

Um Conto Taiwanês de Duas Cidades: Série de romance e drama explora raízes, sonhos e amores

Uma série de romance e drama sobre duas mulheres conectadas por suas raízes de Taiwan, mas que seguiram caminhos bem diferentes e com personalidades moldadas pelas cidades em que viveram: enquanto uma cresceu em San Francisco, nos Estados Unidos, a outra passou a vida inteira em Taipei. A série A Taiwanese Tale of Two Cities (Um Conto Taiwanês de Duas Cidades, 2018) balanceia os idiomas e experiências culturais dos dois países, criando uma experiência prazerosa para quem deseja visitar ambos destinos turísticos. Essa produção taiwanesa foi um dos achados na Netflix . A mulher que nunca saiu do país, abraça as raízes da medicina chinesa e por causa do seu histórico de saúde frágil abriu mão de muitas coisas fora de sua zona de conforto, Lee Nien-Nien (Tammy Chen) que coincidentemente sonhava em conhecer San Francisco, acaba conhecendo a taiwanesa-americana Josephine Huang (Peggy Tseng), que embora tivesse curiosidades sobre sua origem, passou praticamente a vida toda nos Estados Unidos

Reflexão sobre Isolamento, Dinheiro e Vida

O que dizer das pessoas enchendo o saco e ainda não perceberam que não é só uma questão de querer 'deixar as pessoas trabalharem'? Ainda não entenderam a seriedade do Coronavírus nem vão entender. Já morreram médicos, religiosos e pessoas de diferentes faixas etárias [...]


Não só idosos, como algumas pessoas desatualizadas acreditam. Usam a própria negação para justificar críticas à mídia. Pura ignorância. Não gosta da mídia brasileira? Vai atrás da internacional para descobrir o que realmente está acontecendo. Saia da zona de conforto.

Não percebem não é só uma questão de hoje ou amanhã, mas de hospitais que podem hiperlotar, profissionais sem equipamentos de segurança e muitas mortes que podem/poderiam ser evitadas. Em vez de lutar para que o governo auxilie financeiramente, as pessoas criam histeria financeira e preocupações com negócios. Prefere ter dinheiro para o caixão ou viver?

Seu trabalho vale mais do que a sua vida? O imediatismo mata.

Acha que os jornais brasileiros estão te 'manipulando'? Nos outros países, achavam o mesmo, antes dos números de infectados aumentarem drasticamente. Em vários países, profissionais de saúde estão morrendo por falta de condições adequadas de trabalho, pessoas que morreram salvando vidas.

Seu tédio não vale mais do que a vida do outro. Não, não são os jornais e profissionais de saúde do mundo todo que estão mentindo. Talvez esteja na hora de admitir que, para algumas pessoas, ter dinheiro importa mais do que viver.
***

Adorando a leitura de O Café da Manhã dos Campeões. Um livro cheio de críticas ao imperialismo norte-americano. Ótimo para refletir sobre como muitas pessoas valorizam mais o dinheiro do que a própria vida e a própria liberdade. ☕

Compre o livro com desconto: https://amzn.to/2xE2LRW

Sobre o autor:


Ben Oliveira é escritor, blogueiro, jornalista por formação e Asperger. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e dos livros de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1) O Livro (Vol. 2), disponíveis no Wattpad e na loja Kindle.

Comentários

Mais lidas da semana