Pular para o conteúdo principal

Destaques

Resenha: Ed e Lorraine Warren: Vidas Eternas – Robert Curran e Jack & Janet Smurl

Entre o ceticismo e a curiosidade, as histórias de Ed e Lorraine Warren conquistaram pessoas de vários países graças às adaptações para filmes de terror inspiradas em casos investigados pelo casal de investigadores paranormais. Levando em conta o interesse dos leitores, a editora DarkSide Books publicou o livro Ed e Lorraine Warren:Vidas Eternas, escrito por Robert Curran que conta a experiência vivida por Jack e Janet Smurl. A obra foi lançada em 2019, com tradução de Eduardo Alves.


Compre o livro Vidas Eternas: https://amzn.to/2nwUw5A

Histórias como a da família Smurl, ainda que sejam questionáveis sobre o que teria realmente acontecido, quais partes foram aumentadas e/ou inventadas pela família, pelo escritor e/ou pelos próprios investigadores paranormais, deixam um gosto de nostalgia e também nos fazem pensar no sucesso de adaptações com temáticas semelhantes para o cinema.

A humanidade sempre tenta explicar o que não consegue entender. Divididos entre ficar em negação e se acostum…

Filme: Evil Angel

O filme foi dirigido e escrito pelo cineasta independente, Richard Dutcher. Além de produzir, ele interpretou um personagem em Evil Angel. O filme de terror lançado em 2009, conta a história de Lilith.

Segundo a mitologia, Lilith foi a primeira mulher de Adão e ela teria sido feita da mesma argila que Deus utilizou para fazer Adão. Cansada de ser submetida ao homem, ela vai embora do paraíso. Para alguns ela é tida como demônio, para outros como uma deusa.

A história começa com uma dualidade: ao mesmo tempo em que um homem está desesperado fugindo de Lilith e em rumo à sua morte, uma mulher grávida está em trabalho de parto, trazendo uma nova vida ao mundo.

Após a morte de uma prostituta, diversos eventos estranhos começam a acontecer e todos eles relacionados a experiências de quase morte. A forma encontrada por Lilith para continuar vagando na terra é possuindo corpos, mas essa posessão só acontece quando uma pessoa quase morre e é trazida de volta a vida.

Muitas coisas no filme não tem nexo. A imagem que o filme passa sobre Lilith, é de um demônio desocupado que na falta do que fazer tem como um hobby matar pessoas. Algumas de suas vítimas são aleatórias e outras têm uma suposta ligação com o corpo que ela possuiu.

Evil Angel tem duas horas de duração e até determinado momento, a produção consegue prender a atenção do telespectador, mas depois torna-se mais um daqueles filmes entediantes, longos e óbvios. De certa forma, o filme acaba se tornando um fardo pesado ao telespectador assistir até o final.

Trailer

Comentários

  1. Adoro essa mitologia que para un a lilith é uma deusa e para outros ela é um demônio, como a bíblia influencia em certas escolhas

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana