Pular para o conteúdo principal

Destaques

Antraz: Documentário da Netflix revela investigações feitas pelo FBI durante anos

Um pouco após os atentados terroristas contra as torres gêmeas, em Nova Iorque, Estados Unidos, no 11 de setembro de 2001, uma ameaça de antraz colocou as autoridades, como o FBI em alerta, e espalhou pânico nos norte-americanos devido à facilidade de se espalhar sem as pessoas saberem.  Dirigido e roteirizado por Dan Krauss e produzido pela Netflix e pela BBC, 21 anos após o ataque e o primeiro caso de circulação do antraz, o documentário Antraz: EUA Sob Ataque (The Anthrax Attacks) leva o telespectador para as investigações do FBI que duraram anos. O que a princípio foi alvo de muita pressão para a solução do caso, principalmente pelo medo dos norte-americanos do esporo da bactéria continuar se espalhando pelas cartas e fazendo mais pessoas adoecerem e/ou morrerem, logo foi caindo no esquecimento conforme as investigações desenrolavam fora dos holofotes.  Com a proximidade do caso do ataque às torres gêmeas, à primeira vista, o pânico generalizado fez com quem os norte-americanos

4 dicas de como jornalistas podem usar o facebook

Página do Facebook do jornalista Nicholas D. Kristof
em que ele interage e compartilha com os leitores
Os responsáveis pela página 'Journalists on Facebook' se encontraram com o jornalista do The New York Times Nicholas D. Kristof que deu 4 dicas rápidas de como usar o Facebook de maneira efetiva para o jornalismo. Confira abaixo:

1- Concentre-se em contar histórias. Uma boa história é uma boa história no Facebook.

2- Use a sabedoria da população nas suas reportagens. Isto funciona.

3- Faça perguntas e convide pessoas para participar da conversa.

4- Compartilhe o processo de como foi feito suas reportagens (criteriosamente).

Comentários

Mais lidas da semana