Pular para o conteúdo principal

Destaques

I Missed You: Filme taiwanês de drama relaciona os bloqueios emocionais aos digitais

As redes sociais já se tornaram tão parte das nossas vidas que, muitas vezes, servem como um baú de memórias, o qual podemos abrir e fechar conforme nossas necessidades. No filme taiwanês I Missed You , de 2021, dirigido por Chih-Yen Hsu e Mag Hsu , a protagonista é confrontada a encarar os seus bloqueios emocionais e digitais, para descobrir a causa de sua infelicidade. Kuo Chinchin (Eve Ai) é uma programadora viciada em trabalho. Por trás de sua personalidade durona, o telespectador conhece um pouco do seu passado conforme ela decide desbloquear duas pessoas do seu Facebook – de forma paralela a quem está assistindo, a personagem vai mergulhando cada vez mais no seu interior e martelando as memórias, as emoções e as escolhas. Sem exageros dramáticos, o filme tem um toque intimista e promove uma boa reflexão sobre como a tecnologia se tornou uma ferramenta não só para conhecer novas pessoas, mas também para criar mais proximidade ou afastamento das conexões com o passado, servindo pa

Comunidade Pantaneira do Porto da Manga é tema de livro-reportagem

Texto: Ben Oliveira (escrito para o blog I Love MS)

Blog criado pelos acadêmicos de jornalismo: Pantanal - Retratos
de uma comunidade isolada. Foto: Reprodução.
Os acadêmicos de Jornalismo da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) de Campo Grande (MS), Luis Augusto Akasaki e Thaiany Regina estão produzindo como trabalho de conclusão de curso um livro-reportagem sobre a comunidade pantaneira do Porto da Manga, localizada a 60 km de Corumbá (MS).

Para descrever um pouco sobre o processo de elaboração do livro-reportagem sobre o tema e ao final, disponibilizar o livro pronto para visualização, os acadêmicos criaram o blog "Alô Pantanal". Segundo Luis Augusto Akasaki, o nome foi escolhido por conta do rádio amador, principal meio de comunicação do Pantanal e conhecido pelos ribeirinhos como "Alô Pantanal", aparelho pelo qual eles se comunicam entre si e com amigos e familiares de outros regiões da planície pantaneira.

"... o objetivo deste projeto é justamente levar a informação de uma comunidade histórica do Pantanal, que viveu anos de glória, mas que atualmente encontra-se isolada e esquecida, por meio de um processo comunicacional mais amplo, rápido e de maior alcance", justifica o acadêmico de jornalismo Luis Augusto Akasaki no primeiro texto publicado no blog.

No blog é possível conferir um pouco sobre a função do jornalista, a necessidade de reflexão sobre as comunidades pantaneiras, choque cultural, os contrastes entre paisagens belas e situações, lições de vida, manifestações folclóricas e a hospitalidade.

Seria impossível descrever todas as emoções e informações divulgadas pelos acadêmicos através deste texto. Aos interessados no Pantanal e no livro-reportagem, fica aqui a minha sugestão de leitura: http://alopantanal.com/.

Comentários

Mais lidas da semana