Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Feira de Bolonha: FTD promove debate programas de governo para bibliotecas escolares

Mesa temática abordará nesta terça-feira (25) os “Programas de Governo para Bibliotecas Escolares no Brasil”. Editora, que está entre as cinco maiores do Brasil, apresenta 37 obras de seu catálogo internacional e busca também oportunidades para compra de direitos autorais

A Editora FTD promove nesta terça-feira (25), às 14 horas, na Feira Internacional do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, na Itália, a mesa “Programas de Governo para Bibliotecas Escolares no Brasil”. Participam do debate a gerente editorial da Editora FTD, Ceciliany Alves, e a especialista em Literatura Infantojuvenil e autora de livros de literatura e obras de referência, Ligia Cademartori.

“As proporções do Programa Nacional de Bibliotecas Escolares atraem, desafiam e criam grandes oportunidades para o mercado do livro no Brasil. Ao mesmo tempo, o mercado se vê dividido para atender diferentes tipos de demandas”, avalia Ceciliany.

A Editora FTD apresenta na Feira de Bolonha 37 obras de seu novo catálogo internacional. Entre elas, está o livro infantil A ilha do Crocodilo, terceiro colocado em sua categoria no Prêmio Jabuti 2013. Associada ao projeto Brazilian Publishers há cinco anos, a editora estará presente no estando coletivo do BP.

Segundo a executiva, participação da FTD nesta edição da feira está focada ainda na compra de direitos, prospecção de novas obras em potencial e manutenção do contato com editoras internacionais parceiras. “O segmento de livros infantis e juvenis tem registrado um crescimento gradativo”, afirma.

A Feira Internacional do Livro Infantil e Juvenil de Bolonha, a maior do mundo neste segmento, que acontece até quinta-feira, dia 27 de março, região da Emilia Romana, no norte da Itália.

*Ricardo Vieiros & Associados – Oficina de Comunicação

Comentários

Mais lidas da semana