Pular para o conteúdo principal

Destaques

Pediatras recomendam que pais leiam livros para bebês e crianças

A leitura de livros é recomendada desde os primeiros anos de vida. Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, os pais devem ler para as crianças, tanto para desenvolver a afetividade quanto para estímulo cerebral.


Compre livros infantis:https://amzn.to/2T36xL7

Em entrevista ao Portal Clickbebê, a neuropediatra Liubiana Arantes Araújo comentou que nessa fase da vida é importante estimular as crianças através da leitura e mostrar como uma atividade prazerosa, ajudando com o desenvolvimento do cérebro e facilitando o aprendizado.

Assista ao vídeo:



"Receitar livros" é uma prática recomendada pela Academia Norte-Americana de Pediatras e pela Sociedade Brasileira de Pediatras. No Brasil, a prática conta com o apoio do Itaú Socialque tem um projeto de incentivo à leitura para a criança e já distribuiu mais de 51 milhões de livros impressos, entre eles milhares de obras em braile e com fonte expandida para pessoas com deficiência visual.

De acordo com informações da Sociedade Brasil…

Conheça o escritor George dos Santos Pacheco e sua carreira literária

Nascido no dia 07 de outubro de 1981, em Nova Friburgo, Rio de Janeiro, o escritor George dos Santos Pacheco é o idealizador da Revista Pacheco, um espaço virtual onde são divulgados conteúdos sobre Literatura, Arte e Cultura.

Escritor George dos Santos Pacheco

Na revista que leva o sobrenome do escritor são promovidos desafios literários, incentivando a escrita de contos sobre diferentes temáticas e suas publicações em eBooks gratuitos. Da troca de experiências entre autores, além de abrir um espaço para quem está iniciando no meio literário a divulgar seus textos, seja contos, crônicas ou poesias, a publicação online contribui para o amadurecimento.

Livro O Fantasma do Mare Dei
O interesse pela escrita surgiu logo na adolescência, época em que George rascunhava histórias em cadernos. Após assistir a uma entrevista com a escritora Sônia Belloto, na qual ela afirmava que qualquer um poderia escrever, ele tomou coragem para escrever o romance policial O Fantasma do Mare Dei, publicado pela Editora Multifoco, do Rio de Janeiro, em 2010. Em 2013, o livro foi disponibilizado na plataforma de autopublicação do Grupo Saraiva, por meio da qual ele também publicou o livro Sete – Contos Capitais.

Além de escrever para diversos blogs e sites e participação em concursos literários, para promover seus textos e incentivar a leitura, George já distribuiu folhetos com seus contos nos sinais de trânsito das ruas de Nova Friburgo, Região Serrana do Estado do Rio de Janeiro. O material era composto de contos já publicados na internet: “Assassinato a sangue frio”, “Bill e a Bomba Jamaicana”, “Corre, seu Cabo!”, “O amigo da Onça”, “O caso do Violador da Noite”, “O Eu-Outro”, e “Tarde demais para Suzanne”.

 “... precisava romper as barreiras da internet e espalhar literatura pessoalmente, e influenciado pelo Grupo Coreto, que se apresenta nos semáforos da cidade, resolvi produzir pequenos livretos com meus contos e distribuí-los nos sinais”, afirma George.


Acadêmico de Pedagogia e blogueiro desde 2009, George publica textos na Revista Pacheco, e nos sites A IrmandadeTertúlia, e Démodé, entre outros. A partir de janeiro de 2014, passou a compor o quadro de colunistas da Revista Êxito Rio.
Cartaz do curta-metragem A Dama da Noite
Em 2013, George dos Santos Pacheco foi premiado em 1º lugar, na categoria crônica, e em 2º lugar, na categoria conto, no 1º Concurso Literário da Câmara Municipal de Nova Friburgo, Troféu Affonso Romano de Sant'anna. Ainda com sua escrita caracterizada como leve, simples e direta, George participou da coletânea Assassinos S/A Vol. 2, da editora Multifoco, entre outras histórias publicadas em espaços literários.

Uma das novidades de outubro de 2014 foi o conto A Dama da Noite ter sido adaptado para o curta-metragem homônimo, produzido pelo coletivo audiovisual Sétima Literal. As filmagens aconteceram em Nova Friburgo, com uma equipe formada na própria cidade – Luciano Santos (ator), George dos Santos Pacheco (autor), Gee Santos (DJ e editor de áudio) e Ilson Junior (cineasta). A exibição aconteceu no dia 11 de outubro, durante a 2ª Festa Literária da Serra – FLITS, em Bom Jardim (RJ).

Contato: pacheconetuno@oi.com.br

Revista Pacheco: http://revistapacheco.com

Comentários

Mais lidas da semana