segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Resenha: Presságio: O Assassinato da Freira Nua – Leonardo Barros

O livro Presságio: O Assassinado da Freira Nua, do autor brasileiro Leonardo Barros, de 224 páginas, publicado em 2012, pela Coleção Novos Talentos da Literatura Brasileira, da Editora Nova Século, é um thriller sobre um serial-killer de freiras e Alice, uma mulher que tem a habilidade de enxergar o futuro e acredita que pode ajudar a descobrir quem é o verdadeiro assassino.


O romance é narrado em terceira pessoa e desde as primeiras páginas o leitor já sabe que uma freira foi assassinada. O que ninguém tem ideia é da identidade de quem cometeu o homicídio. Enquanto os policiais vão fazendo suas investigações, o autor no surpreende com mais uma reviravolta, descrita de forma ambígua pelo seu título.

“Matias levantou-se. Calado, observava a vítima: as pernas fechadas e estendidas, a barriga virada para cima, as mãos juntinhas sobre o abdome. A cabeça, que estava virada para a esquerda e levemente inclinada para a frente, exibia os olhos esbugalhados. Vômito escorrendo pelo canto da boca. Os cabelos curtos e desgrenhados. O rosto inchado mostrava um corte generoso na testa...”

E onde a protagonista, Alice entra nisso tudo? Ela está no mesmo lugar onde a segunda freira morre. Com o seu dom de presságio, ela tenta ajudar a polícia com as investigações, mas a maneira que ela recebe suas visões a fazem parecer ser só mais uma pirada e ninguém a leva a sério.

A história está dividida em 28 capítulos e dentro de cada um deles há várias cenas com diferentes personagens, através das quais o leitor pode se aventurar a tirar suas próprias conclusões sobre os mistérios. Como não temos completo acesso aos seus pensamentos e sentimentos, somo levados a confiar ou não em suas palavras, tentando montar o quebra-cabeça.

Como todo bom livro de suspense, Leonardo Barros consegue seduzir bem o leitor ao virar das páginas e como um mágico, ele sabe a hora certa de revelar e esconder as informações, nos fazendo desconfiar de todos, até mesmo da própria protagonista. Paralelamente a investigação policial, ainda convencida de que pegaram o suspeito errado, conhecido pela polícia como Beato Judas, Alice faz suas próprias investigações, a levando diretamente para o perigo de dramas secundários, mas que estão conectados entre si.

“Não me leve a mal, por favor. É que eu estou acostumado a ver coisas que o senhor duvidaria até que existe! Todo mundo tem seus segredos. A Irmã Bianca não era diferente de ninguém...”.

Ainda que seja possível fazer uma série de suposições sobre o verdadeiro autor dos crimes, dificilmente o leitor conseguiria adivinhar sozinho. Em uma segunda lida, é claro, tudo fica tão claro, mas durante a primeira, todo mundo é inocente até que se prove o contrário – e como as visões de uma mulher não são provas suficientes ou aceitas num julgamento, ainda que Alice seja intrometida e tentam tirá-la do caminho, pouco importa. Até os últimos capítulos do livro, Leonardo Barros amarra as pontas muito bem, sem deixar passar um detalhe, enquanto outras permanecem abertas propositalmente, cabendo a nós, leitores, imaginarmos o que viria a seguir.

Outro ponto interessante de Presságio: O Assassinato da Freira Nua é a construção dos personagens. Para deixar os personagens mais humanos, eles possuem seus defeitos, os quais nem sempre são explícitos, mas são revelados na hora certa. Alice, por exemplo, tem uma maneira um tanto exótica de conseguir suas visões, a qual não quero revelar para não estragar a surpresa de nenhum leitor.

“Veja bem, não quero dizer que você seja louca, mas... Acontece. E, se você não der muita importância a essas visões, elas vão desaparecer”.

O romance tem uma linguagem bem ácida, típica de alguns tipos de narrativas policiais (existem aquelas mais formais, outras mais ‘vulgares’). O autor captou bem o linguajar policial e jurídico, de forma a tornar a história mais verossímil. Por ser formado em Medicina, creio que isto ajudou bastante nas descrições das posições dos corpos, dos efeitos das substâncias no organismo humano, bem como das consequências das agressões.

Além de despertar o interesse sobre os personagens, Leonardo Barros consegue criar o clima de tensão que faz a narrativa seguir em frente. A cada capítulo, o leitor é recompensado com descobertas sobre o passado e presente de Alice e dos outros personagens, até que somos confrontados com as verdades, e entre nós, nem sempre as coisas são como parecem... Leia Presságio: O Assassinato da Freira Nua e descubra esses mistérios!

Sobre o autor – Leonardo Barros é médico formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. É autor do romance erótico Amor de Yoni (publicado em 2008); do suspense policial O Maníaco do Circo: E o menino que tinha medo de palhaços (publicado na XIV Bienal do Livro do Rio, em 2009); da comédia Saúde, Beleza, Prosperidade e Riqueza (publicação independente, 2010) e da comédia Solteiro em Trinta Dias: Receitas de Sucesso de um ex-otário (publicado em 2011).

Presságio: O assassinato da Freira Nua é o sua quinta ficção e o seu segundo suspense policial. Para mais informações sobre Leonardo Barros, conheça o seu blog: http://leobarrosescritor.blogspot.com.br/. Curta a página do livro no Facebook: https://www.facebook.com/freiranua

O livro pode ser comprado no site do Submarino e na Livraria Saraiva

PS: Para quem já leu Presságio e/ou O Maníaco do Circo, Leonardo Barros anunciou em seu blog que foi confirmada a publicação de mais um livro, desta vez um suspense fantástico, ambientado no império romano.

2 comentários:

  1. Oi, Ben.
    Parabéns pela crítica.
    Você é muito sagaz! Hehehe
    Forte abraço e obrigado pela divulgação! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Leonardo!
      Fico muito feliz que tenha gostado. É tão bom quando a parceria dá certo... Digo, nem todos livros são agradáveis de ler e resenhar. Adoro thrillers! E Presságio me cativou, deixando com aquele gostinho de quero mais. Já estou curioso para ler O Maníaco do Circo.
      Abraços! E obrigado pela confiança no blog.

      Excluir

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram