Pular para o conteúdo principal

Destaques

Welcome to Wedding Hell: Drama coreano sobre a pressão de organizar casamento

Das diferenças de perspectivas até opções de escolhas movidas por questões financeiras e/ou pessoais, Welcome to Wedding Hell é uma série coreana que aborda como o simples pedido de casamento e suas consequências podem se tornar algo insuportável para todos envolvidos, especialmente para o casal que sente a maior pressão. Disponível na Netflix. O que deveria ser algo prazeroso se torna rapidamente em algo doloroso e confuso para os envolvidos na preparação do casamento. Com o estresse, vem os desencontros entre os personagens, que precisam lutar para se reconciliarem até a data do evento de união. O que eles julgavam que seria mais simples e teriam mais autonomia por parte da família, acaba se transformando numa recorrente dificuldade de comunicação e expressão sobre os sentimentos. Para agradar um, outro acaba sendo desagradado e não há uma solução tão fácil de ser tomada como costumaram imaginar. Welcome to Wedding Hell é um drama coreano curtinho, ideal para quem não gosta de drama

Holocausto Brasileiro: Livro da jornalista Daniela Arbex narra horrores cometidos em hospital psiquiátrico de Barbacena (MG)

O livro-reportagem Holocausto Brasileiro dá aquele soco necessário para lembrar dos horrores que acontecem em locais sem monitoramento.

Compre o livro Holocausto Brasileiro (Daniela Arbex): https://amzn.to/3jvwy5B

A jornalista Daniela Arbex contou a história de ex-pacientes e ex-funcionários do Colônia, um hospital psiquiátrico de Barbacena (MG) que acumulou inúmeros crimes que faziam vista grossa para a época de funcionamento:

– 60 mil mortos;

– Milhares de pessoas internadas que não tinham transtornos;

– Pessoas que passavam fome e sede;

– Falta de espaço adequado, crianças dormindo em berços;

– Pacientes vítimas de abusos, algumas engravidaram;

– Funcionários que não eram da área de saúde e matavam acidentalmente os pacientes com eletrochoque ou torturavam intencionalmente;

– Centenas de corpos vendidos para cursos de medicina de diferentes regiões do Brasil.

Entre outros... Um psiquiatra italiano que vistoriou o hospital na época comparou ao campo de concentração nazista, por isso o título acaba tendo relação com o Holocausto.

Comentários

Mais lidas da semana