Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Estudante de jornalismo da UCDB entrevista Isabella Fiorentino

O blogueiro e estudante de jornalismo da UCDB Alessandro Veiga entrevistou a apresentadora do SBT e consultora de imagem Isabella Fiorentino para o seu blog Wet Velvet ou 'Veludo Molhado'. Fiorentino estava em Campo Grande (MS), no Empório Galeria, no dia 28 de outubro deste ano, para uma noite de autógrafos do seu livro: "Na Moda com Isabella Fiorentino".

Em entrevista, o blogueiro perguntou à consultora de imagem questões sobre moda (masculina e feminina), a importância da imagem na sociedade, musas inspiradoras, entre outros assuntos que estão abordados no livro da apresentadora da versão brasileira do reality show britânico "Esquadrão da Moda".

 Alessandro Viega conta: "A musa concedeu entrevistas a vários veiculos de comunicação, inclusive para o VeludoMolhado, sempre sendo muito simpática, solícita e gentil".
Foto: Roberto Medeiro
Alessandro Veiga explica em seu blog que o Wet Velvet é um contato dele com o mundo virtual e serve como uma vitrine para poder divulgar os gostos, idéias e informações relacionadas à moda, música e 'outras inutilidades pop'.

Confira a entrevista na íntegra

Comentários

Mais lidas da semana