Pular para o conteúdo principal

Destaques

12 Graphic Novels que você precisa ler

Começou como uma forma de experimentação na leitura. Apesar de gostar de tirinhas, nunca tinha me aventurado pelo universo das graphic novels, como aconteceu há alguns anos – pelo menos, não de forma que me interessasse.

Percebo que cada vez mais pessoas estão se interessando pelos diferentes formatos de narrativas. Acho válida toda forma de contação de histórias e acredito que elas podem criar experiências complementares. Há espaço para todos gostos.


Com doze indicações de leitura, dá para ler um livro por mês ou ler todos em um só mês, dependendo do ritmo de leitura e da fome por histórias de cada um. Entre temáticas mais sociais e outras mais fantasiosas, as graphic novels podem ser uma porta de entrada para outros livros, como podem ocupar um espaço central no coração de quem é aficionado por histórias ilustradas.

Histórias que podem ir muito além de um passa-tempo, como se acreditava antigamente, mas também proporcionar reflexões sobre a vida, juntando o melhor dos dois mundos: d…

Editora recebe originais de contos e romances


Criada em 2012, a Editora Bateia está recebendo contos e romances com temática livre, até o dia 31 de julho de 2013. A ação faz parte do projeto "Originais na Bateia", uma maneira de atrair novos autores da literatura brasileira para a editora.

Autores podem enviar originais em PDF pelo e-mail: originaisnabateia@gmail.com. A publicação dos livros será em 2014 e seguirá a mesma linha da editora na publicação dos autores estrangeiros: um mesmo projeto gráfico interno e externo para todos os livros.

Os livros serão editados no segundo semestre de 2013.

Até o momento a Bateia firmou seis contratos de edição com autores estrangeiros: “Nostalgia”, do romeno Mircea Cartarescu; “Carta”, do norueguês Tomas Espedal; “Caireles”, do argentino Alfredo Fonticelli; “O boxeador polonês”, do guatemalteco Eduardo Halfon; “Um ano”, do chileno Juan Emar; e “Lendo Vila-Matas”, do também chileno Gonzalo Maier. Destes, cinco estão em fase de tradução.

Durante a Copa do Mundo, serão lançados livros de ficção do mexicano Juan Pablo Villalobos, do chileno Alejandro Zambra e do sueco Fredrik Ekelund.

Comentários

Mais lidas da semana