Pular para o conteúdo principal

Destaques

Causa Autista, História e Divergências Políticas no mundo inteiro

Para quem acha que o que acontece no Brasil é inédito, basta conhecer a história do autismo. As divergências políticas são parte da história do autismo. Cada conquista aconteceu por causa das lutas dos movimentos sociais organizados.


Leia: A História do Autismo: 10 Motivos para ler o livro Outra Sintonia

O Brasil não inventou o fogo. As pessoas poderiam fazer escolhas melhores se estudassem mais. Serve para quem quer falar de política, mas não conhece as questões biológicas também.

Sobre o mundo das organizações brasileiras, já falei algumas vezes: nenhuma me contempla. Nenhum dos lados acerta sempre nem vai acertar, pois cada lado tem seu viés e puxa mais para o que acredita.

O que é melhor para um autista, pode não ser para o outro, seja por questões sociais ou neurobiológicas: o assunto SEMPRE será complexo, pois o autismo é complexo, não é simples como as pessoas fazem parecer.

Quem paga o preço? Quem é invisibilizado. Quem já tem diagnóstico, dificilmente se importa com os que não…

Como escrever resenha crítica

Doutor em Linguística, Ronaldo Martins disponibilizou um texto sobre resenha, explicando o que é resenha e como se faz resenha, em seu site. Se você tem dúvida sobre o assunto e curiosidade de aprender mais, o material de 5 páginas pode ajudar a entender mais sobre este tipo de texto bastante usado para divulgar novos produtos culturais.

No material didático, Ronaldo Martins explica que a resenha deve fazer uma síntese (resumo do texto), uma análise (ponto relevante do texto) e emitir um julgamento (opinião), sendo essas as características relacionadas ao seu conteúdo. Já quando se trata da forma da resenha, Martins explica que o texto deve ser breve, corrido e sempre indicar a obra que está sendo resenhada.

Ronaldo Martins também aborda a diferença entre a resenha descritiva, científica e técnica (julgamento das ideias do autor) e a resenha crítica, opinativa (julga o valor do texto). Segundo Martins, a resenha crítica é a mais vista nos jornais e meios de comunicação, geralmente utilizada para divulgar novos romances, novos filmes e novos álbuns musicais, enquanto a resenha descritiva está mais presente nas publicações técnicas.

O autor dá 6 dicas de como escrever uma resenha, com pontos como a leitura, resumo do texto, escolha das ideias principais, análise da ideia, julgamento e a organização do texto.

O texto didático foi preparado para as disciplinas introdutórias de metodologia do trabalho científico, mas podem orientar não só universitários e pesquisadores, como também jornalistas, escritores e blogueiros que desejam aprender como escrever uma boa resenha, seja de livros, música e filmes.

Confira o material didático em PDF: Resenha – O que é e como se faz (Ronaldo Martins) 

Para conferir mais materiais didáticos do Doutor em Linguística, Ronaldo Martins, acesse o site: http://www.ronaldomartins.pro.br/

Comentários

  1. Oii Ben, vou dar uma olhada, sempre bom aprender o certo :)


    http://www.chadecalmila.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Camila! Espero que o material tenha te ajudado!!
      Obrigado pela visita e comentário... Volte sempre!

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana