segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Resenha: The Secret Diary of Lizzie Bennet – Bernie Su e Kate Rorick

Concluí hoje a leitura do livro The Secret Diary of Lizzie Bennet, dos autores Bernie Su e Kate Rorick, publicado em 2014, pela Touchstone (Simon & Schuster), de 400 páginas. Mesmo em seu idioma original, inglês, não tive dificuldades para entender a história e preciso admitir que a experiência foi mais prazerosa do que eu imaginei.

Livro The Secret Diary of Lizzie Bennet

Em primeiro lugar, para entender um pouco da essência do livro, é preciso saber que existe uma série chamada The Lizzie Bennet Diaries. Não é necessário assistir para entender a obra, sendo um ótimo exemplo de Transmedia Storytelling, ou seja, apesar de um produto ser derivado do outro, são histórias diferentes e que podem ser consumidas – o que funciona para a série não fica tão bom no livro e vice-versa, por causa das diferenças de formatos.

Outro ponto essencial é que The Secret Diary of Lizzie Bennet foi criado inspirado no romance Pride and Prejudice (Orgulho e Preconceito), da escritora britânica Jane Austen. Neste diálogo entre as obras, os autores tentaram desenvolver uma versão pós-moderna do clássico da literatura, no qual a protagonista é uma garota chamada Lizzie que escreve em seu diário sobre sua vida, seu vlog e sua tese de pós-graduação. Com seus 24 anos de idade, a jovem vive com os pais. Os nomes dos personagens foram todos inspirados na versão ‘original’, mas com uma linguagem jovial e com forte influência das mídias sociais. Por exemplo, ao invés da troca de cartas, os personagens se comunicam por meio da tecnologia disponível no século XXI, como mensagens eletrônicas (SMS, Twitter) e ligações de celulares.

O livro é narrado na forma de diário por Lizzie, uma jovem que está determinado a concluir sua pós-graduação. Liz tem duas irmãs, sendo uma delas a novinha e doidinha Lydia e a comportada e bela Jane. As três jovens lidam diariamente com as opiniões da mãe que parece desesperada para que as filhas arranjem um bom marido para se casar – diferente do que elas desejam para os seus futuros –, enquanto o pai tenta aliviar os ataques histéricos da esposa. Embora a vontade de que as garotas casem mostra fortemente a crença da mãe de que elas só vão ter estabilidade ao lado de um homem – uma visão um tanto ultrapassada –, está também relacionada aos problemas financeiros que eles estão enfrentando.

“People look different when you know their secrets. And they look differently at you.”

Além da família de Elizabeth, o leitor também conhece a melhor amiga dela, Charlotte. Para desenvolver sua tese, Lizzie grava vídeos e disponibiliza no Youtube, contando um pouco sobre seu dia-a-dia. O que era para ser só um projeto experimental acaba rendendo bastante de visualizações e usuários que interagem com ela. Como os vídeos abordam a vida pessoal, Lizzie acaba expondo mais do que deveria não só sua família, mas seus amigos e ela se vê diante de uma série de dilemas.

A protagonista conhece o rico e bonito Bing Lee com quem Jane se envolve, a irmã dele, Caroline, e o amigo deles, William Darcy, além do atraente George. Diante de uma série de mal entendidos. Lizzie e sua família ora se aproximam e se afastam do outro núcleo de personagens, fazendo com que os personagens lidem com seus conflitos, com inevitáveis doses de confrontos de realidades e amadurecimento.

“Two parts of me have been at war. Your... odd family, your financial troubles- your in a different world from me. people expect me to travel in certain circles. And I do respect the wishes of my family, but not today. I've tried to fight it for months now, but Lizzie Bennet... I'm in love with you.”

A narração em primeira pessoa torna a história mais envolvente, fazendo o leitor se interessar pelo desenvolvimento pessoal e profissional de Lizzie, além de ficar curioso para saber como ela e a família vão lidar com a crise financeira, as loucuras de Lydia, as oportunidades, os amores e corações quebrados.

Sobre os autores:

Bernie Su – É o produtor-executivo, co-criador, roteirista e diretor de The Lizzie Bennet Diaries, série ganhadora de um Emmy, com o qual ele foi premiado por melhor roteiro, comédia e programa interativo. Ele vive em Los Angeles.

Kate Rorick – É a escritora de The Lizzie Bennet Diaries. Ela já escreveu roteiros para diversos programas televisivos, como Law & Order: Criminal Intent e Terra Nova. No seu tempo livre, ela é autora best-seller de romances históricos com o nome Kate Noble. Ela vive em Los Angeles.

No Brasil, a versão traduzida para o português do livro The Secret Diary of Lizzie Bennet (O Diário Secreto de Lizzie Bennet) foi lançada pela Verus Editora!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram