Pular para o conteúdo principal

Destaques

I Missed You: Filme taiwanês de drama relaciona os bloqueios emocionais aos digitais

As redes sociais já se tornaram tão parte das nossas vidas que, muitas vezes, servem como um baú de memórias, o qual podemos abrir e fechar conforme nossas necessidades. No filme taiwanês I Missed You , de 2021, dirigido por Chih-Yen Hsu e Mag Hsu , a protagonista é confrontada a encarar os seus bloqueios emocionais e digitais, para descobrir a causa de sua infelicidade. Kuo Chinchin (Eve Ai) é uma programadora viciada em trabalho. Por trás de sua personalidade durona, o telespectador conhece um pouco do seu passado conforme ela decide desbloquear duas pessoas do seu Facebook – de forma paralela a quem está assistindo, a personagem vai mergulhando cada vez mais no seu interior e martelando as memórias, as emoções e as escolhas. Sem exageros dramáticos, o filme tem um toque intimista e promove uma boa reflexão sobre como a tecnologia se tornou uma ferramenta não só para conhecer novas pessoas, mas também para criar mais proximidade ou afastamento das conexões com o passado, servindo pa

Burnout de escritor e tempo para si mesmo

Depois do primeiro Burnout, você fica morrendo de medo de ter outro. Coisas que parei de fazer com frequência: virar a madrugada escrevendo e/ou produzir conteúdo além dos meus limites, sem respeitar meu tempo de descanso. Desacelerar diariamente, mesmo que por alguns minutos, faz muita diferença.


Levei um bom tempo para me recuperar. Eu fiquei tão esgotado que tinha dificuldade para me concentrar e os barulhos estavam me incomodando mais do que o normal. Se você não respeita seus limites, seu corpo te força a desligar. Depois da escrita e da leitura, minhas doses de sanidade vêm do yoga e da caminhada, especialmente nos dias difíceis.

Quando você é autor independente e/ou trabalha por conta própria, muitas vezes vai além dos limites, correndo contra o tempo, e não percebe o momento de dar uma pausa e a necessidade de aprender a dizer não.

Pratico yoga há mais de oito anos. Um dos meus canais favoritos no YouTube é o da Pri Leite. Uma boa opção para quem quer aprender as bases, mas também para nível intermediário. O canal dela faz um trabalho gratuito e lindo de espalhar yoga pelo Brasil e pelo mundo. Ela é uma professora de yoga brasileira que mora nos EUA e dá aulas/cursos online e presencial. Fica a indicação para quem está precisando e o lembrete diário da importância do autocuidado: tire um tempo para si mesmo.

*Ben Oliveira é escritor, blogueiro e jornalista por formação. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e dos livros de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1) e O Livro (Vol. 2), disponíveis no Wattpad e na loja Kindle.

Comentários

Mais lidas da semana