Pular para o conteúdo principal

Destaques

The Good Detective: Série coreana policial sobre antigo caso e a busca pela verdade

The Good Detective é uma série coreana policial que aborda um caso antigo, cujo julgamento levou à sentença de condenação de morte do acusado. Um detetive novato no departamento e um veterano se juntam para descobrir se aconteceram falhas nas investigações policiais. A série está disponível na Netflix . Com 16 episódios em sua primeira temporada, três personagens se destacam: o detetive que participou da investigação do caso, Kang Do Chang (Son Hyeon-ju) , o jovem detetive Oh Ji Hyuk (Seung-jo Jang) e a jornalista investigativa Jin Seo Kyung (Elliya Le) . Quando um novo caso de um suposto assassino confesso da filha do homem condenado ganha a atenção da mídia, muitas dúvidas pairam no ar sobre as motivações e os possíveis envolvidos, fazendo com que os detetives discretamente se aprofundassem nas investigações, mesmo sabendo que poderiam prejudicar as próprias carreiras. Kang é movido pela consciência pesada de ter sido parte do caso do condenado possivelmente inocente sofrer pena de

Ciência no Brasil: Pesquisa quer mapear perfil dos pesquisadores do país

Que a Ciência do Brasil tem sofrido com falta de recursos há anos não é novidade. Muitos pesquisadores acabam se mudando para outros países ou até mesmo abandonando a área por falta de recursos financeiros, trabalhando em outras profissões ou não encontrando oportunidades para atuar.

Um projeto de pesquisa realizado pela Academia Brasileira de Ciências e pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) está mapeando o perfil de cientistas brasileiros. Lançado no dia 29 de julho de 2022, o projeto conta com parceria do Parent In Science e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, além de apoio do CNPq. 

Para responder a pesquisa é preciso ter defendido o doutorado a partir de 2006. “Estamos mapeando o perfil destes cientistas para subsidiar a formulação de políticas para a valorização da carreira, oportunidades de trabalho e desenvolvimento profissional”, afirma o Perfil do Cientista Brasileiro no Twitter.

Além do financiamento, o site da pesquisa lembra que as parcerias internacionais, suporte da instituição, aspectos sociais e de diversidade, bem como o acesso às oportunidades são importantes para jovens doutores conseguirem se desenvolver.

Conhece alguém que se encaixa no perfil? Confira o link da pesquisa: https://pt.surveymonkey.com/r/DLY2M9X

Comentários

Mais lidas da semana