Pular para o conteúdo principal

Destaques

Autismo: Entre fofocas e intrigas

Aviso aos bonitos e bonitas que sempre jogam meu nome e dos colegas nos grupos de Facebook e WhatsApp: alguém de vocês sempre solta algo e de um jeito ou de outro, chega até mim.


Minha dica é: quer falar mal? Fala à vontade. Se quiser, eu falo junto. Não tenho vergonha de fazer autocrítica, aliás, recomendo a todos.

Agora, se me difamar e/ou queimar minha reputação, o bicho pega.

Nesta página, não trabalho com indiretas. Só com diretas mesmo.

Já disse que nem todo autista é bonzinho, né? 😈

Dica para os anjinhos e neurotípicos: Arranjem hobbies e outros hiperfocos, ocupem a cabeça com outras coisas que não sejam só esse mundinho de intrigas do autismo.

Um grande filósofo pós-moderno, Benstein Oliveira disse que a fofoca viaja à velocidade da luz e que ela vem de todos cantos e cores do autismo. Nem WhatsApp eu uso, mas as conversas de lá sempre chegam aqui. Por que será, gente?

Formado em Harvard na arte das fofocas chegarem até mim. Parece que sou ímã para embuste.


Para os trolls que…

"Deixe Ela Entrar" - O revolucionário filme sobre vampiros



A maioria dos filmes de vampiros tendem a pesar somente para o terror, romance ou até mesmo um drama meio clichê, mas nenhum que eu já tenha visto foi tão fascinante quanto o filme sueco: "Deixe Ela Entrar".

A produção lançada em Outubro de 2008, ganhadora de 51 prêmios e 11 nominações, consegue mostrar de maneira interessante a relação entre um garoto e uma vampira.

Oskar é um garoto de 12 anos é solitário e de poucos amigos, sempre está brincando sozinho ou sofrendo abusos físicos dos colegas do colégio ("Bullying") e como grande parte das crianças que sofrem estes abusos, ele não conta a sua mãe. Tanto sofrimento acaba tornando o garoto meio psicótico, pois ele tenta encontrar uma forma de liberar sua raiva e imagina-se esfaqueando alguém.

Eli é uma garota que tornou-se vampira aos 12 anos, ela mora ao lado do apartamento de Oskar, os dois se conhecem numa noite no pátio do condomínio. O garoto rotineiramente costuma ir anoite procurar alguma distração e os dois começam a se comunicar com o decorrer dos dias, criando uma forte ligação entre a dupla.

O filme talvez não tenha aquele ingrediente que agrade aos jovens fúteis, como atores que tenham uma aparência bonita e nem mesmo aquele roteiro batido de garoto/garota apaixona-se por vampiro/vampira, mas o que impede a união deles é a falta do auto-controle do vampiro... Porque filmes, seriados, livros e histórias assim são mais do que ultrapassados! O incrível trabalho dos atores colabora com o grande número de premiações, entretanto não deve ser esquecido a fotografia do filme que é ótima e os efeitos especiais bem feitos e somente quando necessários, não tornando aqueles filmes saturados de efeitos.

Estava na hora de algo inovador surgir e o filme têm todos os ingredientes necessários, são destilados: drama, terror e suspense. O drama é tão envolvente que caracteriza o gênero da produção, lembrando que é um drama inteligente, nada comparado aos filmes antes visto. Só para se ter uma noção, o filme "Crepúsculo - Twilight que tornou-se uma febre entre os adolescentes, foi vencedor de somente 8 prêmios e o famoso: "Entrevista com um vampiro" de 1994, interpretado com um elenco de estrelas, como Tom Cruise, Brad Pit e Kirsten Dunst, ganhou somente 18 prêmios. Mostrando o grande diferencial e potencial do filme.




Comentários

  1. Muito bom esse filme mesmo...concordo com você.

    Espero que ele de fato revolucione o gênero porque acho que falo por todos quando digo que os enredos só tem mudado os nomes das personagens.

    Quanto a seus artigos nem precisaria comentar que estão cada vez melhores.

    Boa escolha de profissão a sua (ou a nossa!)

    Boa sorte pra gente.

    =)

    ResponderExcluir
  2. O filme está disponível para download no blog: www.pipocacomcoka.blogspot.com
    Quem ficou curioso e quiser ver :P
    Só baixar lá

    ResponderExcluir
  3. Pô, valeu a dica, gostei bastante!
    Sou apaixonada por filmes de todos os tipos, e admito que não consegui escapar da futilidade que esses filmes clichês que você citou trazem, como a série Crepúsculo, que alias, o livro pe muito melhor!
    hahaha! Foi sem querer querendo!
    Brincadeira, mas me responde uma coisinha: é muito dificil de arrumar esse filme?

    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. foda o post
    curtie

    passa lá

    www.bananadae10.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Sinceramente, nunca gostei de filme de Vampiros, mas adorei Crepúsculo, foi inovador, apesar de ter virado moda, o filme realmente é bom. Já que esse parece que segue a mesma linha de inovação, vou procurar assistir.

    Beijos, Carol

    ResponderExcluir
  6. Sinceramente, nunca gostei de filme de Vampiros, mas adorei Crepúsculo, foi inovador, apesar de ter virado moda, o filme realmente é bom. Já que esse parece que segue a mesma linha de inovação, vou procurar assistir.

    Beijos, Carol

    ResponderExcluir
  7. Não era muito fã de filmes sobre Vampiros, mas a sinopse desse filme me instigou a vê-lo pelo mesnos.
    Vou baixá-lo e se gostar eu volto à comentar nesse mesmo post.

    >:>:>:>:>:>:>:>:

    www.girafanet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Aiinda não vii esse filme... Mas vou baixar para conferir' :) ...Adoro esses filmes de vampiros e tal... Assim como Entrevista com vampiro e é claro, Crepusculo né!? Bjão! e até a prox.! *_*

    ResponderExcluir
  9. valeu pela dica! Vou procurar pra ver!

    beijão!

    Luciana

    http://tdagora.wordpress.com
    •Tudo.ao.mesmo.tempo.agora• Filmes, séries, livros e entretenimento em geral
    Twitter: http://www.twitter.com/lucianamangas

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana