Pular para o conteúdo principal

Destaques

Criminologia, Jessica Jones e Mulher-Maravilha: Ficar do lado do agressor é sinal de perigo à sociedade – Ben Oliveira

Que dia lindo para servir Karma Coletivo para Diana, Lilith e Nêmesis ao mesmo tempo:  Resistam julgar as pessoas pela aparência. Meus 2 ex-namorados manipuladores se faziam de vítimas e todo mundo ficava ao lado deles e como eu sou porra louca, como Jessica Jones e Malévola, era injustiçado entre quatro paredes e julgado por todos ao redor. Como sou uma vaca, só há duas pessoas com a qual me importo no mundo, minhas duas chamas gêmeas, o resto é indiferente. Ainda assim... Vocês criam cada distorção cognitiva que só por Deus... É muita falta de terapia, autoconsciência, reflexão e bom senso.  Foi você que tava dentro do carro capotado? Foi você que quase morreu? Foi você que teve que recomeçar várias vezes na vida? Foi você que saiu como vilão quando a pessoa era tóxica pra cacete? Não foi. Então, boca fechada, sempre. Opinião só se dá quando é pedida. Sem falar os DELUSIONAIS que ficaram comentando: Que pena, achei que vocês iam casar. Quem quiser casar com ele, passo até o perfil KK

Gestão e Empreendedorismo em Comunicação

O texto abaixo refere-se a um estudo de caso sobre a Sears para a disciplina de Gestão e empreendedorismo em comunicação, ministrada pela Prof. Ana Cristina Fernandes.

Liderança, a chave para o sucesso

A Sears teve os seus melhores momentos durante a direção de Robert E. Wood, o que mostra o grande espírito de liderança do general. De acordo com o estudo de caso do texto: "O que aconteceu com a Sears?", após Woods aposentar-se começaram os problemas da Sears. Como explicar esta origem dos problemas?

Wood tinha as habilidades necessárias para administrar a empresa e seguia os 5 processos interligados de uma boa administração: planejamento, organização, liderança, execução e controle. Diferente dos outros presidentes que lideraram a empresa após ele, Wood administrava de forma estratégica e pró-ativa.

Gestão estática

A falta de atitudes dinâmicas dos novos presidentes da empresa fizeram com que a Sears não se preocupasse com a concorrência das novas lojas varejistas, afundando a empresa através de uma administração tradicional, focada no presente e no conservadorismo. Muitas lojas da Sears foram fechadas, enquanto a concorrência aumentava. A ignorância da direção da Sears em relação a estas novas lojas, Kmart e Wal-Mart, ocasionou uma perda de clientes que poderia ser mantida através de uma administração estratégica.

O auge e o declínio da Sears estão relacionados a postura adminstrativa dos líderes da empresa, mostrando a importância do estrategismo na gestão empresarial.

Comentários

Mais lidas da semana