Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Mídias que se cruzam...

Definições

Convergência tem uma de suas definições no Dicionário Aulete, como: "Afluência de várias coisas para um mesmo ponto". A convergência  de mídia (cross media, multimídia ou multiplataforma) é a fusão de textos, imagens e sons, este fenômeno está cada dia mais visível nos jornais online.

De acordo com a pesquisadora Lawson-Border, a convergência de mídia pode ser definido como “um conjunto de possibilidades decorrentes da cooperação entre meios impressos e eletrônicos na distribuição de conteúdos multimídia por meio do uso de computadores e da internet” .

No trabalho "Convergência de mídias: primeiras contribuições para um modelo epistemológico e definição de metodologias de pesquisa", os autores Elizabeth Saad Côrrea e Hamilton Luís Côrrea, entendem que "computadores e internet são os elementos determinantes, ou o espaço de configuração da convergência", pois atráves deles pode-se agregar conteúdos criados para vários meios de comunicação e distribuí-los em diferentes plataformas, como "conexões sem fio, cabos e satélites".

Exemplo

Em seu artigo entitulado: "Aspectos da convergência de mídias e produção de conteúdo multimídia no Clarín.com", Daniela Osvald Ramos, exemplificou o processo de integração do jornal impresso e online.

A autora ressalta que nas grandes empresas de comunicação, como no jornal argentino Clarín, a tendência é que os diferentes tipos de redações (TV, rádio, internet e impresso) convivam em um mesmo espaço físico, de forma a "adequar e otimizar a produção de informação a distintos meios".


Em um depoimento do editor de multimídia do Clarín, Corteaux, colhido por Daniela Osvald Ramos, o especialista diz que os jornalistas estão cada vez mais se generalizando, pois aquele profissional que "antes só fazia a entrevista, hoje faz a entrevista e edita o vídeo".

Reflexo da "cross-media" ou cruzamento de mídias, as mesmas notícias que eram produzidas somente para uma determinada mídia, atualmente são utilizadas em várias mídias. E o jornalista que trabalha em diversos meios, também conhecido como, polivalente, acaba tomando o lugar do jornalista que é especializado em um só tipo de mídia.


* Acesse também:

Palestra Do Jornalista Ethevaldo Siqueira Sobre Mídia (especialista em novas tecnologias)

Referências

RAMOS, Daniela Osvald. Aspectos da convergência de mídias e da produção de conteúdo multimídia no Clarín.com
Disponível em: [http://danielaramos.net/system/files/artigo_convergencia_clarin.pdf]

CORRÊA, Elizabeth Saad; CORRÊA, Hamilton Luís. Convergência de mídias: primeiras contribuições para um modelo epistemológico e definição de metodologias de pesquisa
Disponível em [http://www2.eptic.com.br/sgw/data/bib/artigos/49808105523a0de80f95d7947efc14cb.pdf]

SIQUEIRA, Ethevaldo. Dez tendências da convergência digital
Disponível em [http://www.jornaldaciencia.org.br/Detalhe.jsp?id=24974]

Comentários

Mais lidas da semana