Pular para o conteúdo principal

Destaques

Subdiagnóstico de autismo, números e incoerências

O brasileiro é muito individualista. Ao mesmo tempo que vejo pessoas reclamando que os números do Censo vão dar abaixo por causa dos subdiagnósticos de autismo, já vi muita gente acusando pessoas com laudo fingirem que eram autistas.


Como explicar a volatilidade? Nem tento entender o que se passa na mente do brasileiro.

Os discursos são sempre contraditórios. Por causa de polarização, todo mundo sai perdendo.

Já vi até gente dizendo que o laudo é só um papel. Se é só um papel, a pessoa, então, não precisa de um diagnóstico? Logo, por que ser contabilizada? Sejam mais coerentes nos discursos.

Incoerências dos brasileiros sobre subdiagnósticos:

– Já vi gente acusando autista de fingir, mesmo a pessoa tendo laudo;

– Já vi gente se posicionando contra diagnóstico precoce, achando que seria ruim, desconhecendo a questão da plasticidade cerebral;

– Já vi gente dizendo que autismo nem deveria ter CID;

– Já vi gente dizendo que o outro não é autista, só porque sabe argumentar e é diferente do …

Projeto de Acadêmicos de Jornalismo da UCDB é selecionado no Prêmio Roquette-Pinto

Fonte: Karla Machado
Projeto de Acadêmicos de Jornalismo da UCDB é selecionado no Prêmio Roquette-Pinto

Os acadêmicos de Jornalismo da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) Maria Izabel Costa e Ben-Hur Oliveira tiveram trabalho selecionado no prêmio Roquette-Pinto. O resultado foi divulgado na última segunda-feira (14), pela Associação das Rádios Públicas do Brasil (ARPUB).


A proposta dos acadêmicos, com a orientação do professor e coordenador do curso de Jornalismo, Oswaldo Ribeiro, é produzir um rádiodocumentário com o tema “Índio Urbano”, que vai registrar a vida de indígenas da Aldeia Urbana Maçal de Souza, em Campo Grande.

O trabalho foi qualificado e aprovado pela Comissão de Seleção composta pelos membros: Patrick Torquato (ARPUB-PA), Mário Sartorello (IRDEB-BA), Carlos Senna (Rádio Nacional-DF), Francisco Teixeira (EBC-RJ), Roberto Azoubel (MinC), Thalles Siqueira (Funarte), Professora Cristina Cortes (Rádio UEL-PR) e Erisvaldo Tavares (Funarte) em reunião realizada em 11 de junho, nas dependências da Rádio MEC, no Rio de Janeiro.

Com a aprovação, os componentes têm até o dia 24 de junho para apresentar a documentação necessária e tornar-se habilitado a receber a premiação. A lista dos projetos aprovados será divulgada no mesmo dia.

Mais informações sobre o Prêmio Roquette-Pinto podem ser obtidas pelo site www.arpub.or.br

Comentários

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana