Pular para o conteúdo principal

Destaques

Criminologia, Jessica Jones e Mulher-Maravilha: Ficar do lado do agressor é sinal de perigo à sociedade – Ben Oliveira

Que dia lindo para servir Karma Coletivo para Diana, Lilith e Nêmesis ao mesmo tempo:  Resistam julgar as pessoas pela aparência. Meus 2 ex-namorados manipuladores se faziam de vítimas e todo mundo ficava ao lado deles e como eu sou porra louca, como Jessica Jones e Malévola, era injustiçado entre quatro paredes e julgado por todos ao redor. Como sou uma vaca, só há duas pessoas com a qual me importo no mundo, minhas duas chamas gêmeas, o resto é indiferente. Ainda assim... Vocês criam cada distorção cognitiva que só por Deus... É muita falta de terapia, autoconsciência, reflexão e bom senso.  Foi você que tava dentro do carro capotado? Foi você que quase morreu? Foi você que teve que recomeçar várias vezes na vida? Foi você que saiu como vilão quando a pessoa era tóxica pra cacete? Não foi. Então, boca fechada, sempre. Opinião só se dá quando é pedida. Sem falar os DELUSIONAIS que ficaram comentando: Que pena, achei que vocês iam casar. Quem quiser casar com ele, passo até o perfil KK

Filme: A lei do desejo

A lei do desejo (La ley del deseo) é um filme espanhol de drama dirigido e escrito pelo polêmico Pedro Almodóvar, em 1987. O longa-metragem com 102 minutos de duração ganhou 9 prêmios, sendo um destes o San Francisco International Lesbian & Gay Filme Festival.

O enredo mostra a história de Pablo Quintero (Eusebio Poncela), um cineasta solitário e egoísta, que não tem muitos relacionamentos, além de sua irmã transexual, Tina Quintero (Carmen Maura). Tina cria uma garota chamada Ada (Manuela Valesco) , a mulher tem uma história de vida complicada, incluindo o preconceito e raiva dos homens. Pablo se apaixona pelo jovem Juan (Miguel Molina), todavia este se muda para outra cidade limitando o relacionamento dos dois a troca de cartas.

Após Juan se mudar, o diretor de cinema promíscuo conhece Antonio Benítez (Antonio Bandera). Pablo deixa bem claro seus sentimentos em relação ao garoto, porém os dois se envolvem com o tempo. Ao descobrir que Pablo ainda está apaixonado por Juan, Antonio decide colocar um ponto final nesta paixão.

Como na maioria dos filmes de Pedro Almodóvar, neste o drama envolve assuntos delicados como as drogas, sexo, relacionamentos, tragédias e religião.
 
Clipe promocional

Comentários

  1. adorei o blog!
    muito bom mesmo!
    achei as informaçoes muito interresantes pois pretendo cursar jornalismo.
    seguindo!


    http://falandosobreall.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana