Pular para o conteúdo principal

Destaques

Facebook: Foto diferente para perfil e página de autor

Atendendo a pedidos, deixarei as fotos diferentes do perfil e página. Muita gente confunde na hora de me marcar.


Página (Camiseta Mulher-Maravilha): https://www.facebook.com/benoliveiraautor/

No perfil, peço para não me adicionarem, a menos que tenha algum grau de intimidade/proximidade. Também não adianta mandar inbox no perfil pessoal.

Na página da Autísticos, eu olho as inbox uma vez em nunca. Não tenho como responder todo mundo. Lembre-se: é um projeto voluntário.

Tirando isso, estou dispensando pessoas de qualquer um dos lados do autismo. Se for fofoqueiro, quero mais longe de mim ainda.

No mundo do autismo sempre tem o problema de Fulano disse sobre Beltrano e no final, os dois são farinha do mesmo saco, só de marcas diferentes.

Tem as pessoas perdidas neste mundinho de intrigas e fofocas, que vez ou outra, você descobre que não era tudo aquilo que disseram e os que nem sabem o que está acontecendo, são manipulados de todos lados.

Também peço para evitarem marcações em tretas e p…

Cibercultura: transformações marcadas pelas tecnologias

A cibercultura é muito mais do que a simples inserção de novas tecnologias na vida das pessoas, ela trouxe uma série de transformações. Os pesquisadores André Lemos e Pierre Levy buscam explicar esta “transformação profunda da noção de cultura”. Confira abaixo as definições e mudanças provocadas por esta cultura contemporânea marcada pelas tecnologias digitais.

De acordo com André Lemos, a cibercultura é uma forma sociocultural que emerge da relação simbiótica entre a sociedade, a cultura e as novas tecnologias de base micro-eletrônica que surgiram com a convergência das telecomunicações com a informática na década de 70. Diferente do que muitos podem achar, o filósofo Pierre Levy ressalta que esta não é uma cultura dos fanásticos da Internet.

As mudanças provocadas pela cibercultura no jornalismo e na publicidade podem ser observados nas novas práticas comunicacionais no ciberespaço (e-mail, blogs, jornalismo online etc), transformações culturais e éticas e a nova configuração comunicacional.

No jornalismo é observada a prática do jornalismo cidadão, em que os usuários passam a contribuir com a produção, difusão e compartilhamento de notícias. Com a descentralização do pólo de emissão, os usuários não estão mais à mercê das grandes empresas de comunicação, além de poderem buscar informações que existem de forma abundante no ciberespaço, estes podem filtrar os conteúdos de maior relevância. Esta facilidade na busca de informação fez com quê as pessoas desacreditassem na importância do jornalista, porém sabe-se que estes são fundamentais para a apuração e seleção de conteúdos de relevância à população.

Em relação à publicidade, novas formas de publicidade estão sendo criadas a todo instante. A divulgação antes era feita somente pelos meios tradicionais, agora acontece nas mais diversas maneiras, como por exemplo, nas redes sociais/mídias sociais, e-mail, blogs, realidade aumentada, geolocalização, mobile games etc.

É importante que se entenda o impacto da cibercultura em nossas vidas para que possamos nos tornar indivíduos participantes deste meio sociocultural dinâmico. A sociedade e a cultura estão relacionadas às novas tecnologias, portanto devemos estar preparados para as transformações que estão acontecendo e acontecerão.

Comentários

Mais lidas da semana