Pular para o conteúdo principal

Destaques

12 Graphic Novels que você precisa ler

Começou como uma forma de experimentação na leitura. Apesar de gostar de tirinhas, nunca tinha me aventurado pelo universo das graphic novels, como aconteceu há alguns anos – pelo menos, não de forma que me interessasse.

Percebo que cada vez mais pessoas estão se interessando pelos diferentes formatos de narrativas. Acho válida toda forma de contação de histórias e acredito que elas podem criar experiências complementares. Há espaço para todos gostos.


Com doze indicações de leitura, dá para ler um livro por mês ou ler todos em um só mês, dependendo do ritmo de leitura e da fome por histórias de cada um. Entre temáticas mais sociais e outras mais fantasiosas, as graphic novels podem ser uma porta de entrada para outros livros, como podem ocupar um espaço central no coração de quem é aficionado por histórias ilustradas.

Histórias que podem ir muito além de um passa-tempo, como se acreditava antigamente, mas também proporcionar reflexões sobre a vida, juntando o melhor dos dois mundos: d…

Análise dos conteúdos produzidos e palestras - 3º Dia do '72 Horas de Jornalismo'

Capa da edição extra do 'Em Foco'
O terceiro dia do '72 Horas de Jornalismo: Observar, fazer, pensar' começou animado hoje no Laboratório de Comunicação da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), de Campo Grande (MS), com a distribuição do jornal 'Em Foco', Edição Extra, '72 Horas de Jornalismo' e com a visita de jornalistas das emissores de televisão visitadas.

A edição extra do Em Foco contou com matérias dos acadêmicos de jornalismo da instituição que visitaram os jornais impressos campo-grandenses Correio do Estado e O Estado Mato Grosso do Sul e acompanharam a rotina dos profissionais. O jornal foi produzido em menos de 24 horas pelos acadêmicos e contém 18 matérias, 3 crônicas e fotografias. As pautas foram escolhidas em reunião de pauta orientada pela professora Cristina Ramos, que contou com a colaboração para a diagramação, coleta de fotografias e finalização do jornal dos professores Jacir Zanatta, Maria Helena, Inara Silva, Ulisflávio Evangelista, Carlos Alberto Silva e pelo coordenador do curso de Jornalismo da UCDB Oswaldo Ribeiro. Capa e anúncios do jornal foram produzidos pela agência do curso de Publicidade Propaganda da UCDB 'Mais Comunicação'.

Os acadêmicos que participaram da visita às emissores televisivas da capital sul-matogrossense produziram um programa com os vídeos e fotos registrados pelos estudantes na TV Guanandi, TV Campo Grande, TV MS Record e TV Morena. Um representante de cada emissora assistiu o vídeo e comentou o trabalho feito pelos alunos (filmagem, narração, apresentação, edição e produção). No vídeo é possível observar o que os alunos acompanharam no primeiro dia do '72 Horas de Jornalismo': reportagens externas, transmissão do telejornal ao vivo, redação, produção, edição, gravação do off, reunião de pauta e experiências do jornalistas. No programa também foram mostradas algumas propagandas criadas pelos estudantes de Publicidade e Propaganda da UCDB.

Palestras e visitas

A partir das 13h30 o evento retorna com a visita de alguns profissionais dos veículos visitados, rádios, Rádio MS 104, Rádio Blink 102, Rádio Cidade 97 e jornais online, Campo Grande News e Midiamax News, que avaliaram os conteúdos produzidos pelos alunos para os meios de comunicação online e radiofônico.

Após as visitas, neste período também acontecerão as palestras abertas ao público das docentes da UCDB, Maria Helena sobre linguagem cinematográfica e Cristina Ramos sobre gêneros jornalísticos.

Comentários

Mais lidas da semana