Pular para o conteúdo principal

Destaques

Dia de Conscientização do Autismo: Data batida por causa do Coronavírus

Hoje foi dia de conscientização do autismo. Com tantas preocupações sobre o Coronavírus, a data acabou passando batida. Mas para quem apoia a causa, além de usar o mês inteiro para abordar o assunto, a vida se torna uma constante aula de aceitação.



Sempre disse que nunca vestiria os símbolos que não concordo, por motivos internacionais, mas como disse minha psicóloga uma vez, não posso ficar comparando a realidade de outro país com a nossa (embora seja quase impossível pra mim).

Embora muitos autistas não gostem do quebra-cabeça e do laço (me incluo entre eles), prefiro o símbolo do infinito da Neurodiversidade, cheguei a conclusão que é só um estresse a mais e não adianta explicar para as pessoas.

Tal qual a palavra autista foi ressignificada, talvez seja melhor ressignificar do que ficar dando murro na ponta da faca (acertei a expressão?).

Enfim, só para não passar batido, foto com a camiseta que minha mãe pegou para mim em um evento de autismo em Campo Grande (MS).

Quando ganhei, p…

Dicas para começar a escrever – Natalie Goldberg

Autora do livro Escrevendo com a alma, Natalie Goldberg já escreveu diversas obras sobre escrita, tornado-se referencial, principalmente quando se trata de escrita zen. Em sua página do Facebook, a autora divulgou algumas dicas de como começar a escrever, disponíveis no seu novo livro The True Secret Of Writing.

Confira abaixo seis dicas de escrita, compartilhadas por Natalie Goldberg:

1- Compre uma caneta rápida e um caderno barato

“Você deve saber como escrever com caneta e papel, não apenas no computador, que é todo um outro processo. A caneta deve ser rápida o suficiente para acompanhar sua mente, e o caderno não precisa ser precioso. Você estará escrevendo muita besteira nele antes de material bom”.

2- Saia de casa

“Quando você está em casa, o telefone toca, os pratos precisam ser levados – existem um milhão de desculpas para fazer isto ou aquilo ao invés de escrever. Saia! Eu prefiro cafés pouco frequentados onde a comida não é muito boa, então, eu consigo ficar na mesa por um longo tempo. Deixe uma boa gorjeta”.

3- Arranje amigos para escreverem juntos

“Parceiros de escrita mantêm você honesto. Decida quando vocês irão escrever. Escolha qualquer assunto e apenas mova a caneta. Se você se encontrar preso, ver a pessoa em frente a você ainda rabiscando vai inspirá-lo a passar por isso”.

4- Cala a boca e escreva

“Esqueça todas as regras, como “escreva o que você conhece”. O essencial é começar. Não fale sobre isto. Não consiga um adorável estúdio ou uma mesa bonita. Apenas faça.

5- Pratique o silêncio

“Atrás da escrita, atrás das palavras, não estão palavras. Nós precisamos conhecer aquele lugar. Isto nos dá uma grande perspectiva para lidar com a linguagem. O silêncio pode ser a porta para a escuta, o que é um dos grandes pilares para a escrita”

6- A leitura é tudo

“Às vezes, meus estudantes vêm até a mim e dizem que eles não leem. Por que alguém deveria lê-lo se você não está lendo ninguém? Escritores são seus professores de verdade. Quando você lê um livro, você está estudando a mente do autor. Ler exercita e desenvolve a mente”.

Comentários

  1. Dicas super importantes e simples, gosto muito do seu blog e sempre que posso leio ele. Obrigado! Se possível visite o meu blog.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo comentário, Emerson! Fico feliz que goste do conteúdo, afinal, escrevo para vocês, leitores! Dando uma passadinha no seu blog agora =))
    Abraços

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!