Pular para o conteúdo principal

Destaques

Para Toda a Eternidade: Livro explora rituais funerários diversos

Entre a naturalidade e o espanto, o tradicional e o moderno, o ocidental e o oriental, Caitlin Doughty transmite ao leitor histórias de suas visitas a espaços e profissionais envolvidos com o universo mortuário. Uma das obras pedidas por quem já tinha lido Confissões do Crematório, o novo livro foi publicado no Brasil pela editora DarkSide Books, em junho de 2019, com tradução de Regiane Winarski e ilustrações de Landis Blair.


Compre o livro Para Toda a Eternidade (Caitlin Doughty): https://amzn.to/2R2FwqN

“Eu passei a acreditar que os méritos de um costume relacionados à morte não são baseados em matemática [...] mas em emoções, numa crença na nobreza única da própria cultura da pessoa. Isso quer dizer que consideramos os rituais de morte selvagens apenas quando eles não são como os nossos” – Caitlin Doughty, Para Toda a Eternidade
Dá para ler tranquilamente Para Toda a Eternidade sem ter lido Confissões do Crematório, mas acredito que as duas leituras são complementares. Enquanto na p…

Resenha: Uma Prova de Amor – Emily Giffin

Uma Prova de Amor, livro escrito por Emily Giffin, publicado no Brasil em 2013 pela Editora Novo Conceito e traduzido para o português por Maria Angela Amorim de Paschoal. A narrativa aborda o casamento de Claudia e Ben e como o relacionamento dos dois se transformou depois que o homem sentiu vontade de ter um filho.

Desde que se conheceram, a editora Claudia e o arquiteto Ben conversaram e decidiram não ter filhos, como os outros casais costumam fazer com o passar dos anos. No entanto, o casamento deles é ameaçado pelo desejo de Ben e pela incapacidade de Claudia de se imaginar sendo mãe.

Não importa o quanto Claudia tenta desconversar o assunto, Ben continua pressionando a mulher com a ideia de ter uma criança. A vontade surge depois de ver um casal próximo feliz com o seu primeiro bebê.

A história é narrada em primeira pessoa pela protagonista Claudia que depois de ver o seu casamento em crise, acaba se divorciando de Ben. Depois de se separar do marido, ela se envolve com um dos seus chefes da editora, Richard, um homem mais velho que está mais interessado em curtir a vida do que em se envolver. A princípio Claudia acha que também não quer mais nada sério, até perceber que Richard não consegue preencher o seu vazio.

Depois do divórcio, Claudia volta a morar com sua melhor amiga Jess. A amiga está envolvida com um homem casado e acha que ele vai largar a mulher para ficar com ela. Além dos conflitos dramáticos da protagonista, a narrativa também mostra um pouco da vida da família de Claudia. A irmã de Claudia, Daphne está louca para ter filhos, mas descobriu que por ter demorado muito, seus óvulos já não estão bons. Ela pede a ajuda de Claudia que recusa depois de pensar na ideia, afinal, não querer ter um filho foi o motivo do seu divórcio. Já a outra irmã Maura tem filhos e está casada com um homem mulherengo, causando sofrimento para a mulher. Enquanto Claudia também precisa lidar com a mãe egocêntrica, sendo um dos motivos pelos quais ela tem tanto bloqueio quando se trata de ficar grávida.

Uma Prova de Amor mostra como a distância entre duas pessoas que se amam pode se tornar decisiva na hora de resolver os seus problemas e diferentes expectativas sobre a vida e seus relacionamentos. Assim como no livro Ame O Que é Seu, também escrito por Emily Giffin, a escritora mostra que seu estilo é bem romântico e mesmo com tantas reviravoltas, o amor sempre prevalece no final.

Sobre a autora – Emily Giffin já publicou seis romances, entre eles Ame O Que é Seu, Laços Inseparáveis, Presentes da Vida e Questões do Coração.

Comentários

Mais lidas da semana