Pular para o conteúdo principal

Destaques

Autismo: Entre fofocas e intrigas

Aviso aos bonitos e bonitas que sempre jogam meu nome e dos colegas nos grupos de Facebook e WhatsApp: alguém de vocês sempre solta algo e de um jeito ou de outro, chega até mim.


Minha dica é: quer falar mal? Fala à vontade. Se quiser, eu falo junto. Não tenho vergonha de fazer autocrítica, aliás, recomendo a todos.

Agora, se me difamar e/ou queimar minha reputação, o bicho pega.

Nesta página, não trabalho com indiretas. Só com diretas mesmo.

Já disse que nem todo autista é bonzinho, né? 😈

Dica para os anjinhos e neurotípicos: Arranjem hobbies e outros hiperfocos, ocupem a cabeça com outras coisas que não sejam só esse mundinho de intrigas do autismo.

Um grande filósofo pós-moderno, Benstein Oliveira disse que a fofoca viaja à velocidade da luz e que ela vem de todos cantos e cores do autismo. Nem WhatsApp eu uso, mas as conversas de lá sempre chegam aqui. Por que será, gente?

Formado em Harvard na arte das fofocas chegarem até mim. Parece que sou ímã para embuste.

Leia também:
Autism…

Resenha: O Poder da Paciência – M. J. Ryan

O Poder da Paciência é um livro de autoajuda escrito por M. J. Ryan, publicado no Brasil pela Editora Sextante. A obra traz algumas dicas sobre como desacelerar, relaxar e aproveitar o dia-a-dia sem se estressar o tempo todo.
Capa do livro O Poder da Paciência, de M. J. Ryan.

Dividido em seis capítulos, o livro traz citações de diversos autores sobre a importância de se ter paciência, além de trazer exemplos do próprio cotidiano da autora e de pessoas conhecidas, ensinando como aplicar de forma prática técnicas para relaxar.

Vivemos em tempos pós-modernos, onde a paciência se faz mais necessária do que nunca. É preciso saber administrar o ritmo de nossas vidas, caso contrário, nos tornamos uma bomba-relógio, a todo instante prestes a explodir. Com o excesso de informações, de trabalho e de comunicação, M. J. Ryan ensina como o poder da paciência transformou a sua vida e pode ajudar a mudar a dos leitores.

Apesar de óbvio, esses livros de autoajuda podem ajudar o leitor no momento em que eles praticam a reflexão. Da mesma forma que algumas pílulas não resolvem problemas para a vida toda, somente temporariamente, cabe a quem está lendo saber de que forma o conhecimento obtido e as informações o ajudarão a transformar seu cotidiano.

Com uma leitura rápida e fácil de entender, O Poder da Paciência nada mais é do que saber se colocar no lugar do outro e entendê-lo (empatia), se perguntar como o problema te afetará nos próximos dias ou anos avaliando se é realmente algo sério ou uma questão que pode ser relevada e compreender que tudo depende de como você reage diante de determinadas situações – cabe a você escolher se quer enxergar o copo meio cheio ou meio vazio.

M. J. Ryan mudou o seu próprio comportamento e passou a disfrutar melhor dos momentos da vida. Por exemplo, toda mulher que é mãe sabe o quanto é difícil dar atenção para os filhos o tempo todo, no entanto também sabem que depois de certas idades eles já não estão tão ligados a ela, sendo ideal aproveitar esse período da vida. Assim como ela mostra o outro extremo, quando conta a história de uma amiga que teve que cuidar de sua mãe idosa e mesmo se sacrificando para ajudá-la, a velha não soube valorizar a atitude.

De acordo com o Poder da Paciência, o que diferencia as pessoas pacientes das impacientes é a maneira como elas enfrentam e enxergam as dificuldades. M. J. Ryan conta, por exemplo, que não sabia lidar bem com o tempo e a pressão da entrega de trabalhos, no entanto ao se convencer de que tem tempo suficiente, ela passou a ficar mais feliz, mais leve e mais produtiva.

No próprio ato da leitura já estamos praticando o poder da paciência, já que quebramos, de certa forma, a nossa rotina. Muitas pessoas não gostam de ler pela falta de hábito e também por não terem paciência, preferindo ler um resumo na internet sobre a obra ou assistindo a versão adaptada para o cinema dos livros.

Entre as citações do livro estão:

“Sem paciência, não podemos aprender as lições que a vida nos ensina e não conseguimos amadurecer”M. J. Ryan

“Talento significa uma enorme paciência”Gustave Flaubert

“Se há alguma coisa que dá soberania à alma é a paciência. Qual era o segredo dos mestres que realizaram grandes coisas, inspiraram muitas pessoas e ajudaram muitas almas? O segredo deles era a paciência”Inayat Khan

Para quem gosta de livros na promoção, comprei o meu exemplar de O Poder da Paciência por apenas dez reais. Pela internet é possível encontrar o livro por um preço médio de R$ 19,90, em sites como o da Livraria Cultura e da Livraria Saraiva.

Além de O Poder da Paciência, M. J. Ryan também é autora do livro O Poder da Gratidão, no qual ela ensina como as pessoas podem se sentirem mais felizes e agradecidas pelas coisas que já têm, valorizando mais suas vidas.

Comentários

Mais lidas da semana