Pular para o conteúdo principal

Destaques

Autismo: Responsabilidade e experiência como moderador de grupo

Quando eu fui moderador de um grupo de autismo com milhares de pessoas (mais de 18 mil, se não estou enganado, sem falar as centenas de solicitações em espera), eu removia comentários e posts sobre tratamentos falsos e pessoas tentando promover eventos DUVIDOSOS de autismo (existem muitos).


Não importava se estava escrito nas regras, um post ou outro sempre passava, porque nem todo mundo tinha a mesma compreensão sobre pseudotratamentos e autismo e um dos moderadores sempre liberava.

Todo moderador/administrador tem responsabilidade sobre o que acontece dentro de um grupo, página, blog, que seja.

Eu e a Rivotrip​ chegamos a bater boca com anti-vacinas na madrugada. Fomos os últimos moderadores autistas do grupo. O resto era familiar.

Se no seu grupo passam vários podres e você não está moderando, você pode se sujar junto. É algo que vai além da imagem e credibilidade, especialmente quando se tratam de tratamentos proibidos e perigosos.

Mais consciência e responsabilidade.

Para as pess…

Tag: Bolo Literário

Vi no blog Bagagem Literária a tag Bolo Literário e decidi publicar minhas respostas aqui no blog do Ben Oliveira. Apesar de geralmente as tags literárias serem usadas pelos vlogueiros, há muitos blogueiros que publicam em forma de texto – como eu, que não sou muito fã de audiovisual.

Confira abaixo como ficou meu bolo literário:

1) Livro Farinha: Que começou lento, mas ficou interessante depois:

Transgressões (Uzma Aslam Khan). A história se passa no Paquistão. Dá para ter noção das diferenças culturais, da opressão e violência, da política e também do romantismo dos jovens. Não é o tipo de livro que te prende desde o início, mas depois que te fisga, te dá vontade de ler até o final.


2) Livro Margarina: Que tem um enredo marcante:

O Sincronicídio (Fabio Shiva). Um detetive está prestes a morrer e cabe ao leitor descobrir o que aconteceu, qual é a relação do protagonista e do antagonista nesta situação toda. Muita ação, ficção científica e referências literárias e culturais. Uma obra genial! Recomendo a leitura.



3) Livro Ovo: Que você achava que ia ser ruim, mas acabou sendo bom:

Morte Súbita (J. K. Rowling). Quando comecei a ler o livro, fiquei pensando se conseguiria viajar pela história ou não. Me surpreendi com o estilo da escritora e de como ela dá conta de caracterizar decentemente cada um dos personagens.



4) Livro Açúcar: Um livro doce e pegajoso:

Um Porto Seguro (Nicholas Sparks). Que livro do escritor não é doce? Aliás, às vezes até demais. Não importa. Para quem gosta de romance e tragédia, as obras do autor são ideais. Afinal, seu estilo tem sempre doses de paixão e romantismo misturadas a acidentes e doenças.



5) Livro Cobertura: Um livro que contém todos os elementos que você gosta:

Negro Amor (Ricardo Bellissimo). O terceiro livro que li do autor e talvez o que mais me marcou. Cada romance do escritor é uma surpresa, principalmente para quem não está acostumado a ler histórias sem hipocrisias e com muita acidez. Uma dose de loucura, morte, sexo e solidão.


6) Livros Granulados: Uma série que te anima sempre que você está para baixo:

Os Imortais (Alyson Noël). Confesso não tenho lido muitas séries de livros. Gostei muito dessa série e quero ler os outros romances da autora. Se tivesse a opção de dizer qual série eu não recomendaria, sem dúvidas, seria Cinquenta Tons de Cinza (E. L. James).



7) Livro Cereja: Seu livro favorito do ano até agora: 

Laranja Mecânica (Anthony Burgess). Demorei para ler. Gostaria de ter lido antes, mas não sei se saberia absorver tão bem quanto agora. Um livro com entretenimento, muitas críticas e reflexões sobre a sociedade.



E aí, gostou do meu bolo literário? Qual seria a receita do seu? Abraços!

Comentários

  1. Nossa Ben, você fez a tag! Orgulhosa aqui!
    Ei, já que você é escritor, o que acha de fazer uma parceria com o blog?
    Qualquer dúvida: bagagemliteraria@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Hemilly! Muito obrigado pela visita ;-)
      Fico feliz que tenha gostado das respostas da tag!
      Quanto à parceria, no momento não estou fazendo, somente quando publicar meus romances. Por enquanto, só estou participando de coletâneas de contos com vários autores!
      Abraços e volte sempre

      Excluir
  2. Gostei da TAG, mas não concordo com você em relação a série Os Imortais... achei meio chatinha... maaasss, fazer o que, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Não Se Preocupe Com Isso!
      Eu gostei de Os Imortais. Já a série da Riley Bloom é bem fraquinha. Se não gostou de Os Imortais, dificilmente vai gostar do spin-off sobre a irmã da protagonista.
      Obrigado por seu feedback! É gostosa essa troca de experiência com outros blogueiros literários.
      Abraços

      Excluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana