Pular para o conteúdo principal

Destaques

Antraz: Documentário da Netflix revela investigações feitas pelo FBI durante anos

Um pouco após os atentados terroristas contra as torres gêmeas, em Nova Iorque, Estados Unidos, no 11 de setembro de 2001, uma ameaça de antraz colocou as autoridades, como o FBI em alerta, e espalhou pânico nos norte-americanos devido à facilidade de se espalhar sem as pessoas saberem.  Dirigido e roteirizado por Dan Krauss e produzido pela Netflix e pela BBC, 21 anos após o ataque e o primeiro caso de circulação do antraz, o documentário Antraz: EUA Sob Ataque (The Anthrax Attacks) leva o telespectador para as investigações do FBI que duraram anos. O que a princípio foi alvo de muita pressão para a solução do caso, principalmente pelo medo dos norte-americanos do esporo da bactéria continuar se espalhando pelas cartas e fazendo mais pessoas adoecerem e/ou morrerem, logo foi caindo no esquecimento conforme as investigações desenrolavam fora dos holofotes.  Com a proximidade do caso do ataque às torres gêmeas, à primeira vista, o pânico generalizado fez com quem os norte-americanos

Pesquisa mapeará comportamento dos jovens na internet e consumo midiático

Desde o dia 12 de agosto de 2014, um grupo de pesquisadores de universidades de todo o país, a Rede Brasil Conectado lançou o Questionário da Pesquisa Nacional Jornal e Consumo Midiático em Tempos de Convergência, um estudo para mapear o consumo dos meios de comunicação pelos jovens.

Com a proposta de levantar dados sobre o uso de redes sociais, dispositivos móveis e aplicativos de diferentes regiões brasileiras, o estudo investigará as práticas, fluxos e rituais de jovens entre 18 e 24 anos na internet.

Se você é jovem de 18 a 24 anos e ficou interessado em responder o questionário para contribuir com o estudo, acesse o endereço eletrônico da Rede Brasil Conectado: www.redebrasilconectado.com.br

O questionário pode ser respondido em uma média de 15 minutos. Não é preciso se identificar para participar. As respostas serão utilizadas para ajudar a entender melhor a realidade do jovem brasileiro.

Sobre a Rede Brasil Conectado – coordenada pela professora Nilda Jacks, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e conta com equipes em 26 estados mais o Distrito Federal. A pesquisa foi iniciada em 2012 e já mapeou as práticas de consumo cultural e midiático de jovens da classe C, bem como suas atividades no Facebook. O questionário que será lançado é a última etapa da investigação que pretende construir um mapa das relações entre os jovens e a mídia.

Os resultados da pesquisa serão amplamente divulgados em 2015. Informações: http://redebrasilconectado.wordpress.com/

Eu já respondi o questionário e deixei a minha contribuição! E você, está esperando o quê? Vamos contribuir para entender como os jovens brasileiros têm usado a internet para se comunicar e consumir conteúdos digitais. Não deixe de fazer a sua parte: participe e compartilhe com os seus amigos! ;-)

Comentários

Mais lidas da semana