quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

10 Livros Mais Procurados no Google pelos norte-americanos em 2014

O Google divulgou a lista dos 10 livros mais procurados pelos norte-americanos em 2014 em sua ferramenta Google Trends. Infelizmente, a empresa não divulga quais são os livros mais buscados no Brasil – não sei se por causa do baixo volume de buscas em relação aos outros assuntos pesquisados pelos brasileiros, como filmes e novelas. De qualquer forma, para quem ficou curioso, confere a lista com informações (algumas sinopses tive que traduzir...) para vocês!

Confira os 10 Livros Mais Procurados no Google pelos norte-americanos em 2014:

1- Boy, Snow, Bird – O livro da autora Helen Oyeyemi fez tanto sucesso que ela foi considerada uma das mais originais e dinâmicas vozes da literatura dos dias atuais. A história se passa em 1953, quando Boy Novak chega por acaso em uma pequena cidade em Massachusetts, procurando por beleza, ou é o que ela acredita – o oposto da vida que ela deixou para trás em Nova Iorque. Ela se casa com um viúvo local e torna-se madrasta de sua filha cativante, Snow Whitman.
Boy, Snow, Bird lidera a lista dos livros mais procurados no Google!

Uma madrasta má é uma criatura que Boy nunca imaginou que ela se tornaria, mas os elementos do conto familiar (Branca de Neve) de obsessão estética começam a tocá-los quando o nascimento da filha de Boy, Bird, que é de pele escura, expõe os Whitmans como afro-americanos se passando por branco. Entre eles, Boy, Snow e Bird confrontam a tirania do espelho para perguntar quanto poder a aparência  pode realmente aguentar.

2- Blood Will Out – Considerado o melhor livro de 2014 pela revista Slate, San Francisco Chronicle, Amazon e BookPage. A obra autobiográfica de Walter Kirn conta a história que se passa no verão de 1998, época em que um aspirante a romancista luta pela paternidade e a dissolução do casamento e conhece Clark Rockefeller. Uma mistura de memórias confessionais, reportagem de crime e especulação cultural, Kirn narra o seu relacionamento com Rockefeller, um colecionador de artes que adota um cão aleijado que havia sido resgatado.
Blood Will Out será adaptada para uma minissérie.

Ele descobre que Rockefeller era um impostor, um psicopata, cuja identidade verdadeira era a do alemão Christian Karl Gerhartsreiter que foi para os EUA em 1979, quando ainda era um estudante. Após utilizar diversas identidades, ele assumiu, no início da década de 1990, o nome de Clark Rockefeller, herdeiro de uma das mais famosas famílias americanas (que nunca o reconheceu). A falsa identidade se tornou público em 2008, quando ele sequestrou sua filha, após perder sua custódia. Em 2013, ele foi condenado pelo assassinato de Jonathan Sohus, crime que ele teria cometido na década de 1980, quando utilizava o nome de Christopher Chichester.

3- Savage Harvest: A Tale of Cannibals, Colonialism, and Michael Rockefeller's Tragic Quest for Primitive Art – O livro do jornalista veterano Carl Hoffman tem um toque histórico e conta a história do desaparecimento de Michael Rockefeller, em Nova Guiné, em 1961, por meio das novas evidências.
Tribo de canibais é abordada em livro com mistura de história e policial.

Apesar de pesquisas exaustivas, nenhum traço de Rockefeller já foi encontrado. Logo após o seu desaparecimento, surgiram rumores de que ele tinha sido morto e comido cerimonialmente pelos Asmat – uma tribo nativa de guerreiros cuja cultura complexa foi construída em torno do sagrado, violência recíproca, caça e ritual de canibalismo. O governo holandês e da família Rockefeller negaram a história, e a morte de Michael foi oficialmente divulgada como um afogamento. No entanto, dúvidas permaneceram. Rumores sensacionalistas e histórias circularam, alimentando a especulação e intriga por décadas. A verdadeira história há muito tempo esperou para ser dita, até agora.

Refazendo os passos de Rockefeller, o premiado jornalista Carl Hoffman viajou para as selvas da Nova Guiné, mergulhando em um mundo de caçadores e canibais, espíritos secretos e costumes, e conhecendo gerações dos Asmat. Através da pesquisa de arquivo exaustiva, ele descobriu documentos originais nunca antes vistos e testemunhas locais dispostas a falarem publicamente após 50 anos.

Ele finalmente resolveu o mistério de décadas e trouxe luz para uma cultura transformada pelos anos do regime colonial, cujas pessoas continuam sendo moldados pelos antigos costumes e tradições. Combinando história, arte, colonialismo, aventura e etnografia, Savage Harvest é uma história policial hipnotizante, e um retrato fascinante do choque entre duas civilizações que resultaram na morte de um dos descendentes mais ricos e poderosos da América.

4- City of Heavenly Fire – O livro da escritora Cassandra Clare, traduzido para o português como Cidade do Fogo Celestial, da saga Instrumentos Mortais, publicado no Brasil pela Editora Galera.
No romance de fantasia, Clary, Jace, Simon e toda a companhia se unem no meio do caos para enfrentar Sebastian, cujos poderes colocam tudo em risco. E agora, terão que viajar para outra dimensão para conseguir ter uma chance de impedi-lo. Vidas serão perdidas e sangue será derramado nesse último volume, onde o próprio destino do mundo pode ser mudado.
Cassandra Clare mostra força dos livros da série Instrumentos Mortais.

5- Flash Boys – O livro do escritor Michael Lewis foi traduzido para o português como Flash Boys: Revolta em Wall Street, com tradução de Denise Bottmann, publicado no Brasil pela Editora Intrínseca. Michael Lewis, o escritor que melhor retratou o universo financeiro americano, volta a Wall Street para investigar um predador tecnológico que vem rondando o mercado de ações.
As revoltas da Wallstreet foram traduzidas para o português!

Todo mundo imagina as bolsas de valores mais ou menos da mesma forma: pessoas nervosas na sala do pregão, gritando sem parar, agitando braços e empunhando telefones. Mas essa imagem já era. Agora, as negociações são realizadas por programas de computador, dentro de caixas-pretas localizadas em edifícios cercados de forte proteção. A cada dia, bilhões e bilhões de dólares circulam pelas redes de fibra óptica sem sequer passar por um corretor de carne e osso.

Nem mesmo os especialistas a quem os investidores confiam seu dinheiro sabem o que acontece com ele. E os pouquíssimos que sabem preferem ficar quietos - porque estão fazendo fortunas. O mercado financeiro atual, descontrolado e invisível, concebido para beneficiar apenas algumas pessoas, segue uma única lei: a velocidade. Tudo pode mudar num piscar de olhos, e há corretores que venderiam a própria avó em troca de um microssegundo de vantagem.

Em Flash Boys, Michael Lewis revela como um punhado de indivíduos excêntricos e brilhantes está determinado a expor a verdade ao público. Esta é a história surpreendente de como um pequeno grupo decidiu enfrentar todo o sistema e declarar guerra contra algumas das pessoas mais ricas e poderosas do mundo.

6- The Invention of Wings – O livro da autora Sue Monk Kidd foi traduzido para o português como A Invenção das Asas, com tradução de Flávia Yacubian, publicado pelo selo Paralela, da Editora Companhia das Letras.  Sue Monk Kidd apresenta uma obra-prima de esperança, ousadia e busca pela liberdade.
Da mesma autora de A Vida Secreta das Abelhas.

Inspirado pela figura histórica de Sarah Grimke, o romance começa no 11º aniversário da menina, quando é presenteada com uma escrava: Hetty “Encrenca” Grimke, que tem apenas dez anos. Acompanhamos a jornada das duas ao longo dos 35 anos seguintes. Ambas desejam uma vida própria e juntas questionam as regras da sociedade em que vivem.

7- All the Light We Cannot See – Livro do autor Anthony Doerr, o bestseller do New York Times conta a história de uma garota cega e um garoto alemão cujos caminhos se chocam na França ocupada – os dois tentam sobreviver à devastação da Segunda Guerra Mundial.
Adolescentes na Segunda Guerra Mundial é tema do livro finalista do National Book Award.

Marie-Laure vive com seu pai em Paris, perto do Museu de História Natural, onde trabalha como o mestre de suas milhares de fechaduras. Quando ela tem seis anos, Marie-Laure fica cega e o pai dela constrói uma miniatura perfeita de seu bairro para que ela possa memorizá-lo pelo toque e navegar seu caminho para casa.

Quando ela tem doze, os nazistas ocupam Paris e o pai e a filha fogem para a cidadela amuralhada de Saint-Malo, onde vive o recluso tio-avô de Marie-Laure, em uma casa próxima ao mar. Eles levam o que poderia ser a jóia mais valiosa e perigosa do museu.

Em uma cidadade de mineração na Alemanha, o órfão Werner cresce com a sua irmã mais nova, encantado com um rádio que eles encontram. Werner torna-se um especialista em construção e conserto desses novos instrumentos cruciais, um talento que o faz ganhar um lugar em uma academia brutal pela Juventude Hitlerista, depois em uma missão especial para rastrear a resistência. Mais e mais consciente do custo humano de sua inteligência, Werner viaja através do centro da guerra e, finalmente, em Saint-Malo, onde sua história e a de Marie-Laure se convergem.

8- Words of Radiance – O livro do escritor Brandon Sanderson é o segundo do The Stormlight Archive. O livro de fantasia é a continuação de The Way of Kings. O romance tem 1088 páginas e traz uma história épica que respondem muitas questões do primeiro livro. Vinganças, assassinatos, segredos e perigos.
Considerado alta fantasia, o livro de Brandon Sanderson explora com detalhes a história dos personagens.

9- Yes Please – Livro de memórias da roteirista e atriz Amy Poehler. Ela dá conselhos e conta como fez para conquistar sucesso num meio muito competitivo e com maior presença de homens, o ramo do humor.
Comediante Amy Poehler dá conselhos e compartilha memórias de sua vida.

10- Capital in the Twenty First Century – O livro do professor de economia Thomas Piketty foi traduzido para o português como O Capital no Século XXI, publicado pela Editora Intrínseca. Nenhum livro de economia publicado nos últimos anos foi capaz de provocar o furor internacional causado por O capital no século XXI, do francês Thomas Piketty. Seu estudo sobre a concentração de riqueza e a evolução da desigualdade ganhou manchetes nos principais jornais do mundo, gerou discussões nas redes sociais e colheu comentários e elogios de diversos ganhadores do Prêmio Nobel.
Livro sobre o Capital no Século XXI é destaque pelo mundo todo.

Fruto de quinze anos de pesquisas incansáveis, o livro se apoia em dados que remontam ao século XVIII, provenientes de mais de vinte países, para chegar a conclusões explosivas. O crescimento econômico e a difusão do conhecimento impediram que fosse concretizado o cenário apocalíptico previsto por Karl Marx no século XIX. Porém, os registros históricos demonstram que o capitalismo tende a criar um círculo vicioso de desigualdade, pois, no longo prazo, a taxa de retorno sobre os ativos é maior que o ritmo do crescimento econômico, o que se traduz numa concentração cada vez maior da riqueza. Uma situação de desigualdade extrema pode levar a um descontentamento geral e até ameaçar os valores democráticos. Mas Piketty lembra também que a intervenção política já foi capaz de reverter tal quadro no passado e poderá voltar a fazê-lo.

Essa obra, que já se tornou uma referência entre os estudos econômicos, contribui para renovar inteiramente nossa compreensão sobre a dinâmica do capitalismo ao colocar sua contradição fundamental na relação entre o crescimento econômico e o rendimento do capital. O capital no século XXI nos obriga a refletir profundamente sobre as questões mais prementes de nosso tempo.

Espero que tenham gostado! E você, já leu algum dos livros? Gostou de algum? Não deixe de comentar e compartilhar o post!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram