domingo, 25 de janeiro de 2015

Projeto literário se despede de Campo Grande (MS) e segue para Goiânia (GO)

Neste sábado, 24 de janeiro, aconteceu a noite de encerramento do Quebras – Oficina de Criação Literária, projeto idealizado pelo escritor Marcelino Freire e co-produção de Jorge Filholini, na Casa de Ensaio, em Campo Grande (MS). O encontro foi marcado por leituras de textos produzidos pelos participantes e de autores, desde poemas e crônicas até microcontos e músicas.


Além dos escritores e entusiastas da literatura, o último dia do Quebras foi aberto ao público, num clima de sarau. Entre os presentes estavam alunos da Casa de Ensaio – organização social que recebeu a equipe do projeto. As jovens contaram como as aulas a ajudaram nos seus desenvolvimentos artísticos. Pelo modo que elas se expressaram, é possível notar a desenvoltura, autoconfiança e a sensibilidade, alguns dos elementos transformadores do contato com a arte e projetos pedagógicos desenvolvidos junto com a equipe da Casa de Ensaio.

"Vagalumes driblam as trevas..."Manoel de Barros

Atriz e criadora da Casa de Ensaio, Lais Dória compartilhou algumas das dificuldades que tiveram quando a organização mudou de lugar. Com inúmeras atividades oferecidas de forma gratuita ou acessível ao público de crianças, adolescentes e jovens, a principal dificuldade da Casa é garantir recursos para que ela continue funcionando, já que eles não recebem investimentos do governo. “Todos os móveis que temos aqui, foram doações de outras pessoas”, afirmou Lais Dória.

Lais falou sobre o livro Casa de Ensaio, no qual ela escreveu histórias reais dos 17 anos da organização e como tudo começou. A publicação foi inspirada na sua tese de mestrado Palco de Experiências: Artes e desartes com o teatro, publicada em 2008, mas com uma linguagem mais acessível, sem a formatação acadêmica, além de trazer fotos, espetáculos e atividades realizadas com as crianças.

"Escritores driblam a ignorância" – Luciano Serafim

Os escritores Marcelino Freire e Jorge Filholini contribuíram com o projeto. Foi uma noite prazerosa, com muita poesia, prosa e música. Quando o sarau acabou, Marcelino devolveu os textos recebidos no segundo dia da oficina, dando um feedback para os escritores sobre quais pontos poderiam ser melhorados. Cada minuto do Quebras foi bem aproveitado e conseguiu sensibilizar os participantes, despertando a importância do olhar sobre as palavras. Dever cumprido, mas não finalizado. O aprendizado sobre a Literatura e a Escrita exigem dedicação constante.

Assista ao vídeo de Marcelino Freire recitando Carlos Drummond de Andrade:

Assista ao encerramento da noite, Marcelino Freire fazendo as considerações finais e recitando Manoel de Barros:


PS: Nos dias 27, 28 e 29 de janeiro, a oficina de criação literária com o escritor Marcelino Freire acontece no Grande Hotel Goiânia, em Goiânia (GO). Para quem estiver na cidade no dia, não deixe de fazer a inscrição da oficina e participar, garanto que não se arrependerá! REVERBERA :-)



Para ficar por dentro do Quebras, acesse o site do projeto: http://quebras.com.br/

Conheça também a página do Facebook do Quebras: https://www.facebook.com/quebrascultural

Para conhecer a Casa de Ensaio, acesse o site oficial: http://casadeensaio.org.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram