Pular para o conteúdo principal

Destaques

Nobody Speak: Documentário questiona frágil liberdade de imprensa contra interesses de bilionários

Nobody Speak: Trials of the Free Press é um documentário um tanto polêmico e controverso sobre a liberdade de imprensa, liberdade de expressão e como pessoas poderosas e ricas podem silenciar veículos de comunicação . O filme documental foi lançado em 2017, com direção do cinegrafista norte-americano Brian Knappenberger , com produção da First Look Media e distribuição pela Netflix . Dois casos bem diferentes são discutidos no documentário Nobody Speak . Enquanto no caso da Gawker, os profissionais envolvidos tentam vender a ideia de que publicar um vídeo íntimo de uma personalidade norte-americana se tratava de um tema de interesse público, eu acredito que o vazamento dos vídeos sexuais do famoso só reforçam a importância de traçar melhor a questão ética no jornalismo online, tão focado nos cliques instantâneos que se esquecem que por trás de cada notícia existem seres humanos, independente do nível de fama. Para não estragar a surpresa e os detalhes, não vou comentar muito sobre os

Concurso premiará melhores contos de estudantes do Ensino Fundamental e Médio

A Fundação Mapfre está com inscrições abertas para o seu concurso internacional de contos, voltado para estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio que tenham entre 6 e 18 anos. Os alunos interessados em participar devem cadastrar os contos até o dia 15 de novembro de 2016, até as 18h59, estar matriculados em escolas de ensino regular públicas ou privadas.

Além de estudantes brasileiros, podem participar estudantes de outros países, como Argentina, Chile, Colômbia, República Dominicana, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Porto Rico, Uruguai, Venezuela e Espanha.


Segundo o regulamento do concurso de contos, a proposta da Fundação Mapfre “Educa Tu Mundo” é a de fomentar a criatividade de crianças e jovens por meio da redação de um conto, cujas ideias devem estar relacionadas a um mundo melhor, com temas como prevenção de acidentes e segurança viária, ação social, arte como forma de conhecimento, cultura de seguros ou estilos de vida saudáveis.

Inscrições e prêmios do concurso de contos


As inscrições para o concurso de contos devem ser feitas pelo responsável/tutor ou pai/mãe do aluno, preenchendo com informações como o nome da escola, endereço completo da escola, e-mail da escola, e-mail do contato, cidade/Estado, país, telefone de contato e nome do adulto responsável pela inscrição do conto. Lembrando que na hora de inscrever os textos, os participantes deverão adotar um pseudônimo para preservar a privacidade do menor.

O concurso de contos da Fundação Mapfre está aberto para duas categorias: Categoria I – contos de no máximo 800 palavras, voltado para alunos entre 6 e 11 anos; Categoria II – contos de no máximo 1200 palavras, voltado para alunos entre 12 e 18 anos.

O concurso acontece em duas fases. Na primeira fase, cada país elegerá os 10 melhores contos de cada categoria por meio de votação popular. Na segunda fase, a Fundación Mapfre vai nomear um juri que avaliará os contos finalistas. Entre os prêmios estão notebooks, bicicletas, tablets e kits de livros didáticos.

Ficou interessado em participar? O regulamento completo, o formulário, os contos cadastrados, materiais e mais informações sobre o concurso de contos da Fundação Mapfre podem ser encontrados no site oficial: https://concursodecuentos.fundacionmapfre.org/

Sobre a Fundação Mapfre 


Na Fundación MAPFRE acreditamos firmemente na educação como um processo essencial para a evolução da sociedade. Por isso, criamos o Educatumundo, o compromisso da Fundación MAPFRE com a educação, onde colocamos à disposição da comunidade educativa e dos profissionais da educação todos os nossos projetos e recursos.

Comentários

Mais lidas da semana