Pular para o conteúdo principal

Destaques

Happy Old Year: Filme explora a linha tênue entre o desapego e a nostalgia

O filme tailandês Happy Old Year , de 2019, nos faz pensar sobre as relações que construímos com as coisas que guardamos ao longo da vida. Com direção e roteiro de Nawapol Thamrongrattanarit, a obra está disponível na Netflix. Chutimon Chuengcharoensukying interpreta Jean, uma mulher que deseja fazer um escritório em sua casa, mas se dá conta de que há uma pilha de objetos inutilizados pela casa. Interessada e inspirada pelo minimalismo, se dependesse só dela, ela colocaria tudo em sacos de lixo e jogaria fora, o que ela descreve como buracos negros, porém, à medida que ela coloca o seu plano em ação, Jean percebe que não será tão fácil como imaginava. Com a resistência da família a mudar, Jean encara de frente sua missão, doa em quem doer. O que deveria ser fácil e prático para ela, cuja necessidade é vista até mesmo como egoísmo, acaba se desdobrando em várias situações, fases e etapas conforme ela mergulha nas histórias, memórias e emoções que estão vinculadas aos objetos, especialm

Escrita Maldita: Comentário do livro feito pela escritora Andreia Nascimento

Neste domingo, saiu uma resenha nova do livro Escrita Maldita. O texto e a foto foram publicados pela escritora Andreia Nascimento em seu perfil no Instagram (writerandreianascimento). Semana passada havia recebido uma mensagem de que ela estava lendo o eBook para Kindle. Fiquei bem feliz quando vi o comentário. Estava rolando o feed nesta madrugada, quando dei de cara com a foto. Gratidão!


“Eu estou simplesmente rendida à sua escrita e amo esse universo de escritor” – Andreia Nascimento

Confira abaixo o comentário da Andreia Nascimento sobre o livro Escrita Maldita:


Escrita Maldita é um livro de terror, isso você deve saber, mas também é um livro sobre processo criativo de um escritor. Me identifiquei com o livro em vários níveis. Óbvio que nunca passei por um terror psicológico. Mas vi na pele de Daniel Luckman.

A escrita de Ben Oliveira é uma obra de arte, é deliciosa e de uma qualidade incrível. Os personagens são de uma profundidade que é inegável a aproximação e a troca de lugar durante a leitura. Eu fiquei refém desse livro por vários dias, demorei para ler, não por não gostar, mas porque eu sofria demais ao ler. Foi o primeiro livro de terror que li na vida, mas garanto que é algo que retornarei a fazer.

Ben soube dosar os pontos de adrenalina, meus sentimentos ficaram misturados durante a leitura. Eu terminava de ler e ficava: Não acredito! Porém confesso que a segunda parte do livro virou minha cabeça. Não esperava por aquilo. Foi mais do que eu pude digerir. Acho que Escrita Maldita cumpriu tudo que prometeu. Eu senti o terror, senti Daniel e Marissa dentro de mim. Enlouqueci com Laurence Loud... O livro em terceira pessoa me deu uma visão ampla de tudo. O processo de escrita foi onde eu mais me encontrei, era como se eu tivesse vendo um reflexo meu, até pensei o quão clichê era aquilo. Nós, escritores que estamos sempre fugindo e criando plot twist só para não ser óbvio.

Então sim, para quem ler terror, experimente. Quem está querendo conhecer, pode ser um bom início.

Sobre a escritora – Andreia Nascimento nasceu em Juazeiro, Bahia e mora com a filha na mesma cidade. É viciada em séries, o que a inspira mais que tudo nesse mundo. Começou a jornada no mundo da escrita muito recentemente, sendo Para Ella, Com Amor seu primeiro livro lançado para o mundo.

Ficou interessado? Compre o eBook de Escrita Maldita, disponível na Amazon Brasil: http://amzn.to/2vVEbty

Por enquanto, a versão impressa do livro está esgotada.
***
Para quem gosta de ficar por dentro das novidades, neste fim de semana também ganhei uma ilustração em aquarela inspirada no livro Escrita Maldita. A arte é do meu namorado, Marcos Ouriques. Confira abaixo:


Para conhecer mais sobre a arte dele, curta a página no Facebook: https://www.facebook.com/marcosouriquesarte/

Frase do Escrita Maldita publicada no Instagram do blog Virando Amor:



Confira a sinopse do livro Escrita Maldita:


Após se tornar um best-seller com seu romance de terror de estreia, Daniel Luckman está prestes a realizar um sonho: escrever um livro com Laurence Loud, um dos melhores escritores de horror dos últimos tempos. Quando o colega põe os pés em sua casa, coisas estranhas começam acontecer. A linha entre a ficção e a realidade, a loucura e a sanidade, os pesadelos e as alucinações se dissolvem. Uma história de mistérios, passados sombrios e amor. Quando dois escritores de terror se juntam para escrever uma história, tudo pode acontecer.

O processo de criação pode ser intenso, as emoções podem ficar confusas. Você estaria disposto a sacrificar tudo pelos seus sonhos?

Sobre o autor – Ben Oliveira é escritor, redator freelancer, blogueiro e jornalista por formação. Tem contos publicados na Amazon e em diversas coletâneas e é autor do livro de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1), disponível no Wattpad e do livro Escrita Maldita, publicado na Amazon.  Nasceu em 1989, morou grande parte da vida em Campo Grande (MS) e atualmente vive em Blumenau (SC). Mantém o blog www.benoliveira.com

Para ficar por dentro das novidades, me acompanhe nas redes sociais:




Neste mês, o meu canal do YouTube completa um ano! Inscreva-se no canal e ajude a continuar produzindo conteúdo sobre o universo dos livros.

Comentários

Mais lidas da semana