Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Editora Escândalo divulga resultado do II Concurso de Contos Loveless

Na tarde de hoje a Editora Escândalo publicou o resultado do II Concurso de Contos LOVELESS  e entre os 12 escritores selecionados, dois contos meus – Ben Oliveira – estão na lista dos vencedores do concurso literário – "Segredos Expostos" e "Prazeres Perigosos".

Segundo informações postadas no site da editora, participaram 38 contistas do concursos, em um total de 47 trabalhos inscritos. Os contos serão reunidos e transformados em um livro.

Com a frase: “Você consegue NÃO escrever sobre o Amor?”, a proposta do concurso era escrever contos sobre qualquer assunto, desde que não fosse abordado o tema amor / relacionamento amoroso.

Confira a lista completa dos vencedores do II Concurso de Contos Escândalo - Loveless:

Eduardo Bravo: “Amor de Pai” e “O Deus Imoral”

Rodrigo Adriano Machado: “O Sorriso de Victtor”

Felipe Moreira: “A Descoberta do Silêncio”

Filebo Carvalho: “A Revolução de Jean”

Daniel Manzoni: “Um Filho da Mãe: a angústia de ser parido”

Ítalo Damasceno: “Camarão de Quintal”

Cícero Edinaldo: “Defeitos de Fábrica”

Ben Oliveira: “Segredos Expostos” e “Prazeres Perigosos”

Sergio Viula: “Caos Ordenado”

Tales Gubes: “O Bufo”

Roberto Maty: “Cuidado Para Não Derrubar”

Marcio Lima: “O Garoto do Anúncio”

Editora Escândalo destina-se a publicar e projetar no mercado editorial brasileiro obras de ficção e não-ficção exclusivamente de cunho LGBT, contando com autores que versem sobre esse foco nos mais distintos aspectos e colocando-os ao alcance do grande público.

-> Livro de contos gays será lançado em São Paulo

Comentários

Mais lidas da semana