Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Skoob: Rede social divulga leituras de 2015

Para quem não se lembra, o Skoob passou a incentivar mais os usuários a utilizarem a meta de leitura em 2015, de forma que determinado número de páginas dava direito a medalhas virtuais, além da possibilidade de acompanhar como estavam as metas de leituras de amigos presentes na maior rede social para leitores do Brasil!


Só hoje me dei conta de que eles liberaram algumas informações sobre minhas leituras de 2015 e decidi compartilhar aqui no blog. Gosto de usar minha agenda para anotar minhas datas de início e conclusão de leituras, bem quais são os livros que foram resenhados aqui para o Blog do Ben Oliveira, mas confesso que o Skoob quebra um galho quando preciso ver com mais agilidade, principalmente quando se tratam de livros que acabei dando para alguns amigos e não os tenho mais na estante para poder conferir.

Conforme o Skoob aponta, foram 129 livros lidos em 2015, dos quais três são meus contos cadastrados na rede social que foram publicados na Amazon, somando um total de 27.779 páginas lidas e uma média de 76 páginas por dia. Entre outras informações bacanas compartilhadas pelo Skoob estão:

*O livro mais longo: Tratado de Yoga – Mestre DeRose (Editora Nobel, 946 Páginas)



*O livro menos popular: O Beijo da Noite – Luiz Ilasana (Editora Komedi, 96 páginas)

Da meta de leitura de 2015, eu atingi 99%. Dos 130 livros, faltou concluir Onde Cantam Os Pássaros – Evie Wyld (Editora DarkSide Books, 256 páginas)

Dos 709.809 participantes, minha posição no ranking geral foi #735. Enquanto no Ranking de Leitura 2015 em relação aos amigos do Skoob, fiquei em #6.

E você, como foi sua meta de leitura no ano passado? Já está participando este ano?

Me acompanhe também pelo Skoob: http://www.skoob.com.br/usuario/270902

Conheça e siga minha página de autor no Skoob: http://www.skoob.com.br/autor/11223-ben-oliveira

Boas leituras! ;-)

Comentários

Mais lidas da semana