sexta-feira, 6 de maio de 2016

Horror em Amityville: Livro de terror será republicado pela DarkSide Books em 2016

Gosta de livros de terror? Você provavelmente já ouviu falar em Horror em Amityville (The Amityville Horror). A DarkSide Books, editora brasileira focada na publicação de livros de fantasia e de terror, divulgou hoje que o livro vai ser publicado por eles no segundo semestre de 2016. Uma boa novidade para quem gosta da história baseado no suposto caso paranormal que ficou amplamente conhecido nos Estados Unidos e escrito pelo autor norte-americano Jay Anson.

DarkSide Books anuncia publicação do livro Horror em Amityville

Confira a sinopse do livro Horror em Amityville:


Em 13 de novembro de 1974 a polícia do condado de Sufolk recebeu uma chamada telefônica que a levou ao endereço 112 Ocean Avenue, Amityville, Long Island. Dentro da casa a polícia encontrou um crime brutal: o assassinato de uma família inteira enquanto dormia. Poucos dias depois, Ronald Defeo Jr. admitiu que usou um rifle para matar os pais e seus 4 irmãos, alegando ter ouvido vozes que vinham de dentro da casa e que o influenciaram a cometer os crimes. 

Um ano depois George e Kathy se mudam com os filhos para a antiga casa dos Defeo. Não demora muito para que estranhos eventos comecem a acontecer, afetando a vida da família e indicando que uma presença maligna está oculta na casa.

Sobre o autor


Jay Anson (4 de novembro de 1921 - 12 de março de 1980) foi um escritor norte-americano cujo trabalho mais famoso foi o Horror em Amityville (The Amityville Horror). Depois do sucesso do romance, ele escreveu 666, que também lida com uma casa mal-assombrada.

Jay Anson, autor do livro Horror em Amityville

Seu livro, Horror em Amityville, foi vendido como uma "história verdadeira", e foi baseado nas experiências reportadas por George Lutz e Kathleen Lutz durante dezembro de 1975, na Ocean Avenue, 112, mesmo endereço em que Ronald Defeo Jr. assassinara sua família um ano antes.

Em uma reportagem escrita por William J. Slattery, publicada na edição de 1979 da Writer's Digest, Jay Anson comentou:

"É engraçado", ele disse. "Quase ninguém diz para mim, "Ei, aquele seu livro é cheio de besteira. Eu não acredito em uma palavra dele'. Ao invés disso, eles perguntam se eu acho que os Lutzses me contaram a verdadeira. E eu respondo a eles o mesmo que eu te respondi quando você me perguntou. Eu digo a eles que eu não tenho ideia se o livro é real ou não, mas eu tenho certeza de que os Lutzses acreditaram que o que eles me contaram era verdade".  

O livro rendeu muito dinheiro para Jay Anson. Segundo a matéria, ele foi chamado de várias coisas, entre elas de mentiroso, pesquisador preguiçoso, escritor com o dom de contar histórias e repórter honesto. "Se eu acredito no meu próprio livro? Eu nem acredito ou desacredito. Eu sou apenas um repórter que reportou de forma mais acurada que eu pude o que algumas pessoas me disseram que aconteceram a elas. Não existe maneira de eu provar o que eles me contaram. Quando o que aconteceu aconteceu, ninguém estava por perto com uma câmera ou um gravador", acrescentou Jay Anson.

Questionado sobre conselho para escritores iniciantes, Jay Anson falou: "Escritores precisam se lembrar que se eles estão escrevendo ficção, eles estão no negócio de entretenimento. Se você escreve algo e ele não entretém, jogue-o fora e escreva algo que entretenha. Se você está escrevendo fato, você está escrevendo para informar. Então, informe. Seja claro. Seja breve. Se você escreve algo que não é interessante, então deixe pra lá".

Do livro para o cinema


Em 1979, o primeiro filme Horror em Amityville, baseado no livro de Jay Anson, foi dirigido por Stuart Rosenberg, com roteiro de Sandor Stern. Depois, vieram outras adaptações cinematográficas relacionadas ao caso Amityville, como o remake do filme em 2015.

Imagem do filme Horror em Amityville, 1979

No ano de 2012 foi lançado um documentário intitulado My Amityville Horror, dirigido por Eric Walter, no qual Daniel Lutz revela como foi crescer com o estigma social e as cicatrizes que ele carregou, já que os acontecimentos narrados pelos pais ficaram conhecidos mundialmente.

O mais recente filme de terror da franquia Amityville, The Awakening, será lançado em janeiro de 2017 e foi dirigido por Franck Khalfoun, cujo enredo se foca na história de Belle (Bella Thorne) e sua família que se mudam para uma casa em que fenômenos estranhos começam a acontecer, até eles descobrirem que se mudaram para infame casa de Amityville.

Confira: 6 Filmes de Terror inspirados nos Casos Paranormais investigados por Ed e Lorraine Warren

Assista ao trailer do remake de Horror em Amityville (2005):




Terror ou Boato?


Como muitos casos paranormais, o casal Warren foi um dos que foram investigar a casa da Ocean Avenue, que ficou conhecida como Amityville, depois do massacre que aconteceu. Enquanto alguns investigadores paranormais alegaram ter sentido uma presença dentro da casa, como a própria Lorraine Warren, ninguém conseguiu comprovar.

O caso de Amityville ainda inspira histórias de terror, seja nos livros de ficção ou no cinema. Segundo reportagem da ABC News, a família Lutz teria ganhado cercado de 300 mil dólares, enquanto as obras e adaptações renderam milhões de dólares. O livro The Amityville Horror foi lançado em 1976 nos Estados Unidos e vendeu mais de 6 milhões de cópias.

Conheça: 11 Livros sobre fenômenos paranormais investigados por Ed e Lorraine Warren

Enquanto os Lutz admitiram que existem alguns exageros no livro e no filme, eles alegam que a história realmente aconteceu. Na época do julgamente, Ronnie DeFeo tentou alegar insanidade, dizendo que escutava vozes que diziam que ele precisava matar, mas em entrevista à Primetime, ele negou, afirmando que era uma estratégia para ajudar a provar sua "loucura".

Fatos reais ou ficção, assombração ou boato, Horror em Amityville é uma dessas histórias intrigantes que continuam arrepiando os leitores até hoje! Muitos leitores da DarkSide Books – eu estou entre eles – ficaram felizes com a novidade compartilhada hoje e já estão ansioso para ver o trabalho de edição e o projeto gráfico. Mais um livro de narrativas sombrias para minha lista de desejados.

Confira como ficou a edição de Amityville publicada pela DarkSide Books:



E você, já leu alguma edição de Horror em Amityville? Ficou curioso para ter a edição da DarkSide Books? Escreva seu comentário abaixo! Gostou do texto? Compartilhe! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram