Pular para o conteúdo principal

Destaques

12 Graphic Novels que você precisa ler

Começou como uma forma de experimentação na leitura. Apesar de gostar de tirinhas, nunca tinha me aventurado pelo universo das graphic novels, como aconteceu há alguns anos – pelo menos, não de forma que me interessasse.

Percebo que cada vez mais pessoas estão se interessando pelos diferentes formatos de narrativas. Acho válida toda forma de contação de histórias e acredito que elas podem criar experiências complementares. Há espaço para todos gostos.


Com doze indicações de leitura, dá para ler um livro por mês ou ler todos em um só mês, dependendo do ritmo de leitura e da fome por histórias de cada um. Entre temáticas mais sociais e outras mais fantasiosas, as graphic novels podem ser uma porta de entrada para outros livros, como podem ocupar um espaço central no coração de quem é aficionado por histórias ilustradas.

Histórias que podem ir muito além de um passa-tempo, como se acreditava antigamente, mas também proporcionar reflexões sobre a vida, juntando o melhor dos dois mundos: d…

Asperger: Bate-papo com a blogueira Calinca Alcantara na página Lagarta Vira Pupa

Você quer quebrar tabus @? Bate-papo com a Calinca Alcantara: blogueira, artista, designer, modelo, Asperger/autista.


Hoje (08 de maio de 2019) na página da Lagarta Vira Pupa, a partir das 21h.

De todas pessoas que conheci no mundo autista, uma das que me acolheu desde o início foi ela.

No grupo da Rivotrip pude conhecer outros Aspergers como eu e me sentir menos deslocado, pois existe uma variação muito grande dentro do espectro autista.

Não existem dois autistas/aspies iguais. Mas em alguns grupos, conseguimos encontrar pessoas com hiperfocos BEM DIFERENTES, mas que conseguem dialogar com respeito.

Assim como eu, a Cali teve que lidar com vários trolls questionando o diagnóstico dela; tretas de todos lados e já tivemos nossa cota de combater antivacinas e demais pessoas promovendo pseudotratamentos de autismo 👑

Os aspergers 'diferentes' sofrem preconceito de todos lados. Espaços que deveriam ser de acolhimento se transformam em um inferno.

Meu grupo Autísticos foi inspirado na moderação do Rivotrip: a melhor moderação de grupos de autismo que já existiu. Aprendi muitas coisas, desde moderação até saber quem merece minha atenção ou não no perfil pessoal. Gratidão!



Veja também: Aspergers: Tabu e o preconceito contra autistas artísticos

*Ben Oliveira é escritor, blogueiro e jornalista por formação. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e dos livros de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1) O Livro (Vol. 2), disponíveis no Wattpad e na loja Kindle.

Comentários

Mais lidas da semana