Pular para o conteúdo principal

Destaques

Resenha: Coração Assombrado – Lisa Rogak

Em seu livro Coração Assombrado (Haunted Heart), a autora Lisa Rogak contou a  história de vida do escritor Stephen King, conhecido como Rei do Terror do Suspense. A obra foi publicada no Brasil pela editora DarkSide Books pela primeira vez em 2013 e republicada em 2017 para uma edição comemorativa de 70 anos do autor. A obra foi publicada originalmente pela Thomas Dunne Books, em 2008.


Encontre o livro Coração Assombrado (Lisa Rogak): https://amzn.to/2LUXiMc

O sucesso de Stephen King acabou servindo de inspiração para milhares de escritores do mundo todo. Diferente de tantas histórias de autores que tiveram sua entrada ao universo editorial facilitada, seja pelos contatos ou privilégios, o autor teve que lutar para conquistar seu espaço e seu talento se revelou mais bem-sucedido do que poderiam esperar. Como pode um autor de terror ter emplacado vários livros na lista de mais vendidos dos Estados Unidos e de diferentes países?

Um jogo de sorte? Marketing? Stephen King escrevia desde a…

Interatividade na Web

A Web 2.0 tem como uma de suas maiores premissas a interatividade. Stefanie Carlan da Silveira, em seu artigo: "Jornalismo e interatividade na Web 2.0: a produção de conteúdo pelo público em redes digitais", acredita que esta segunda geração da Internet "está baseada no princípio da construção coletiva, no incentivo do caráter colaborativo e na valorização da participação dos sujeitos".

Seguindo este princípio da construção coletiva, os usuários têm a possibilidade de produzir seus próprios conteúdos e publicá-los na Internet, a autora acredita que desta forma, "aumenta o número de publicações produzidas por cidadãos-comuns e reduzem-se as etapas de distribuição da informação".

Exemplos de interação
  • No site de vendas da Amazon existe a possibilidade dos internautas recomendarem produtos;
  • Na Wikipedia o contéudo é criado pelos usuários de forma colaborativa;
  • Em sites como o facebook ou del.icio.us os usuários podem "registrar no site os seus links favoritos e disponibilizar essa lista para toda a web"
No jornalismo, além de muitos sites de notícias dedicarem uma sessão aos "leitores-repórteres", criação de conteúdo pelos leitores, eles também podem sugerir pautas, enviarem informações que sejam relacionadas ao tema, desde relatos a fotografias / vídeos, comentarem, responderem enquetes e debaterem os assuntos.

A interatividade é importante para a comunicação, forçando as empresas do setor a interagirem cada vez mais com o público-alvo. Observamos no cotidiano, a entrada progressiva de empresas nas redes sociais para uma maior integração com seus clientes, porém nem todas estão conseguindo utilizá-las corretamente.

O que poderia tornar-se mais um canal de comunicação, está se tornando somente mais um meio de publicação de conteúdos, muitas vezes, acontecendo de forma "robótica". E o contato que deveria ser prioridade nas redes sociais, torna-se perdido.

Referências

SILVEIRA, Stefanie Carlan da. Jornalismo e interatividade na Web 2.0: a produção de conteúdo pelo público em redes digitais
Disponível em: http://encipecom.metodista.br/mediawiki/index.php?title=Jornalismo_e_interatividade_na_web_2.0%3B_a_produ%C3%A7%C3%A3o_de_conte%C3%BAdo_pelo_p%C3%BAblico_em_redes_digitais&oldid=6069

Comentários

Mais lidas da semana