Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sobre rabiscos e telas brancas

A tela branca pode ser um convite à explosão criativa ou uma tortura ao artista que sente seu espírito definhando diante da pesada realidade. Em tempos de crise e ódio, a arte fica esquecida e é vista como desimportante; ironicamente, é quando mais precisamos dela, de algo que nos faça sentir vivo e toque as partes atordoadas.


O som dos dedos se movendo pelo teclado era como fantasmas de uma vida distante. É incrível perceber quantas vezes nós deixamos algumas partes nossas morrerem ao longo de nossas existências; as máscaras, antes tão confortáveis, agora incomodam e não nos servem mais. Leva tempo até ficarmos satisfeitos e ajustados à nova realidade. Viver é admitir que sabemos pouco sobre nós mesmos e há sempre algo novo que pode nos transformar, seja para o bem ou para o mal.

O artista encara a tinta respingando pela tela. Para o espectador sem intimidade, nada faz sentido, a desconexão de ideias é tormentosa; para ele, o lembrete de que sua arte nunca o abandonaria. Como poderia…

Lançamento: O Pingente de Sangue – Leonardo Ottonelli

O gaúcho Leonardo Ottonelli estreia na literatura, lançando no Rio de Janeiro o livro “O Pingente de sangue”. Tendo Londres como cenário, a história de ficção tem como protagonista Bryan, um jovem artista inglês morador do boêmio bairro do Soho, que vive às voltas com telas e pincéis.

Capa do livro O Pingente de Sangue, Leonardo OttonelliSua vida muda drasticamente ao ser convidado para fazer parte de uma sociedade secreta, descobrindo estar diante de um verdadeiro exército que se prepara para enfrentar vampiros e seres maldosos, que invadirão o planeta a partir de um eclipse lunar.

Antes do combate, Bryan conhece todos os encantos de estar com pessoas de fino trato na sociedade secreta até transformar-se em vampiro, iniciando sua vida eterna e tendo seu cobiçado pingente de sangue como principal escudo para lutar contra os seres do mal.

Lançado pela Cultura em Letras Edições, “O Pingente de sangue” tem 108 páginas e ilustrações criadas pelo próprio autor. O livro tem como proposta entreter todas as gerações de pessoas ao contar uma história sobre seres que sempre povoaram o imaginário mundial, que são os vampiros.

O lançamento ocorrerá no dia 23 de julho, no Castelinho do Flamengo, no Rio de Janeiro, de 19h às 21 h e será vendido inicialmente no site da editora em: www.culturaemletrasedicoes.com.br

Onde: Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho: Castelinho do Flamengo, na Praia do Flamengo, 158

*Informações de Occello Oliver / Cultura em Letras Edições

Comentários

Mais lidas da semana