Pular para o conteúdo principal

Destaques

Causa Autista, História e Divergências Políticas no mundo inteiro

Para quem acha que o que acontece no Brasil é inédito, basta conhecer a história do autismo. As divergências políticas são parte da história do autismo. Cada conquista aconteceu por causa das lutas dos movimentos sociais organizados.


Leia: A História do Autismo: 10 Motivos para ler o livro Outra Sintonia

O Brasil não inventou o fogo. As pessoas poderiam fazer escolhas melhores se estudassem mais. Serve para quem quer falar de política, mas não conhece as questões biológicas também.

Sobre o mundo das organizações brasileiras, já falei algumas vezes: nenhuma me contempla. Nenhum dos lados acerta sempre nem vai acertar, pois cada lado tem seu viés e puxa mais para o que acredita.

O que é melhor para um autista, pode não ser para o outro, seja por questões sociais ou neurobiológicas: o assunto SEMPRE será complexo, pois o autismo é complexo, não é simples como as pessoas fazem parecer.

Quem paga o preço? Quem é invisibilizado. Quem já tem diagnóstico, dificilmente se importa com os que não…

Profissional aborda funções do Relações Públicas em palestra na UCDB

Relações Públicas da Hemorrede de MS/Hemosul e ex-professora, Mayra Franceschi ministrou uma palestra para os alunos de Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda e Jornalismo da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), na manhã desta terça-feira, 15 de outubro de 2013. A profissional esclareceu quais são as funções do profissional de Relações Públicas.

Mayra Franceschi ensinou quais eram as funções do
Relações Públicas e deu exemplos. Foto: Matheus Rondon.
Formada há 22 anos, desde que concluiu a graduação Mayra Franceschi trabalha como Relações Públicas, além de ter sido docente da Universidade Católica Dom Bosco por mais de 12 anos, ministrando aula para os cursos de Jornalismo, Publicidade, Relações Públicas e Administração. “O trabalho de Relações Públicas é o de um estrategista de comunicação”, afirma. Durante a palestra além de apresentar alguns conceitos de RP, Mayra apresentou alguns cases de Mato Grosso do Sul.

Imagem – “Concepção que uma pessoa, um grupo ou vários grupos têm de uma instituição ou localidade”.

Confiança ou credibilidade – “Sólida experiência no relacionamento”.

Identidade – “É a manifestação tangível da personalidade corporativa, o conjunto de caminhos que a organização elege para identificar a si própria para os seus públicos de relacionamento”.

Transparência – “Comunicar-se com clareza e exatidão. Ser confiável na informação. Ética. Tornar pública a informação corporativa”.

“A empresa tem que estar permanentemente aberta e com condutas condizentes para se manter com credibilidade”, acredita Mayra Franceschi. Segundo a palestrante, o profissional de RP trabalha para construir uma imagem positiva até um relacionamento sólido. “O Relações Públicas tem essa ação de construir possibilidades”, justifica. Para Mayra, uma das formas de se implementar essa interação com o público é através das ouvidorias, podendo gerar mudanças de procedimentos nas empresas.

Entre os cases apresentados pela palestrante estavam um Workshop realizado em Curitiba (PR) para Cooperativas Rurais, onde foram apresentadas inovações para o público-alvo; o evento Sacudindo a Cultura em Campo Grande, trazendo visibilidade para a UCDB e para o curso de Relações Públicas; Muito Prazer UCDB (Divulgação gratuita da universidade privada para alunos do ensino médio).

“Dentro da nossa área, em seis anos vocês podem ter duas graduações”, afirma a Coordenadora do Curso de Publicidade e Propaganda da UCDB, Claudia Ruas, sobre a possibilidade de se habilitar nas diferentes áreas da Comunicação Social, citando jornalistas que também se formaram em publicidade e vice-versa, além das outras graduações.

Este é o terceiro profissional que vem palestrar na UCDB durante este semestre para abordar as diferentes habilitações da área de Comunicação Social. Além de Mayra Franceschi, o publicitário Tadeu Braga e a jornalista Ana Maria Assis de Oliveira também conversaram com os alunos. Segundo Claudia Ruas, a próxima palestra será ministrada por algum profissional de Rádio e TV.

Comentários

Mais lidas da semana