Pular para o conteúdo principal

Destaques

Revolutionary Love: Série coreana de drama explora o abismo que divide as classes sociais

Embora muitos dramas coreanos pequem na representatividade de diversidade racial e deem pouquíssimo espaço para estrangeiros e imigrantes, a série Revolutionary Love (2017) da tvN e no Brasil disponível temporariamente pela Netflix , acaba indo além dos elementos de comédia e romance, mostrando o drama das diferenças de classes sociais , os preconceitos e a possibilidade de imersão nesse mundo desconhecido pelo filho do dono de um dos maiores conglomerados de empresas da Coreia do Sul . A ingenuidade e a ignorância da realidade das classes trabalhadoras tornam o protagonista um tanto embaraçoso, lembrando de forma vaga a jornada de Buda quando conheceu a realidade fora do palácio e foi confrontado com a fome, a doença, a pobreza e a morte. Longe de ser uma série com alguma alegoria espiritual, mas do ponto de vista do comportamento é interessante acompanhar como Byun Hyuk (Choi Si-won) se torna mais empático e humanizado quando seu caminho cruza com o de Baek Joon (Kang So-ra) . E

Infográfico: Cronologia da Síndrome de Asperger ao Espectro Autista

Para quem gosta de infográficos e datas, decidi reunir algumas datas importantes sobre a Síndrome de Asperger/Transtorno do Espectro Autista. As informações vão desde as pesquisas do austríaco Hans Asperger até a classificação atual no DSM e a classificação futura no CID-11.

Muitas pessoas têm dúvidas sobre a diferença entre Síndrome de Asperger e autismo de alto funcionamento. Basicamente, o diagnóstico era feito levando em conta se a pessoa não teve atraso de fala, não tem deficiência intelectual e tem um comprometimento leve da linguagem funcional. O fator que mais diferenciava era o atraso ou não; o diagnóstico de aspies passava e ainda passa despercebido durante anos.

Como as características eram mais discretas, desde a data da estreia oficial do diagnóstico no DSM, em 1994, até os dias atuais, muitos profissionais ainda têm dificuldade com o diagnóstico de Síndrome de Asperger. A inclusão no espectro autista também exige mais conscientização sobre a diversidade entre autistas. Muitas pessoas têm dificuldade de entender que não existem dois autistas iguais, independente do grau.

Leia também: Síndrome de Asperger: Guia do especialista mundial em autismo, Tony Attwood

A inclusão no DSM, teoricamente, deveria facilitar a vida dos profissionais e das pessoas sem diagnóstico, mas nem sempre é o que acontece. Estamos na expectativa de que até o CID-11 entrar em vigor, os profissionais tenham se capacitado melhor sobre o espectro autista.

Confira o infográfico com a Cronologia da Síndrome de Asperger ao Espectro Autista:




Texto da imagem: Crononologia da Síndrome de Asperger: Espectro Autista.

1944, HANS ASPERGER

Ano de publicação da tese de pós-graduação de Hans Asperger, na qual ele descreve as crianças com características autistas.

1979-1981, LORNA WING

A psiquiatra ajuda a popularizar a ideia de que existe um espectro autista (variação de características) e apresenta o trabalho de Hans Asperger.

1994, DIAGNÓSTICO OFICIAL

Oficialmente reconhecida como diagnóstico pela Associação Americana de Psiquiatria no DSM-IV, em 1994.

1996, NEURODIVERSIDADE

A socióloga australiana e autista (Síndrome de Asperger), Judy Singer criou o termo Neurodiversidade, que considera o autismo como "nova categoria de diferença humana".

2013, TEA NO DSM-V

Nos países que adotam o DSM, a Síndrome de Asperger foi excluída e englobada dentro do TEA (Transtorno do Espectro Autista).

2022, CID-11

Assim como o DSM, a nova CID vai unir os Transtorno do Espectro Autista.

6A02.0 – Transtorno do Espectro do Autismo sem deficiência intelectual (DI) e com comprometimento leve ou ausente da linguagem funcional.

Indicação de livro: A Diferença Invisível [https://amzn.to/2JXXSaj]

*Ben Oliveira é escritor, blogueiro, jornalista por formação e Asperger. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e dos livros de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1) O Livro (Vol. 2), disponíveis no Wattpad e na loja Kindle.

Para ficar por dentro das minhas novidades:


Facebook: https://www.facebook.com/benoliveiraautor/

Twitter: https://twitter.com/Ben_Oliveira

Instagram: https://www.instagram.com/benoliveira/

YouTube: http://www.youtube.com/c/BlogdoBenOliveira

Comentários

Mais lidas da semana