Pular para o conteúdo principal

Destaques

Resenha: Corpos Ocultos – Caroline Kepnes

Segundo livro da série Você (YOU) , adaptada para a Netflix ,  Corpos Ocultos (Hidden Bodies) narra a mudança do psicopata Joe Goldberg de Nova Iorque para Los Angeles e tem uma pegada mais ácida e mais fluida do que o primeiro livro. No Brasil, o livro da Caroline Kepnes foi traduzido por Ryta Vinagre e publicado pela Editora Rocco , em 2019. Compre o livro Corpos Ocultos (Caroline Kepnes):  https://amzn.to/3o64zLs Embora a ficção não seja parâmetro para acompanhar o desenvolvimento de serial killers , Corpos Ocultos revela tanto os padrões de comportamento de Joe e as similaridades e diferenças entre as mulheres por quem ele fica obcecado, como o perigoso fascínio que assassinos desenvolvem quando cometem seus crimes, escapam impunes e seja por necessidade ou prazer, se sentem no controle a ponto de repetirem seus atos. Perseguidor e possessivo, entre os gatilhos para o modo de agir violento de Joe está a rejeição por figuras femininas pelas quais ele desenvolve uma paixão obsessiv

Resenha: O Prazer de Ler – Heloisa Seixas

O Prazer de ler, da escritora Heloisa Seixas, como lembra o próprio título, é ideal para quem é apaixonado por livros. A obra foi publicada pela Editora Casa da Palavra, em 2011 e possui 78 páginas.

Capa do livro O Prazer de Ler, Heloisa SeixasUm dos meus trechos favoritos do livro e que vem escrito no texto na contracapa é: “O prazer de ler é, como alguém já disse, um fenômeno parecido com ser inoculado por um vírus. A partir do momento em que isso acontece, não há mais volta. Nunca mais, pelo resto de nossas vidas, conseguiremos ficar sem um livro por perto”.

O livro está dividido em pequenos textos sobre diversos assuntos relacionados à leitura, como a diversão, o livro amado, obras-primas da literatura, romance, clássicos, a importância da crônica aos escritores brasileiros, livrarias, sebos e bibliotecas.

Na última parte do livro, Heloisa faz uma lista de 68 livros que levaria para uma ilha deserta, entre as recomendações literárias a predominância é de literatura inglesa e americana de ficção, no entanto também indica literaturas: francesa, portuguesa, brasileira e outras. As indicações são uma ótima maneira de descobrir porque vale a pena ler tais livros clássicos ou não, de acordo com suas preferências, afinal, a proposta de O Prazer de Ler é estimular a leitura com uma boa dose diversão.

Os amantes dos livros certamente se identificarão com a escrita de Heloisa Seixas, que através de sua relação com a literatura, seja como escritora ou leitora, acaba incentivando a leitura. O Prazer de Ler é um daqueles livros fáceis de ler e práticos, em que sempre que sentir necessidade você pode relê-lo ou procurar as recomendações que deseja. Me identifiquei bastante com a autora, seja naquela sensação boa que grande parte dos leitores sente ao entrar numa livraria, sebo ou biblioteca ou na mania de anotar quais livros leu durante o ano. Já conhecia muitos dos clássicos recomendados e li alguns deles, o desafio agora é ler os que achei interessante e ainda não li.

Para quem gosta de escrita, principalmente de ficção, as dicas de leitura são fundamentais. Afinal, além de escrever e estudar as técnicas de construção de um romance ou conto, uma das principais orientações é a de ler os clássicos da literatura, para melhorar o vocabulário, aumentar a bagagem cultural, sair da zona de conforto proporcionada pelos livros contemporâneos e analisar o estilo dos autores.

Sobre a autora – A escritora carioca Heloisa Seixas é autora de mais de dez livros e foi por três vezes finalista do Prêmio Jabuti (com os livros Pente de Vênus, A Porta e Pérolas Absolutas). Heloisa, que durante dez anos escreveu a coluna “Contos mínimos” na Folha de São Paulo e no Jornal do Brasil, é também autora de um livro de não ficção sobre o mal de Alzheimer, O Lugar Escuro.

Comentários

Mais lidas da semana