Pular para o conteúdo principal

Destaques

12 Graphic Novels que você precisa ler

Começou como uma forma de experimentação na leitura. Apesar de gostar de tirinhas, nunca tinha me aventurado pelo universo das graphic novels, como aconteceu há alguns anos – pelo menos, não de forma que me interessasse.

Percebo que cada vez mais pessoas estão se interessando pelos diferentes formatos de narrativas. Acho válida toda forma de contação de histórias e acredito que elas podem criar experiências complementares. Há espaço para todos gostos.


Com doze indicações de leitura, dá para ler um livro por mês ou ler todos em um só mês, dependendo do ritmo de leitura e da fome por histórias de cada um. Entre temáticas mais sociais e outras mais fantasiosas, as graphic novels podem ser uma porta de entrada para outros livros, como podem ocupar um espaço central no coração de quem é aficionado por histórias ilustradas.

Histórias que podem ir muito além de um passa-tempo, como se acreditava antigamente, mas também proporcionar reflexões sobre a vida, juntando o melhor dos dois mundos: d…

Leituras de Junho – 2015

Depois de dois meses de fadiga mental de tanto material que eu tinha para estudar e, literalmente, quase desmaiar... Junho foi um mês mais calmo e tive tempo para compensar a falta que estava sentindo de me jogar na leitura. Foram 17 livros lidos. Confira abaixo a lista de leituras de junho:


Tudo Está no Éter: Independe do que você pensa, aceita ou quer (José Augusto Lopes Sobrinho)

O Demônio da Teoria: Literatura e Senso Comum (Antoine Compagnon)

Coisas Bem Legais Para Ser Muito Feliz (Mr. Wonderful)

Os Devaneios do Caminhante Solitário (Jean-Jacques Rousseau)

Fábulas (Esopo)

Discurso e (Des)Igualdade Social  (Glaucia Proença Lara e Rita Pacheco Limberti)

Triângulo das Águas (Caio Fernando Abreu)

Simplesmente Acontece  (Cecelia Ahern)

Adultérios (Woody Allen)

Fragmentos (Caio Fernando Abreu)

Contos da Realidade (P. J. Cardoso)

Theus: Do fogo à busca de si mesmo (Fabrício Viana)

Quatro Estações (Stephen King)

A Autoestrada (Stephen King)

Natasha (Flavia Andrade)

Fingidores (Rodrigo Rosp)

Monstros Fora do Armário (Flavio Torres)  

Muitos dos livros lidos não foram resenhados para o blog: dos 17, somente 4 foram resenhados... Quem sabe futuramente eu releia alguns deles e preparar algo ou, pelo menos, recomendo as obras em listas literárias. Destaque para Natasha que foi escrito pela minha colega de sala, a escritora Flavia Andrade. Fizemos uma troca de livros... Ela ficou com um exemplar do livro Remetente N.15.

Comentários

Mais lidas da semana