terça-feira, 13 de junho de 2017

Wattpad lança concurso para cineastas canadenses adaptarem contos de terror

Para quem gosta de ficar por dentro das novidades do Wattpad, esta semana a plataforma anunciou em seu blog que está procurando por cineastas canadenses para adaptarem Strange Yarns, uma antologia de contos de terror, do escritor, roteirista e diretor Josh Saltzman.


Segundo o Wattpad, a iniciativa é uma parceria com o The Coup Company, um estúdio que ajuda a conectar cineastas e diferentes criadores de conteúdo com fãs e ajudá-los a entender a importância de construir uma audiência cedo no desenvolvimento de suas ideias.

Os cineastas do Canadá interessados em participar devem escolher um dos 13 contos de terror presentes na antologia Strange Yarns e enviar um vídeo de um minuto baseado em uma das histórias. As inscrições começaram hoje, 13 de junho, e seguem até o dia 9 de julho de 2017. Entre os dias 20 de julho e 13 de agosto, os cineastas poderão construir uma audiência e os fãs votarão em seus projetos favoritos. No dia 16 de agosto de 2017 serão divulgados os finalistas e a produção vai começar.

O concurso tornará possível a produção de até 6 curta-metragens de terror baseados na antologia Strange Yarns. Segundo o Wattpad, seis cineastas ganharão até 6 mil dólares de fundos de produção cada para a produção de um curta-metragem de 6 minutos.

Os contos da antologia Strange Yarns podem ser lidos gratuitamente no Wattpad. São eles: The Root of Evil, A Curious Boy, The Doll and The Pig Nosed Girl, Five Course Meal, Hilltop High's Legendary Performance, The Witch of The Bend, Clown Killer, Kaleala, Horror on Four Legs, The Baby Blue Canoe, No Stone Unturned, The Corn Field e The Window.

Ficou curioso? Leia a antologia Strange Yarns, do Josh Saltzman (em inglês): https://www.wattpad.com/story/25225258-strange-yarns

As inscrições do concurso (caso você more no Canadá) e mais informações podem ser conferidas na página a seguir: https://www.wattpadpresents.com/

Acho muito interessante como o Wattpad constrói relações com diferentes empresas, ampliando as possibilidades de entretenimento e explorando não só a popularidade dos autores, mas levando essas histórias para diferentes públicos e formatos. A plataforma sabe como usar a internet ao seu favor. É uma pena que a maioria das oportunidades no momento seja voltada para autores que moram nos Estados Unidos e Canadá, mas eventualmente, devem chegar para escritores de outros países também.

Assim como outros autores brasileiros do Wattpad, estou na expectativa para que esses concursos cheguem por aqui. Apesar do país estar cheio de heavy-users de mídias sociais, quando se trata de literatura, o potencial ainda não é completamente explorado. Aos poucos as editoras estão fechando contratos com alguns escritores nacionais do Wattpad e publicando em livros físicos suas histórias. Recentemente, por exemplo, o Wattpad divulgou uma pesquisa que revelou que os leitores gostam de apoiar seus autores favoritos comprando versões impressas de seus livros, mesmo que já tenham lido de graça na internet através da plataforma.

Não se trata simplesmente de dar reconhecimento financeiro, que pode fazer toda diferença para escritores, afinal, nós também pagamos contas, mas de mostrar como a internet, os dados e a força de comunidades estão mudando a indústria da cultura. Algumas empresas continuam ignorando as redes sociais e se fechando para o público, enquanto outras sabem que trabalhar em sinergia com eles pode ajudar a alcançar melhores resultados.

O Wattpad, na minha opinião, foi uma das melhores invenções dos últimos anos, pois fez o mercado editorial voltar o olhar para possibilidades que estavam sendo ignoradas e tem servido para abrir portas para novos autores e escritores com potencial, que não conseguiam entrar no mercado tradicional, além de servir como uma bela ponte mesmo para autores independentes, que se arriscam em plataformas de autopublicação. Assim como o Youtube e a Netflix têm influenciado o cinema, o Wattpad e o Kindle Direct Publishing da Amazon estão impulsionando e mostrando que os feedbacks do público podem ser úteis na hora de encontrar livros com potencial comercial e atraentes para os leitores. As mudanças reverberam tardiamente no Brasil, mas para os escritores, por exemplo, é importante ficar por dentro do que está acontecendo e ver que a internet serve como uma aliada em mercados competitivos e fechados.

Outro ponto que me deixou bem feliz nesta novidade, é ver que a literatura de horror, apesar de ainda sofrer com o preconceito literário, continua se destacando e fazendo sucesso entre o público. Os sucessos de bilheterias de filmes de terror, por exemplo, mostram que há bastante a explorar do gênero e que existem pessoas que consumiriam o gênero em diferentes formatos, inclusive em obras literárias de ficção.

Ainda não conhece o Wattpad? Produzi um infográfico sobre a maior plataforma de livros online do mundo aqui para o blog e gravei um vídeo no meu canal do Youtube respondendo algumas das principais dúvidas de escritores.



*Ben Oliveira é escritor, blogueiro e jornalista por formação. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e do livro de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1), disponível no Wattpad.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram