Pular para o conteúdo principal

Destaques

Autismo: Entre fofocas e intrigas

Aviso aos bonitos e bonitas que sempre jogam meu nome e dos colegas nos grupos de Facebook e WhatsApp: alguém de vocês sempre solta algo e de um jeito ou de outro, chega até mim.


Minha dica é: quer falar mal? Fala à vontade. Se quiser, eu falo junto. Não tenho vergonha de fazer autocrítica, aliás, recomendo a todos.

Agora, se me difamar e/ou queimar minha reputação, o bicho pega.

Nesta página, não trabalho com indiretas. Só com diretas mesmo.

Já disse que nem todo autista é bonzinho, né? 😈

Dica para os anjinhos e neurotípicos: Arranjem hobbies e outros hiperfocos, ocupem a cabeça com outras coisas que não sejam só esse mundinho de intrigas do autismo.

Um grande filósofo pós-moderno, Benstein Oliveira disse que a fofoca viaja à velocidade da luz e que ela vem de todos cantos e cores do autismo. Nem WhatsApp eu uso, mas as conversas de lá sempre chegam aqui. Por que será, gente?

Formado em Harvard na arte das fofocas chegarem até mim. Parece que sou ímã para embuste.


Para os trolls que…

Vídeo: Tag Literária: Macabra – Livros de terror e suspense

É mês de Halloween e eu fui convidado pela Beatriz Paludetto (canal A Quimera) a responder a tag literária Macabra, que consiste em 7 perguntas sobre livros de terror e suspense. Aproveitando que amo livros com temática sombria e que neste mês de outubro acontece o All Hallows Read, uma ação que incentiva a leitura de obras de literatura de horror, achei a oportunidade bem bacana e decidi aceitar o desafio de gravar um vídeo para o canal do blog no Youtube e falar um pouco sobre alguns livros.


Ficou curioso? Assista abaixo ao vídeo da Tag Literária: Macabra!



O vídeo original da Tag Macabra pode ser conferido no canal da Beatriz Paludetto (A Quimera) e assim como as perguntas, para quem tiver interesse em responder.

Para quem prefere conferir o conteúdo no blog, vou listar abaixo quais livros foram comentados:

O Exorcista (William Peter Blatty): O Exorcista é o tipo de leitura que desperta sensações em leitores de várias idades, independente de suas crenças. O clima de tensão criado por William Peter Blatty, nos transporta para os cenários fechados, onde forças do bem e do mal se enfrentam e as pessoas ao redor estão correndo perigo. Mesmo para leitores que não têm medo de histórias de terror, como eu, o livro deixa suas marcas.




Exorcismo (Thomas B. Allen): Para quem gostou de O Exorcista, o livro Exorcismo vem como mais uma opção para saborear. Enquanto William Peter Blatty se aventurou pelo terror e ficção na hora de contar a história, o jornalista e escritor Thomas B. Allen decidiu se focar nos fatos. A obra de não ficção, apesar de não ter a proposta de assustar, acaba deixando alguns leitores com os pelos arrepiados. 




A Menina Submersa (Caitlín R. Kiernan): Já falei tanto sobre este livro por aqui, mas não custa repetir, né? A Menina Submersa é uma dessas leituras que nos envolvem de maneira que dias, semanas e meses se passam e ainda continuo pensando na história de Imp, a narradora e protagonista que tem esquizofrenia. Com tantas possibilidades de interpretações e referências, é um livro que eu quero reler em breve.




– O Iluminado (Stephen King): Primeiro, assisti ao filme. Na época em que vi O Iluminado, tive que alugar as fitas VHS para poder assistir. Mesmo não tendo idade suficiente para entender tudo o que estava acontecendo, fui marcado por Stephen King. Anos depois, li e reli o livro e nada como se sentir dentro do Hotel Overlook, naquele loop infinito de loucuras e assombrações.



Contos de Imaginação e Mistério (Edgar Allan Poe): As ilustrações de Harry Clarke para esta edição do livro Contos de Imaginação e Mistério ficaram maravilhosas! Quando a arte visual e a literatura se juntam, a combinação é incrível. Edgar Allan Poe continua sendo um dos meus escritores favoritos de todos os tempos.




– O Menino Que Desenhava Monstros (Keith Donohue): Imaginação? Delírios? Sonhos? Adoro livros que brincam com a linha entre o terror psicológico e terror sobrenatural! No livro O Menino Que Desenhava Monstros, nos aventuramos pela mente de um garotinho com síndrome de Asperger. Quando as pessoas próximas dele começam a enxergar as mesmas coisas que ele vê, todos se veem envolvidos em uma trama alucinante.




Eu Vejo Kate (Claudia Lemes): Três narradores, três personagens, mas um deles está morto. Quando uma escritora decide escrever um livro sobre um serial-killer e assassinatos com um padrão parecido com o dele começam a acontecer, o que esperar? O livro Eu Vejo Kate é um thriller daqueles que te deixam ligados do início ao final da leitura!




O Evangelho de Sangue (Clive Barker): Em um universo de cenobitas e demônios, o detetive Harry D'amour se vê dentro de um pandemônio. Clive Barker me surpreendeu mais uma vez. Depois de ler Hellraiser, fiquei fissurado com a leitura do livro O Evangelho de Sangue. Uma experiência deliciosa para quem gosta de narrativas sombrias.




Escuridão Total Sem Estrelas (Stephen King): Quatro noveletas, quatro histórias sobre terrores e perversões humanas. No final das contas, o homem é mais assustador do que qualquer criatura sobrenatural. Stephen King não decepciona no livro Escuridão Total Sem Estrelas!




– Ed e Lorraine Warren: Demonologistas (Gerald Brittle): Para quem gostou dos filmes Invocação do Mal e Annabelle, imagine como é a sensação de ler os relatos do casal de investigadores paranormais Ed e Lorraine Warren? Uma leitura bem gostosa para quem é curioso sobre este universo sobrenatural e sabe que algumas linhas não devem ser cruzadas.



Espero que tenham gostado! Se inscrevam no canal do Blog do Ben Oliveira e fiquem por dentro das novidades.
***
Conheça meu livro Escrita Maldita:


Sinopse: Após se tornar um best-seller com seu romance de terror de estreia, Daniel Luckman está prestes a realizar um sonho: escrever um livro com Laurence Loud, um dos melhores escritores de horror dos últimos tempos. Quando o colega põe os pés em sua casa, coisas estranhas começam acontecer. A linha entre a ficção e a realidade, a loucura e a sanidade, os pesadelos e as alucinações se dissolvem. Uma história de mistérios, passados sombrios e amor. Quando dois escritores de terror se juntam para escrever uma história, tudo pode acontecer.

Comentários

  1. Quer ter mais medo?
    https://www.clubedeautores.com.br/book/243974--NOS_BRACOS_DA_MORTE#.WkUuT9KnHcs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Mais lidas da semana