sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Livros sobre serial killers ganham edição de volume único pela editora DarkSide Books

A editora DarkSide Books reuniu dois livros da Ilana Casoy: Serial Killers: Louco ou Cruel? e Serial Killers: Made in Brazil em um único volume de edição limitada de capa dura, Arquivos Serial Killers, com mais de 700 páginas. A obra é um dos primeiros relançamentos em comemoração aos cinco anos da Caveirinha, como é conhecida entre os leitores a primeira editora brasileira voltada para a publicação de livros de terror e fantasia sombria.


Para quem não sabe, a Ilana Casoy foi a primeira autora brasileira a ser publicada pela editora DarkSide Books. A edição especial do livro Arquivos Serial Killers foi lançada no final de julho de 2017 e se encontra nas principais livrarias do Brasil, disponível também em lojas online, como Amazon, Saraiva e Submarino.

Confira a sinopse da obra Arquivos Serial Killers, da Ilana Casoy: 


Para escrever Louco ou Cruel?, a escritora mergulhou em arquivos da polícia e da Justiça, do FBI e da Scotland Yard, além de ter feito uma pesquisa rigorosa em diversas outras fontes para compor um inquietante roteiro de como, por que razão e com que métodos os serial killers agem. Em Made in Brazil, Casoy dedicou-se a investigar os serial killers brasileiros, no que viria a ser o primeiro livro do gênero dedicado aos assassinos em série do Brasil. Foram cinco anos de pesquisas, visitas a arquivos públicos, manicômios e penitenciárias, além de entrevistas cara a cara com personificações do mal em terras tupiniquins, para produzir um dossiê sobre o lado mais sombrio do ser humano. Perturbador e por muitas vezes comovente, o relato de Casoy nos apresenta histórias que nem a ficção e o cinema conseguiram imaginar.




Sobre a autora 

Ilana Casoy já publicou outros livros sobre crimes que ficaram famosos no Brasil, como A Prova é a Testemunha, relato inédito do Caso Nardoni, e O Quinto Mandamento – Caso de Polícia, sobre o assassinato do casal Richthofen, reunidos pela DarkSide® Books no livro Casos de Família. Colaborou com o site do canal Investigação Discovery entre 2012 e 2013. A especialista em crimes – que já fez um estágio na polícia científica, quando acompanhou a perícia de homicídios – participou, a convite da Fox Brasil, da criação de um perfil do psicopata Dexter Morgan, anti-herói e protagonista da série que leva o seu nome e que se tornou uma das mais cultuadas dos últimos anos. Casoy atuou também como colaboradora da série escrita por Gloria Perez e dirigida por Mauro Mendonça Filho, Dupla Identidade (2014), exibida pela Rede Globo. Bruno Gagliasso interpretou um serial killer inspirado em Ted Bundy, cujo perfil é dissecado em Serial Killers: Louco ou Cruel? A série contou ainda com Luana Piovani no papel de uma policial e psicóloga forense, especialista em caçar serial killers. Saiba mais em serialkiller.com.br

Curta a página da escritora Ilana Casoy para ficar por dentro das novidades e também conferir notícias e artigos relacionados ao seu trabalho: https://www.facebook.com/ilanacasoy/

E aí, ficaram interessado na edição única? Para quem não tem os volumes separados, o investimento pode valer a pena!
***
No momento, estou lendo o livro Serial Killers: Louco ou Cruel? e em breve devo publicar uma resenha do livro aqui no blog. Confesso que estou gostando bastante do livro. Lembrando que aqui no blog já rolou uma resenha do livro Casos de Família, no qual a escritora Ilana Casoy nos leva a conhecer os bastidores do julgamento de dois casos criminais que chocaram o Brasil. Ainda na linha Crime Scene, voltada para a publicação de livros sobre crimes, também rolou uma resenha do livro American Crime Story: O Povo Contra O. J. Simpson, do autor Jeffrey Toobin.

Enquanto lia Serial Killers: Louco ou Cruel? e conheci um pouco sobre a história do psicopata Jeff Dahmer, fiquei curioso para ler a graphic novel Meu Amigo Dahmer, do quadrinista Derf Backderf que foi colega de turma do serial killer nos anos 1970. Os crimes cometidos por Dahmer são chocantes e a novela gráfica tem despertado o interesse de vários leitores brasileiros curiosos e está entre os livros mais vendidos na Amazon Brasil. Ainda sobre psicopatia, vale a pena conhecer também o livro Menina Má, do William March.

Para quem gosta de thrillers sobre serial killers, vale a pena conhecer o livro Eu Vejo Kate, da escritora brasileira Cláudia Lemes. Ainda sobre a temática de assassinos, recomendo também os livros Presságio: O Assassinato da Freira Nua, do escritor nacional Leonardo Barros e Legião, do William Peter Blatty (continuação de O Exorcista).

Para quem é escritor de thrillers ou romance policiais, vale a pena se aventurar pelas leituras dos livros do selo Crime Scene da DarkSide Books. Nada como o poder da não ficção de mostrar que o mundo real pode ser tão chocante e assustador quanto qualquer ficção. Lembrando que muitos livros com personagens psicopatas e serial killers foram inspirados nesses casos reais. Dexter e Hannibal podem ser personagens fascinantes, por exemplo, mas a ideia de que no mundo existem pessoas como eles é capaz de nos deixar com os pelos arrepiados.

Gosta desta temática? Conheça também o livro Social Killers:



*Ben Oliveira é escritor, blogueiro e jornalista por formação. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e do livro de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1), disponível no Wattpad.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários Recentes

Me acompanhe no Instagram