Pular para o conteúdo principal

Destaques

Autismo: Profissionais antiéticos envolvidos com tratamentos proibidos e perigosos

Quando lancei uma campanha contra tratamentos sem evidências científicas do autismo, tive pouquíssimo apoio. Isso me ajudou a ver quem é quem, quem coloca as cartas na mesa ou não, quem está/estava com medo.


Infelizmente, além de estarmos abertos às ameaças abertas ou veladas, também existe muito silenciamento; muitas famílias fazendo tratamentos que são proibidos e perigosos e profissionais antiéticos que deveriam ser processados e/ou deveriam perder a licença.

Em vários países, isso já deu processos e prisões, mas no Brasil, nada é como deveria ser. Alguém fica chocado de viver no mundo invertido?

Tem gente que adora brincar com fogo. Gente que difama autistas adultos e quase implora por um processo.

Preciso lembrar que essas coisas são crimes? Ah, não sabia? Agora já sabe.

Uma dica: A verdade demora, mas ela sempre vem. Não é que o Xadrez nos ensina algumas coisas?
Quanto à impunidade e a desinformação, pode ter certeza que vou continuar fazendo minha parte de passar informações de …

10 Entrevistas com Escritores Brasileiros Contemporâneos

Desde abril de 2014, comecei a entrevistar escritores brasileiros aqui para o Blog do Ben Oliveira. Quem são eles? Autores que eu li seus livros, me interessei em aprender mais sobre seus processos de criação literária e gostaria de dar uma força na divulgação, já que a literatura nacional contemporânea, muitas vezes, é desvalorizada diante da enxurrada de traduções de obras internacionais.

Entrevistas Escritores Brasileiros Contemporâneos

Para quem não sabe, sou formado em Jornalismo e tenho o blog há mais de cinco anos, além de também estar me aventurando pela Jornada do Escritor. Uma das minhas maneiras favoritas de aprender mais sobre a escrita é através da leitura. Porém, quando tenho a oportunidade, acredito que conversar com outros autores pode ser interessante e produtivo.

Muitos escritores iniciantes têm dúvidas que gostariam de tirar com profissionais que têm mais experiência no mercado editorial e no universo literário. Dos 10 entrevistados, dois são editores. A tendência é que além das entrevistas com escritores nacionais, eu consiga entrar em contato com outros profissionais das letras e esclarecer questões relacionadas aos outros processos fundamentais na publicação de livros, compartilhando informações importantes para quem está começando e, assim como eu, sonha em se tornar escritor profissional.

Meu próximo entrevistado do blog já foi definido: é o escritor Rubem Cabral, autor do livro A Linha Tênue e organizador da ! – antologia de contos fantásticos, ambos publicados pela Caligo Editora e com contos publicados em algumas coletâneas. Portanto, se você gosta de entrevistas com escritores e dicas de escrita, fique por dentro do blog, curta a página no Facebook e assine a newsletter para receber as novidades!

Sem mais enrolações, confira a lista das 10 Entrevistas com Escritores Brasileiros:

Bia Machado – Criadora da Caligo Editora, escritora, professora e revisora. Durante a entrevista ela contou sobre os desafios no mercado editorial, o investimento em escritores nacionais e deixou dicas para autores iniciantes.

Daniel Manzoni – Pesquisador, professor e escritor, ele falou sobre o seu romance de estreia Uma Crônica sobre a Pergunta, o papel da literatura, o preconceito contra a homossexualidade e a importância das obras com temática gay.

Fabio Shiva – Autor do romance O Sincronicídio, ele já foi assessor de imprensa, trabalhou em jornais, ghost writer e compartilhou seus conhecimentos sobre a arte da escrita, a catarse, as pntas soltas e a qualidade literária.

Fabrício Viana – Formado em Psicologia e criador da Editora Orgástica, o autor contou sobre seus livros publicados (O Armário, Ursos Perversos e Orgias Literárias da Tribo), a questão da homossexualidade e seus projetos literários.

Guilherme Olí – Formado em Pedagogia, Design Instrucional e Cinema, ele trabalha como roteirista na área de soluções educativas, escreve em seu blog de contos e é autor dos livros Remoto e Improvável e Remetente N15. Ele falou sobre suas obras, a experiência de escrever um livro com outra pessoa, a escolha pelo gênero epistolar e a importância da identidade visual do livro.

Occello Oliver – Jornalista, relações públicas, escritor e criador da Cultura em Letras Edições, ele falou sobre sua relação com a escrita, os desafios de uma editora nova no Brasil e avaliou o atual cenário da literatura gay no país.

Paulo Sérgio Moraes – Autor do romance Condicional e idealizador do Remetente N15 (na época da entrevista, o projeto do livro ainda não havia sido criado), ele falou sobre Literatura, autopublicação e os desafios do escritor no Brasil.

Ricardo Bellissimo – Escritor, jornalista e historiador, ele falou sobre seus livros Sufoco, Sombras e Nefastos e Negro Amor, sua linguagem ácida, a construção de narrativas e deixou conselhos para escritores iniciantes.

Roberto Muniz Dias – Romancista, contista, poeta e artista plástico, formado em Letras e Direito, ele falou sobre escrita, seus livros publicados, a literatura gay e o seu papel de ajudar a diminuir a homofobia.

Tales Gubes – Formado em Jornalismo, ex-professor universitário, e escritor, ele falou sobre o seu projeto chamado Ninho dos Escritores, a importância de escrever com a alma, seu ritual de escrita e deixou dicas para quem está começando.

Comentários

Mais lidas da semana