Pular para o conteúdo principal

Destaques

Resenha: Os Criadores de Coincidências – Yoav Blum

E se nada fosse mero acaso e operários invisíveis atuassem para gerar mudanças nas vidas das pessoas? Assim é a premissa do livro Os Criadores de Coincidências, do autor Yoav Blum, publicado no Brasil, em 2017, pela Editora Planeta, com tradução de Fal Azevedo.


Compre o livro Os Criadores de Coincidências (Yoav Blum): https://amzn.to/2KNfxBT

O romance narra o trabalho de três criadores de coincidências: Emily, Eric e Guy. Intercalando um pouco das vivências profissionais de cada um deles e das missões que tiveram que cumprir, relacionando com alguns dos seus dilemas pessoais.

“É estranho, pensou ela, como somos capazes de transformar uma coisa específica em algo que passa a guiar toda a nossa vida, e como nos convencemos de que, se não tivermos essa coisa, nada mais vai fazer sentido. E é ainda mais estranho como nos acostumamos rápido ao exato oposto” – Yoav Blum, Os Criadores de Coincidências
Longe de ser uma narrativa linear, o leitor é jogado para várias histórias que se amarram pel…

Fake news de saúde: Epidemia e a responsabilidade dos jornalistas

Parabéns à mídia brasileira que está fazendo o desserviço de disseminar tratamentos falsos que são desmentidos em vários países.


*Na foto, o livro escrito por dois jornalistas que abordam o charlatanismo e tratamentos falsos de autismo desde o início e suas consequências para a percepção social. Conheça Outra Sintonia: https://amzn.to/2ID7M1x

Vamos estudar mais ciência?


Nenhum jornalista tem a obrigação de ser um especialista em ciência, mas se está cobrindo o assunto, é sempre bom ir além do release e/ou do profissional que está entrevistando.

Além de queimar a credibilidade do jornal, as fake news de saúde podem levar à morte. É muita irresponsabilidade com o bem-estar coletivo.

O que muitos jornalistas não sabem e DEVERIAM saber. Muitas pesquisas de saúde são inconclusivas. Muitos jornais 'científicos' são pseudocientíficos, de baixa qualidade e aprovam qualquer pesquisa sem revisão.

Isso já rendeu processos milionários para essas publicações 'científicas'. Toda vez que vocês publicam sobre tratamentos controversos e sem evidências científicas, familiares de pessoas com determinadas condições ficam cheias de falsas esperanças.

Ninguém é obrigado a saber de tudo, mas pesquisa e apuração são parte do jornalismo. Jornalismo não é publicidade, tampouco agir como assessoria de imprensa de profissionais/empresas duvidosos. Fica a dica!

Entender como funciona o mundo das publicações científicas, da metodologia científica e da ciência é o mínimo esperado para quem quer cobrir pautas de saúde. Afinal, quem reproduz informações falsas também é responsável pelas consequências dela.

Jornalismo e ingenuidade são duas coisas que não combinam.


As consequências das fake news de saúde:


Qual é o papel do jornalista em uma sociedade que está mergulhada nas fake news? Com o enxugamento de inúmeras redações no Brasil e em vários países, é impossível que a qualidade do material jornalístico não reflita nestas ações. Jornalistas sobrecarregados, metas irreais e salários desmotivadores. Não sou nem um pouco leigo sobre a realidade do jornalismo no país, mas acredito que não podemos pagar um erro com outro. Sem mencionar os redatores freelancers que ganham por visualizações e/ou quantidade de palavras, mas nem sempre são comprometidos com a qualidade do conteúdo.

Diferente de algumas fake news, as que são da área de saúde podem ter consequências graves, desde pessoas abandonando tratamentos sérios por soluções mágicas, sem nenhuma comprovação científica; passando por dietas malucas com pesquisas de baixa qualidade e centenas de pessoas removendo o glúten da alimentação sem necessidade – alguns sem nenhum grau de intolerância ou alergia –, até pessoas tão desesperadas, dispostas a pagar tratamentos caríssimos, ainda que não tenham qualquer evidência científica.


O que muitos jornalistas não sabem? Alguns desses "tratamentos" podem levar à morte – coloco entre aspas, pois muitas dessas informações são de tão baixa qualidade, que nem poderíamos chamar de tratamento, o termo mais adequado seria pseudotratamento.

O que são fake news de saúde? A definição de fake news de saúde acontece a partir de pontos de vista pessoais? Não!


Existe um lado perigoso da mídia que dá validação para pessoas que disseminam tratamentos pseudocientíficos. Isso dá abertura para que outras pessoas possam fazer o mesmo e não sintam um pingo de remorso. O que dizer do país no qual um médico charlatão já causou morte, ganha horrores de dinheiro enganando seus pacientes e uma população sem conhecimento científico e ainda não foi preso? Do profissional que divulga produto proibido pela Anvisa, que já provocou problemas por ser um produto corrosivo e até mesmo casos de morte? Quantas pessoas vão precisar morrer para que o Brasil comece a levar a sério as notícias falsas de saúde? Pelo visto, muitas! Muita gente prefere fazer vista grossa.

Qualquer profissional de saúde que faça parte do movimento antivacina deveria perder sua licença. Profissionais antiéticos são perigosos: muitos colocam a ética de lado e estão mais interessados no dinheiro do que em vidas humanas. Em muitos casos, não há nenhuma surpresa da morte, mas eles podem alegar que foi algo inesperado.

Inesperado para quem? Para quem não leu nenhum alerta e/ou pesquisa afirmando as consequências dos pseudotratamentos? Inesperado para a mídia que noticiou e não se deu ao trabalho de apurar as informações e questionar melhor a credibilidade e as intenções de quem está promovendo o serviço?

Contextualizar, pesquisar, ir além da superfície. O jornalismo raso pode ser confundido com publicidade. O papel do jornalista não é passar todas pautas de assessoria de imprensa que chegam até ele sem questionar se há alguma validade ou importância no que foi dito, tampouco de aceitar jabas, sem levar em conta as consequências, especialmente quando se trata de saúde.

Profissionais antiéticos são mestres na manipulação. Porém, basta um olhar mais atento para perceber que as fontes não são de qualidade – e quando são, há algum asterisco perdido no meio do caminho. Iludidos pela popularidade e influência, pessoas seguem conselhos de profissionais duvidosos, sem qualquer exercício reflexivo, mas é preciso lembrar que embora jornalistas não sejam imparciais (mito do jornalismo), o dever do profissional é o de levar informações de qualidade, não de ajudar a espalhar mitos, informações falsas e criar uma esperança ilusória.

Protocolos da morte


Protocolos duvidosos e controversos levam falsa esperança. Como muitas pessoas com Síndrome de Asperger (espectro autista), eu não suporto mentiras e injustiça. A mentira não é natural para muitos Aspergers, precisamos aprender 'artificialmente', mas para não-autistas, ela pode vir de forma mais fácil.


Ainda sobre a questão das mentiras, não podemos deixar de lado pessoas manipuladoras: algumas delas poderiam ser descritas como sociopatas/psicopatas (lembrando que psicopata não é só quem mata). Os estereótipos sobre psicopatas servem como proteção para que eles circulem na sociedade e cometam transgressões sem ninguém perceber. Aqui, acrescento uma vantagem de ser autista: como não somos tão interessados nos jogos sociais, apesar de muitas pessoas no espectro serem 'alvos-fáceis' para psicopatas por causa de ingenuidade, muitos são questionadores e não se deixam influenciar por mentiras baratas.

Em uma sociedade, como a brasileira, que alimenta e retroalimenta o mercado da pseudociência diariamente, não é tão chocante ver que tantos tratamentos controversos sejam divulgados como se fossem verdades absolutas. Porém, o jornalista deve ter em mente que nem toda população é alfabetizada e nem todos tiveram as mesmas oportunidades de construção de conhecimento científico.

Dizer que determinadas vitaminas, mineiras, produtos e tratamentos podem curar centenas de doenças, além de ser irresponsável, pode induzir à desistência de procedimentos sérios. Divulgar tratamentos experimentais com pesquisas de baixa qualidade, como se fossem milagres, alimentando a necessidade de familiares desesperados por curas de condições neurobiológicas para a vida, como o autismo, pode mexer com o emocional das pessoas que desejam uma cura e aterrorizar autistas que só querem ser aceitos como são (muitos levaram anos para isso). Afinal, a condição do espectro autista não é considerada uma doença.

Enfim, o que dizer de livros que foram publicados e jamais seriam se tivessem passado por alguém com conhecimento científico? Recentemente, a Amazon e outras livrarias decidiram remover o livro Curando os Sintomas Conhecidos Como Autismo, escrito pelos charlatões Kerri Rivera (rainha da pseudociência) e Jim Humble (líder de seita). Porém, algumas livrarias online ainda continuam vendendo.

Sem falar outros livros sobre autismo com tratamentos totalmente duvidosos e obras que alimentam o imaginário das pessoas do movimento antivacina – sem deixar de lado, os documentários de pseudociência, alguns deles publicados na Netflix.

O problema de livros sobre autismo é que QUALQUER PESSOA pode publicar um livro. Então, se publicarem informações erradas, falsas e sem comprovação científica, o leitor que não tiver conhecimento do assunto irá acreditar. O mesmo acontece com pesquisas de baixa qualidade publicadas na internet e/ou em publicações científicas não-confiáveis, documentários e qualquer tipo de conteúdo da área de saúde.

A melhor forma de se proteger é buscando conhecimento de qualidade. E como se proteger diante de tanta informação falsa? Buscando profissionais sérios e éticos, consumindo pesquisas de qualidade, lendo bons livros e aprendendo, acima de tudo, de que a vida não é um arco-íris e que uma das áreas favoritas de pessoas manipuladoras é a da saúde.

Embora nem todo psicopata seja um serial killer e nem todos matem pessoas (Anjos da Morte, profissionais da saúde que matam seus pacientes); alguns só gostam do jogo de poder e humilhação. Existem pessoas que não sentem remorso ao espalhar informações falsas da área de saúde, mesmo que vidas humanas sejam colocadas em risco e pessoas morram no processo.

Nem todo propagador de boatos é psicopata, obviamente, eles fazem parte de uma porcentagem menor da população, mas muitas pessoas são narcisistas patológicas, manipuladoras e puxam as cordas, iludindo pessoas ingênuas e com menos conhecimentos sobre como funciona o organismo humano. Pessoas manipuladoras são extremamente perigosas à sociedade, mas ficam impunes graças às falhas de legislação e de investigações. No Brasil, então, nem se fala.
***
Vamos compartilhar o vídeo da Anvisa alertando sobre o MMS?

O MMS é um falso tratamento de autismo que é proibido no Brasil e em vários países, mas as pessoas ignoram os alertas e usam em seus filhos, levando a consequências graves e até mesmo casos de morte.



Em breve vou publicar um texto sobre os desafios de combater fake news de saúde do mundo do autismo no Brasil. Fique de olho!

Conheça a revista Questão de Ciência, cujo propósito é abordar a questão da pseudociência: http://revistaquestaodeciencia.com.br/

Me acompanhe nas redes sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/benoliveiraautor/

Twitter: https://twitter.com/Ben_Oliveira

Instagram: https://www.instagram.com/benoliveira/

YouTube: http://www.youtube.com/c/BlogdoBenOliveira

 *Ben Oliveira é escritor, blogueiro e jornalista por formação. É autor do livro de terror Escrita Maldita, publicado na Amazon e dos livros de fantasia jovem Os Bruxos de São Cipriano: O Círculo (Vol.1) O Livro (Vol. 2), disponíveis no Wattpad e na loja Kindle.


Leia também: 


Mais leituras sobre fake news de saúde e autismo:


Campanha alerta para fake news sobre meningite: https://www.otempo.com.br/interessa/campanha-alerta-para-fake-news-sobre-meningite-1.2172229 

Fake News provoca baixa cobertura vacinal em Goiânia: https://diariodegoias.com.br/goiania/118906-fake-news-provoca-baixa-cobertura-vacinal-em-goiania

No Canadá, pai perde a guarda dos filhos por negar tratamentos sérios e oferecer tratamentos sem comprovação: https://nationalpost.com/news/canada/father-loses-custody-of-boys-after-refusing-to-stop-trying-to-cure-their-autism-through-homeopathy

Amazon remove livros que prometiam cura do autismo: http://www.portalsingularidades.com.br/2019/03/18/amazon-livros-cura-autismo/

Casal protesta contra promessa de cura para o autismo: https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2015/10/24/interna_cidadesdf,503774/casal-protesta-contra-promessa-de-cura-para-o-autismo.shtml

Livro Autismo (Volkmar e Wiesner): Pontos positivos e negativos http://www.benoliveira.com/2019/03/livro-autismo-volkmar-e-wiesner-pontos-positivos-negativos.html

Beware of Non-Evidence-Based Treatments: https://autismsciencefoundation.org/what-is-autism/beware-of-non-evidence-based-treatments/

A Autoridade de Normas Publicitárias (ASA - Advertising Standards Authority) publicou um alerta para que 150 homeopatas que operam no Reino Unido parem de alegar que podem curar o autismo: https://www.bbc.com/news/health-47666939

Empresas sob fogo por tratamentos falsos para autismo e paralisia cerebral: https://www.disabilityscoop.com/2018/10/22/companies-fake-treatments/25645/

Aviso de perigo: As tão chamadas curas e intervenções controversas (atualizado no dia 22 de março de 2019): https://www.autism.org.uk/about/what-is/causes/cures.aspx

No meio do frenesi anti-vacina, Amazon remove livros promovendo cura do autismo: https://www.usatoday.com/story/tech/news/2019/03/13/amazon-removes-books-claiming-autism-cures-amid-anti-vax-frenzy/3151059002/

Aviso da Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos da América (FDA) sobre Autismo: Cuidado com Terapias e Produtos Potencialmente Perigosos https://www.fda.gov/ForConsumers/ConsumerUpdates/ucm394757.htm

Pais tentam curar autismo com alvejante no Reino Unido. Seis famílias estão sendo acusadas pela Justiça de dar alvejante para seus filhos com autismo tomarem: https://emais.estadao.com.br/noticias/comportamento,pais-tentam-curar-autismo-com-alvejante-no-reino-unido,70002181590

Terapia caseira antiautismo à base de dióxido de cloro traz riscos. Solução é usada por via oral e retal e lesiona intestino; pais geralmente não reportam uso: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2018/04/terapia-caseira-antiautismo-a-base-de-dioxido-de-cloro-traz-riscos.shtml

Alerta é divulgado no Reino Unido depois de mãe tratar filho autista com produto tóxico. No Canadá, um idoso foi internado em uma unidade de terapia intensiva por causa de uma reação ao produto: https://revistacrescer.globo.com/Voce-precisa-saber/noticia/2015/11/alerta-e-divulgado-no-reino-unido-depois-de-mae-tratar-filho-autista-com-produto-toxico.html

Mãe que se recusa a vacinar filho é presa; entenda a polêmica: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-41515442

A FDA alerta sobre tratamentos falsos de autismo: https://www.acsh.org/news/2017/04/17/fda-warns-about-fake-autism-treatments-11143

As falsas curas para o autismo que podem ser mortais. Um ativista está lutando contra os perigosos venenos vendidos aos pais online que alegam tratar a condição: https://www.theguardian.com/society/2016/jul/13/fake-cures-autism-prove-deadly

Mais de 120 homeopatas estão tentando 'curar' o autismo no Reino Unido. Envolve supostamente desintoxicar crianças das vacinas e antibióticos responsabilizados pela condição: https://www.theguardian.com/society/2018/apr/27/more-than-120-homeopaths-trying-to-cure-autism-in-uk

Os perigos dos tratamentos controversos de autismo: https://www.theatlantic.com/health/archive/2016/09/fringe-therapies-spectrum/501023/

A ciência desmascara as teorias do autismo, mas isso não dissuade os crentes da antivacina: https://theconversation.com/science-debunks-fad-autism-theories-but-that-doesnt-dissuade-believers-38270

É apresentado como uma cura para o câncer e autismo - mas esta investigação revela os horrores do MMS. Apesar de conter produtos químicos potencialmente venenosos, MMS - solução mineral 'milagrosa'- ainda está amplamente disponível: https://www.chroniclelive.co.uk/news/health/its-touted-cure-cancer-autism-14476296 

Estudo citado para culpar o autismo em desenhos animados de TV não existe: https://www.washingtonpost.com/politics/study-cited-for-blaming-autism-on-tv-cartoon-does-not-exist/2018/02/19/b5a67ada-159f-11e8-930c-45838ad0d77a_story.html?noredirect=on&utm_term=.4068ffaa68f2

A indústria do autismo: A ciência desacreditada, tratamentos obscuros e lucros crescentes por trás de tratamentos alternativos de autismo: https://www.texasobserver.org/autism-inc-the-discredited-science-shady-treatments-and-rising-profits-behind-alternative-autism-treatments/

Como detectar terapias falsas para o autismo: http://iautistic.com/treatment/how-to-detect-fake-autism-therapies/

Movimento antivacina é incluído na lista de dez maiores ameaças à saúde em 2019: https://oglobo.globo.com/sociedade/saude/movimento-antivacina-incluido-na-lista-de-dez-maiores-ameacas-saude-em-2019-23413227

Crianças autistas não se beneficiam de dietas e suplementos especiais, estudo mostra: https://www.forbes.com/sites/tarahaelle/2017/05/26/autistic-children-dont-benefit-from-special-diets-and-supplements-study-shows/#5dfe89627cc4

5 Métodos falsos/pseudociência de tratamento do autismo: https://www.appliedbehavioranalysisedu.org/5-pseudo-science-myths-about-treating-autism/

Vacinas não causam autismo: o mais amplo estudo do tema sai na Dinamarca. Especialistas avaliam 600.000 crianças e concluem que a imunização tríplice viral não causa o transtorno do neurodesenvolvimento:  https://brasil.elpais.com/brasil/2019/03/05/ciencia/1551783023_370147.html

Terapias alternativas de risco para o autismo têm pouca base na ciência: https://www.chicagotribune.com/lifestyles/health/chi-autism-treatments-nov22-story.html

Suicida-se médico que desencadeou campanha contra vacinas. Jeff Bradstreet iniciou a campanha por ter um filho autista, que considerava ter ficado assim devido a uma vacina ministrada quando tinha 15 meses: https://www.dn.pt/globo/interior/suicidase-medico-que-desencadeou-campanha-contra-vacinas-4650139.html

O que aconteceu aos dois médicos que associaram as vacinas ao autismo? O britânico Andrew Wakefield e o norte-americano Jeff Bradstreet associaram as vacinas ao autismo. O primeiro foi proibido de exercer e o segundo ter-se-á suicidado: https://observador.pt/2017/04/18/o-que-aconteceu-aos-dois-medicos-que-associaram-as-vacinas-ao-autismo/

A epidemia de suicídio entre pessoas autistas: https://aspergereautismobrasil.wordpress.com/2017/04/11/a-epidemia-de-suicidio-entre-pessoas-autistas/

Uma história de horror: autismo e MMS: https://aspergereautismobrasil.wordpress.com/2016/05/06/uma-historia-de-horror-autismo-mms-e-o-protocolo-cd/

Veja por que as autoridades procuraram os escritórios do doutor Bradstreet, o controverso 'especialista' em autismo: https://www.forbes.com/sites/emilywillingham/2015/07/09/government-search-of-autism-doctor-bradstreets-office-related-to-experimental-autism-treatment/#7d6c395bb07e

Quais são as causas e existe uma 'cura'? – National Autistic Society, do Reino Unido: https://www.autism.org.uk/about/what-is/causes.aspx

Guia com orientações sobre abordagem humanizada do autismo na mídia (em inglês) – Autistica: https://www.autistica.org.uk/about-us/media-communications-guide

Loja online está repleta de livros que defendem "tratamentos" cientificamente não comprovados e potencialmente fatais: https://www.wired.co.uk/article/amazon-autism-fake-cure-books

A ligação ilusória entre vacinas e autismo: Como um estudo inventado mudou a disposição das pessoas para vacinar: https://www.psychologytoday.com/us/blog/the-baby-scientist/201902/the-illusory-link-between-vaccinations-and-autism

Entrevista com Dr. Stephen Barrett, fundador do Quackwatch (um site que alerta as pessoas sobre tratamentos falsos e charlatanismo): https://asatonline.org/research-treatment/interviews/interview-with-dr-stephen-barrett-quackwatch-founder/

Imunização na Era das Notícias Falsas - O que os pediatras precisam fazer (Academia Americana de Pediatria): https://www.aap.org/en-us/aap-voices/Pages/Immunization-in-the-Era-of-Fake-News.aspx

Comissão de Westminster sobre autismo relata intervenções perigosas: https://network.autism.org.uk/content/westminster-commission-autism-reports-harmful-interventions

Como a indústria do charlatanismo prejudica crianças autistas: https://www.psychologytoday.com/us/blog/reclaiming-childhood/200906/how-the-quack-industry-harms-autistic-children

Curas milagrosas ou charlatanismo moderno? As clínicas de células-tronco se multiplicam, com resultados dolorosos para alguns pacientes: https://www.washingtonpost.com/national/health-science/miracle-cures-or-modern-quackery-stem-cell-clinics-multiply-with-heartbreaking-results-for-some-patients/2018/04/29/80cbcee8-26e1-11e8-874b-d517e912f125_story.html

Há agora 8.000 revistas científicas falsas em todo o mundo, dizem os pesquisadores: Pesquisadores de instituições de alto perfil estão caindo nesses golpes: https://motherboard.vice.com/en_us/article/xwwb8n/there-are-now-8000-fake-science-journals-worldwide-researchers-say

Dra. Fraude denuncia revistas científicas falsas: http://observatoriodasauderj.com.br/dra-fraude-denuncia-revistas-cientificas-falsas/

Quebrando a bolha de notícias médicas falsas: https://www.pennmedicine.org/news/news-blog/2018/november/hed-breaking-through-the-medical-fake-news-bubble

O que são revistas científicas predatórias?: https://www.periodicosdeminas.ufmg.br/o-que-sao-revistas-cientificas-predatorias/

Por que a fraude científica prejudica as pessoas?: https://www.statnews.com/2016/03/18/scientific-fraud/

Falsa psiquiatra, Zholia Alemi é presa após morte de paciente: https://www.bbc.com/news/uk-england-suffolk-46345487

FDA adverte sobre terapias com células-tronco: https://www.fda.gov/ForConsumers/ConsumerUpdates/ConsumerUpdatesEnEspanol/ucm585637.htm

Desinformação preocupa mais do que grupos 'antivacina', diz epidemiologista: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2019/04/17/desinformacao-preocupa-mais-do-que-grupos-antivacina-diz-epidemiologista.ghtml

Grande parte das notícias de saúde no Facebook são fake ou contém informações erradas, diz estudo: https://www.istoedinheiro.com.br/grande-parte-das-noticias-de-saude-no-facebook-sao-fake-ou-contem-informacoes-erradas-diz-estudo/

Conspiração anti-vacinas: fake news propagam-se nas redes sociais à velocidade da luz: https://poligrafo.sapo.pt/saude/artigos/conspiracao-anti-vacinas-fake-news-propagam-se-nas-redes-sociais-a-velocidade-da-luz

Saúde é a área mais afetada pelas fake news, diz especialista francesa: http://br.rfi.fr/ciencias/20190108-saude-e-area-mais-afetada-pelas-fake-news-diz-especialista-francesa

Dia da Mentira: Conheça as 5 Maiores Enganações da Medicina: https://pebmed.com.br/dia-da-mentira-1o-de-abril-conheca-as-5-maiores-mentiras-da-medicina/

A mania sem glúten está fora de controle. Aqui estão 8 fatos para combater a loucura:
https://www.vox.com/2015/4/30/8517749/gluten-free-diet-nutrition-celiac-disease

Pseudociência de autismo no NY Post: https://theness.com/neurologicablog/index.php/autism-pseudoscience-in-the-ny-post/

Jenny McCarthy e antivacinação são um fator de mestria para o medo e o culto da falsa equivalência: Ao dar aos negadores da ciência um fórum público, os meios de comunicação implicitamente toleram suas reivindicações como legítimas: https://www.thenation.com/article/jenny-mccarthys-vaccination-fear-mongering-and-cult-false-equivalence/

O nutricionista deve assumir inteira responsabilidade por informações prestadas ao público: https://www.nutricore.com.br/nutricionistas-nas-redes-sociais-evite-punicoes-do-cfn/

Cuidado con las terapias y los productos potencialmente peligrosos que dicen tratar el autismo (em espanhol): https://www.fda.gov/ForConsumers/ConsumerUpdates/ucm394949.htm

O Estranho Caso da MMS: http://cronicaautista.blogspot.com/2012/06/mms.html

Os promotores de falsas terapias contra o autismo: desta forma eles se aproveitam dos pais: tratamentos supostos prometem soluções milagrosas contra o transtorno do espectro do autismo, mas eles são geralmente caros, sem evidências científicas e até prejudiciais: https://www.elconfidencial.com/tecnologia/ciencia/2018-05-27/promotores-falsas-terapias-autismo-desamparo_1568922/

Como a fraude em artigos afeta a atividade científica: https://www.ufrgs.br/blogdabc/como-fraude-em-artigos-afeta-atividade/

Gurús, falsos psicólogos, terapias en entredicho… La dificultad de tratar los problemas de la mente: https://elpais.com/elpais/2019/04/01/buenavida/1554139702_925534.html

A ciência explica por que caímos em fake news: https://super.abril.com.br/blog/como-pessoas-funcionam/a-ciencia-explica-por-que-caimos-em-fake-news/

Ministério Público irá consultar Conselho de Medicina em ações judiciais de saúde: Entidades esperam embasar decisões de promotores e combater exercício ilegal da Medicina:
https://gauchazh.clicrbs.com.br/saude/noticia/2019/04/ministerio-publico-ira-consultar-conselho-de-medicina-em-acoes-judiciais-de-saude-cju37ajxn00z601mwn2byza1d.html

Conselho Federal de Medicina: Como funciona: http://etica-medica.info/conselho-federal-de-medicina-cfm.html

Como faço uma denúncia no Conselho de Medicina?: https://www.crmpr.org.br/Como-faco-uma-denuncia-no-Conselho-de-Medicina-43-150.shtml

Água mortal à venda na internet: https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/agua-mortal-a-venda-na-internet

Se uma pessoa está transmitindo informações que seriam privativas de um nutricionista, isso é contravenção penal e encaminhamos a denúncia para o Ministério Público Federal dar continuidade ao processo: https://emais.estadao.com.br/noticias/bem-estar,novo-codigo-de-etica-dos-nutricionistas-proibe-divulgacao-de-fotos-antes-e-depois-de-pacientes,70002361997

Contra o fanatismo antiglúten: Existem motivos para deixar de comer glúten se você não for celíaco? O pesquisador Alan Levinovitz denuncia a demonização de determinadas comidas: https://brasil.elpais.com/brasil/2016/07/11/ciencia/1468236864_763015.html 

Produtos sem glúten e sem lactose disparam nas vendas. Nutricionistas alertam para riscos: https://www.publico.pt/2019/03/04/sociedade/noticia/nutricionistas-alertam-riscos-produtos-gluten-lactose-1864093

Mulher de Chicago promove "tratamento milagroso" controverso: Os críticos dizem que o tratamento, que inclui o dióxido de cloro químico, é perigoso:  https://www.nbcchicago.com/investigations/Chicago-Woman-Offers-Controversial-Miracle-Treatment-for-Autism-304056871.html

Pais enfrentam prisão após criança desenvolver raquitismo a partir da dieta vegana. Ela nunca tinha sido vacinada: https://www.patheos.com/blogs/withoutacrystalball/2018/12/child-develops-rickets-vegan-diet/

Um cientista no país das maravilhas: http://ceticismoeciencia.blogspot.com/2015/08/um-cientista-no-pais-das-maravilhas.html

Quanto custa um milagre? MMS e cura: http://www.rivotrip.com/2019/04/21/quanto-custa-um-milagre-mms-e-cura/

Como denunciar irregularidades na enfermagem?: http://ba.corens.portalcofen.gov.br/como-denunciar-irregularidades-na-enfermagem_31974.html

Em busca de confirmar nossas próprias certezas: https://revistagalileu.globo.com/blogs/olhar-cetico/noticia/2014/01/em-busca-de-confirmar-nossas-proprias-certezas.html

Semana da Medicina Naturopata e o problema do charlatanismo endêmico, como a terapia do ozônio: https://www.forbes.com/sites/brittmariehermes/2016/10/13/naturopathic-medicine-week-endemic-quackery-ozone-therapy/#79f88fea46a2

Ozonioterapia não tem benefício e pode causar a morte: alerta Ministério da Saúde da Malásia: https://www.thesundaily.my/archive/ozone-therapy-has-no-benefit-could-cause-death-health-ministry-ATARCH443216

Coordenadora do Setor de Imunização alerta para Fake News de Saúde e Movimento Antivacina: http://www.radiocacula.com.br/noticias/saude/coordenadora-do-setor-de-imunizacao-alerta-para-fake-news-e-movimento-antivacina

Ciência USP #10: A volta do sarampo: https://jornal.usp.br/podcast/ciencia-usp-10-a-volta-do-sarampo/

“Antídoto” para o autismo é vendido livremente na internet. Cadê a ANVISA?: https://samiabomfim.com.br/2019/04/antidoto-para-o-autismo-e-vendido-livremente-na-internet-cade-a-anvisa/

Presos em um Hoax [Fraude]: Sobreviventes de teorias da conspiração se expressam: https://www.theguardian.com/technology/2019/jan/23/conspiracy-theories-internet-survivors-truth

Celebridades ajudam a espalhar tratamentos falsos de autismo: https://www.dallasnews.com/news/debunked/2016/09/27/upcoming-dallas-autism-summit-peddles-unproven-treatmentsby-discredited-medical-professionals

O Estado da Flória diz que 3800 crianças que foram parcialmente ou totalmente negadas a cobertura não precisam de terapia ABA. Não é o único tratamento para autistas. O custo da terapia ABA para o Estado mais do que dobrou de 2016 a 2018: https://news.wjct.org/post/autistic-children-face-medicaid-snags-therapy

Aumentam reclamações em British Columbia sobre naturopatas oferecendo 'completa eliminação' do autismo: 3 praticantes que oferecem terapia não comprovada são assuntos de reclamação ao Colégio de Médicos Naturopatas: https://www.cbc.ca/news/canada/british-columbia/complaints-levelled-at-b-c-naturopaths-offering-complete-elimination-of-autism-1.4675461

Quatro mitos sobre vacinas e de onde vieram: https://www.sciencemag.org/news/2017/04/four-vaccine-myths-and-where-they-came

Por que os pais tentam terapias falsas para o autismo? Muitos pais recorrem a tratamentos alternativos não comprovados - até mesmo perigosos - para o autismo de seus filhos. O que os impulsiona? https://www.spectrumnews.org/features/deep-dive/the-seekers-parents-who-find-fringe-therapies-for-autism/

Menino britânico morre após a terapia falsa de quelação para o autismo: https://www.medpagetoday.com/neurology/autism/1616

Especialistas questionam estudo sobre terapia hiperbárica para o autismo: https://www.spectrumnews.org/news/experts-question-study-touting-hyperbaric-therapy-for-autism/

Estudo sobre quelação foi cancelado: Vários cientistas e especialistas questionaram publicamente o estudo, dizendo que ele seria antiético e inseguro: https://www.spectrumnews.org/opinion/chelation-study-cancelled/

Os falsos profetas do autismo: ciência ruim, medicina arriscada e a busca por uma cura: https://amzn.to/2DqGXJZ

“Você achou que meu autismo estava me machucando e que precisava removê-lo, mas não entendeu que é uma diferença neurológica. O medo fez com que você se comportasse com desespero” – Emma Zurcher para a mãe dela: https://emmashopebook.com/2014/01/22/stem-cell-treatments/

Sarampo: a crise global que não deveria existir: https://www.stuff.co.nz/opinion/110593499/measles-the-global-crisis-that-shouldnt-be

Fraude do autismo retorna para a cadeia em Stamford: ela se passou como especialista em autismo enquanto trabalhava em uma escola: https://www.stamfordadvocate.com/policereports/article/Norwalk-autism-ffraudster-returned-to-jail-in-12960610.php

ProMedica fecha centro de autismo em Ohio após investigação criminal: https://www.beckershospitalreview.com/facilities-management/promedica-closes-autism-center-after-criminal-investigation.html

Antivaxxers e a praga da negação da ciência: Teorias de fraude, desinformação e conspiração podem ser uma combinação mortal: https://www.psychologytoday.com/ca/blog/psych-unseen/201902/antivaxxers-and-the-plague-science-denial

Uso de quelação para autismo é charlatanismo: https://sciencebasedmedicine.org/chelation-therapy-for-autism-is-quackery/

Capacitismo dificulta anda mais a vida da pessoa com deficiência: https://www.abc.net.au/news/2019-04-13/ableism-makes-having-a-disability-even-more-difficult/10993662?

Líder de culto é exposto como charlatão e deixa uma trilha de vítimas pelo caminho, incluindo pais de autistas: https://www.news.com.au/lifestyle/real-life/universal-medicine-cult-founder-exposed-as-charlatan/news-story/626fe650621ee65ba16b1a7af2f62aa7?

Investigações em agência de autismo em andamento; promotor de fraudes de longa data: https://www.qchron.com/editions/queenswide/investigators-probe-nyfac-howard-beach-based-autism-agency/article_b994feac-d0b9-11e8-917d-6fb7d2b4b970.html

Como o escândalo de admissão na faculdade de pessoas com diagnósticos comprados prejudica estudantes com deficiências: https://www.spectrumnews.org/news/college-admissions-cheating-scandal-hurts-students-disabilities/

Dois irmãos do Arizona enganaram doadores em todo o país para doar mais de US $ 50 milhões durante a última década para pelo menos nove comitês de ação política que se apresentaram como defensores de causas como autismo e aplicação da lei, mas eram falsos: https://www.abc15.com/news/region-southeast-valley/gilbert/arizona-brothers-charged-in-50m-pac-scam-to-rip-off-donors

Autoridades em Ohio exigiram provas de uma mulher que alegou falsamente que o suco de repolho fermentado pode "curar" tudo, desde o autismo até a homossexualidade: https://www.newsweek.com/jillian-mai-thi-epperly-claims-cabbage-juice-cures-autism-homosexuality-and-909737

Mulher deixa trilha de fraude no sul do Arizona: https://www.nogalesinternational.com/news/woman-leaves-trail-of-fraud-in-southern-arizona/article_3cdf5f14-7162-11e6-a989-578ebe2888d4.html

Alegações de charlatanismo sobre o tratamento com oxigênio são perigosas: Os charlatões exploram os pacientes para obter ganhos financeiros, dizem os médicos, enquanto prejudicam os tratamentos que realmente ajudam: https://citizen.co.za/news/south-africa/health/2103267/quack-claims-about-oxygen-treatment-are-dangerous/

Uma vitória na longa guerra contra o charlatanismo do autismo: https://scienceblogs.com/insolence/2015/06/03/a-victory-against-autism-quackery

Cura falsa para o autismo e pais desesperados dando lixívia às crianças: http://thirdforcenews.org.uk/tfn-news/quack-cure-for-autism-sees-desperate-parents-give-children-bleach

Instituição de autismo é um ímã para terapias falsas e pseudociência: https://www.thetimes.co.uk/article/caudwell-children-autism-charity-a-magnet-for-quack-therapies-0cdh36gb8

Combate à negação da anticiência e charlatanismo: https://scienceblogs.com/insolence/2015/04/14/combatting-antiscience-denialism-and-quackery-how-to-do-it

Grupos que promovem tratamentos não comprovados estão se movendo rapidamente entre plataformas on-line e estão usando nomes falsos para evitar a detecção, revela uma proeminente defensora dos direitos autistas: https://www.mirror.co.uk/news/uk-news/dangerous-cures-autism-still-being-12278004

Imunização na Era das Notícias Falsas - O que os pediatras precisam fazer: https://www.aap.org/en-us/aap-voices/Pages/Immunization-in-the-Era-of-Fake-News.aspx

A indignação entra em erupção após o homeopata admitir que deve dar água sanitária a crianças: https://www.patheos.com/blogs/withoutacrystalball/2019/03/outrage-erupts-after-homeopath-admits-to-giving-child-bleach/

Comissão de Westminster sobre autismo relata intervenções perigosas: https://network.autism.org.uk/content/westminster-commission-autism-reports-harmful-interventions

Notícias Falsas também estão afligindo o mundo da ciência: https://www.healthline.com/health-news/fake-news-plaguing-world-of-science#1

Como a indústria do charlatanismo prejudica crianças autistas: https://www.psychologytoday.com/us/blog/reclaiming-childhood/200906/how-the-quack-industry-harms-autistic-children

6 Médicos de Michigan acusados de esquema massivo de opiáceos e fraude: https://www.clickondetroit.com/news/michigan/6-michigan-doctors-charged-in-massive-opioid-fraud-scheme-here-s-how-it-worked

Médicos, cuidado, o governo federal está de volta aos negócios: https://www.tampabay.com/opinion/columns/column-doctors-beware-the-federal-government-is-back-in-business-20190201/

Mãe de autista foi investigada pela polícia na Inglaterra por causa do MMS: https://www.thesun.co.uk/news/4188954/bleach-enema-autism-cure-mum-son-method-facebook-group/

Mulher de Chicago promove "tratamento milagroso" controverso: Os críticos dizem que o tratamento, que inclui o dióxido de cloro químico, é perigoso:  https://www.nbcchicago.com/investigations/Chicago-Woman-Offers-Controversial-Miracle-Treatment-for-Autism-304056871.html


Adeptos da ozonioterapia acreditam que técnica pode curar doenças graves, como o câncer e a Aids, mas não há pesquisa que comprove os resultados: http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2018/07/questionada-pela-ciencia-terapia-com-ozonio-ganha-espaco-em-consultorios.html

Doze dicas para suspeitar de charlatanismo: https://www.diabetes.org.br/publico/notas-e-informacoes/1757-doze-dicas-para-suspeitar-de-charlatanismo

Falsa psicóloga oferecia serviço por meio de redes sociais, trabalhando principalmente com crianças autistas: https://www.folhavitoria.com.br/policia/noticia/04/2019/mulher-e-presa-na-serra-suspeita-de-se-passar-por-psicologa

Desinformação preocupa mais do que grupos 'antivacina', diz epidemiologista: https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2019/04/17/desinformacao-preocupa-mais-do-que-grupos-antivacina-diz-epidemiologista.ghtml

Conspiração anti-vacinas: fake news propagam-se nas redes sociais à velocidade da luz: https://poligrafo.sapo.pt/saude/artigos/conspiracao-anti-vacinas-fake-news-propagam-se-nas-redes-sociais-a-velocidade-da-luz

Saúde é a área mais afetada pelas fake news, diz especialista francesa: http://br.rfi.fr/ciencias/20190108-saude-e-area-mais-afetada-pelas-fake-news-diz-especialista-francesa

O nutricionista deve assumir inteira responsabilidade por informações prestadas ao público: https://www.nutricore.com.br/nutricionistas-nas-redes-sociais-evite-punicoes-do-cfn/

Como a fraude em artigos afeta a atividade científica: https://www.ufrgs.br/blogdabc/como-fraude-em-artigos-afeta-atividade/

A ciência explica por que caímos em fake news: https://super.abril.com.br/blog/como-pessoas-funcionam/a-ciencia-explica-por-que-caimos-em-fake-news/

Ministério Público irá consultar Conselho de Medicina em ações judiciais de saúde: Entidades esperam embasar decisões de promotores e combater exercício ilegal da Medicina:
https://gauchazh.clicrbs.com.br/saude/noticia/2019/04/ministerio-publico-ira-consultar-conselho-de-medicina-em-acoes-judiciais-de-saude-cju37ajxn00z601mwn2byza1d.html

Conselho Federal de Medicina: Como funciona: http://etica-medica.info/conselho-federal-de-medicina-cfm.html

Como faço uma denúncia no Conselho de Medicina?: https://www.crmpr.org.br/Como-faco-uma-denuncia-no-Conselho-de-Medicina-43-150.shtml

População pode denunciar médicos faltosos em Unidades de Saúde: https://al.se.leg.br/populacao-pode-denunciar-medicos-faltosos-em-unidades-de-saude/

População pode contribuir com Vigilância Sanitária na fiscalização de produtos irregulares: http://www.blog.saude.gov.br/index.php/51639-populacao-pode-contribuir-com-vigilancia-sanitaria-na-fiscalizacao-de-produtos-irregulares

Água mortal à venda na internet: https://www.cmjornal.pt/sociedade/detalhe/agua-mortal-a-venda-na-internet

Se uma pessoa está transmitindo informações que seriam privativas de um nutricionista, isso é contravenção penal e encaminhamos a denúncia para o Ministério Público Federal dar continuidade ao processo: https://emais.estadao.com.br/noticias/bem-estar,novo-codigo-de-etica-dos-nutricionistas-proibe-divulgacao-de-fotos-antes-e-depois-de-pacientes,70002361997

Contra o fanatismo antiglúten: Existem motivos para deixar de comer glúten se você não for celíaco? O pesquisador Alan Levinovitz denuncia a demonização de determinadas comidas: https://brasil.elpais.com/brasil/2016/07/11/ciencia/1468236864_763015.html 

Nutricionista do HCor alerta para os riscos de uma dieta sem glúten: https://www.hcor.com.br/imprensa/noticias/nutricionista-do-hcor-alerta-para-os-riscos-de-uma-dieta-sem-gluten/

Produtos sem glúten e sem lactose disparam nas vendas. Nutricionistas alertam para riscos: https://www.publico.pt/2019/03/04/sociedade/noticia/nutricionistas-alertam-riscos-produtos-gluten-lactose-1864093

Como denunciar irregularidades na enfermagem?: http://ba.corens.portalcofen.gov.br/como-denunciar-irregularidades-na-enfermagem_31974.html

Como denunciar o exercício irregular da profissão: http://www.crpsc.org.br/como-denunciar-o-exercicio-irregular-da-profissao

Conselho de Psicologia denuncia irregularidades em hospital psiquiátrico de Cariacica, ES: https://g1.globo.com/es/espirito-santo/noticia/2018/12/08/conselho-de-psicologia-denuncia-irregularidades-em-hospital-psiquiatrico-de-cariacica-es.ghtml

Em busca de confirmar nossas próprias certezas: https://revistagalileu.globo.com/blogs/olhar-cetico/noticia/2014/01/em-busca-de-confirmar-nossas-proprias-certezas.html

Coordenadora do Setor de Imunização alerta para Fake News de Saúde e Movimento Antivacina: http://www.radiocacula.com.br/noticias/saude/coordenadora-do-setor-de-imunizacao-alerta-para-fake-news-e-movimento-antivacina

Ciência USP #10: A volta do sarampo: https://jornal.usp.br/podcast/ciencia-usp-10-a-volta-do-sarampo/

Cuidado con las terapias y los productos potencialmente peligrosos que dicen tratar el autismo (em espanhol): https://www.fda.gov/ForConsumers/ConsumerUpdates/ucm394949.htm

Os promotores de falsas terapias contra o autismo: desta forma eles se aproveitam dos pais: tratamentos supostos prometem soluções milagrosas contra o transtorno do espectro do autismo, mas eles são geralmente caros, sem evidências científicas e até prejudiciais: https://www.elconfidencial.com/tecnologia/ciencia/2018-05-27/promotores-falsas-terapias-autismo-desamparo_1568922/

Anvisa libera declaração e vídeo sobre MMS: http://www.rivotrip.com/2019/04/27/anvisa-solta-declaracao-em-video-sobre-mms/

A personalidade narcisista: http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/a-personalidade-narcisista-e-psicopatia/417829

Autismo: como tratamentos heterodoxos podem prejudicar os vulneráveis: http://scienceblogs.com.br/odiva/autismo-como-tratamentos-heterodoxos-podem-prejudicar-os-vulneraveis/

Médico que receitava remédios só para lucrar é condenado: Crise dos opioides nos EUA: https://www.bbc.com/news/business-48143094?ns_mchannel=social&ns_source=facebook&ns_campaign=bbcnews&ocid=socialflow_facebook&fbclid=IwAR1PZad12j4F8zlBvtCs6K8mXYQ49BO-omXBhxap_1YmwnmAGe4pPom9UN4 

A importância de diferenciar ciência e pseudociência na elaboração de política pública: https://www.huffpostbrasil.com/carlos-orsi/a-importancia-de-diferenciar-ciencia-e-pseudociencia-na-elaboracao-de-politica-publica_a_23487991/


MMS: a tal “Solução Mineral Milagrosa” é perigosa e inútil: http://revistaquestaodeciencia.com.br/2019/05/14/mms-tal-solucao-mineral-milagrosa-e-perigosa-e-inutil 

Nove em cada dez 'influencers' de saúde não sabem do que estão a falar, revela um estudo: http://visao.sapo.pt/visaosaude/2019-05-18-Nove-em-cada-dez-influencers-de-saude-nao-sabem-do-que-estao-a-falar-revela-um-estudo

Médicos influencers e o alerta do Cremesp: https://www.novomomento.com.br/Sa%C3%BAde/73906/medicos-influencers-e-o-alerta-do-cremesp

Ozonioterapia e as oxigenações indevidas de condutas médicas: http://medicinabaseadaemevidencias.blogspot.com/2018/07/ozonioterapia-e-as-oxigenacoes.html

Comentários

Mais lidas da semana